Posts Tagged ‘CORONAVÍRUS’

Cai para três número de casos suspeitos de coronavírus no Brasil

segunda-feira, fevereiro 17th, 2020

O número de casos suspeitos de infecção por coronavírus no Brasil caiu para três, informou o Ministério da Saúde. Segundo o balanço mais recente da pasta, divulgado às 12h de domingo 16/2, dois pacientes em São Paulo e um no Rio Grande do Sul estão sendo monitorados. O número de suspeitas descartadas subiu para 45.

O total não mudou em relação ao boletim de sábado 15/2. De sexta-feira (14) para sábado, um caso no Paraná e outro no Rio Grande do Sul foram descartados. No entanto, um caso começou a ser investigado em São Paulo, resultando no total de três suspeitas em todo o país.

Foto/Fonte: Agência Brasil

Número suspeito de coronavírus cai no Brasil

sexta-feira, fevereiro 14th, 2020

O Brasil tem, atualmente, seis pessoas suspeitas de ter o coronavírus Covid-19. Os dados foram atualizados pelo Ministério da Saúde na tarde de quinta-feira 13/2. De ontem, quando havia 11 casos suspeitos, para hoje, seis casos foram descartados – três em São Paulo, dois no Rio de Janeiro e um em Minas Gerais – e um foi incluído, no Rio Grande do Sul.

Apesar da queda no número de casos suspeitos, o ministério evita considerar que o Brasil está livre de sofrer um surto. Para o secretário-executivo da pasta, João Gabbardo, a escala de contaminação pode ser lenta e ainda chegar ao país. Além disso, não se descarta a hipótese do constante aumento de casos na China e em outros países ainda trazer consequências para o Brasil.

“O fato de ter passado 14 dias e achar que as pessoas que deveriam ter vindo da China já ficaram mais de 14 dias não significa que, futuramente, não venham pessoas, tanto da China como de outros países, e que possam ser portadores do vírus”, disse Gabbardo. “Porque à medida que o vírus crescer em outros locais, como Alemanha ou Estados Unidos por exemplo, essas pessoas virão para o Brasil e também poderão trazer a doença”.

Em relação aos brasileiros que vieram de Wuhan, cidade considerada o epicentro do vírus, e estão separados cumprindo quarentena em Anápolis, o secretário de Vigilância em Saúde do ministério, Wanderson Oliveira, disse apenas que “estão todos ótimos, super bem, a gente tem mantido contato”.

Gabbardo também esclareceu que o ministério já prevê a aplicação de um protocolo da Organização Mundial de Saúde no qual será dispensada uma investigação detalhada para confirmar coronavírus caso o país chegue a 100 casos confirmados da doença. Apenas os sintomas e determinadas características que aparecerem no raio-x serão suficientes para caracterizar a contaminação. Esse procedimento está sendo adotado em Hubei, província na qual está localizada Wuhan.

Apesar do Brasil ainda não ter nenhum caso confirmado, Oliveira afirmou que o governo trabalha com “todos os cenários”, justificando tal planejamento mesmo para uma hipótese ainda distante da realidade do país.

“Nós estamos trabalhando para todos os cenários possíveis. Inclusive nos piores cenários, ou seja, a gente ter uma circulação mais intensa do vírus, baseado no que a China vem vivendo, ou até mesmo não termos casos. A nossa obrigação é deixar os serviços preparados para atuarem em condições de tranquilidade”.

Ainda não existe nenhum caso de coronavírus confirmado na América do Sul. Até hoje, quando houve o anúncio de uma nova metodologia adotada pela China, 60.364 casos foram contabilizados no mundo. Somente na China são 59.826 casos. O número de mortes chegou a 1.370 e 6.292 pessoas foram curadas. Nesta quinta-feira houve a maior confirmação de casos desde o início do surto.

Foto/Fonte: Agência Brasil

Número de mortes por coronavírus passa de 900

segunda-feira, fevereiro 10th, 2020

Pai do céu. O número de mortes pelo coronavírus na China subiu para 908, segundo dados divulgados no domingo 9/2, pelas autoridades locais. A quantidade de vítimas fatais já é maior do que a da Síndrome Respiratória Aguda Grave (Sars).

Em todo o país, foram confirmados 40.171 casos de infecção pelo vírus e outros 23.589 estão sob suspeita. Só na província de Hubei, epicentro da doença, foram 2.618 novos casos confirmados neste domingo.

Fora da China, mais de 320 casos de contaminação foram confirmados em cerca de trinta países e territórios. No Brasil, nenhum registro foi confirmado, mas 11 casos são suspeitos.

Foto : GOV CN

Brasileiros resgatados na China chegam à Base Aérea de Anápolis

domingo, fevereiro 9th, 2020

Os 34 brasileiros resgatados na China chegaram à Base Aérea de Anápolis, em Goiás, na manhã deste domingo (9). Eles vieram em dois aviões da Força Aérea Brasileira (FAB) enviados ao país asiático na última quarta-feira (5). As aeronaves pousaram às 6h05 e 6h12 vindas de Fortaleza, última escala técnica no trajeto da chamada Operação Regresso.

O resgate foi feito na cidade chinesa de Wuhan, epicentro do surto mundial do coronavírus. As aeronaves também trouxeram quatro poloneses e um chinês que desembarcaram em Varsóvia, na Polônia, um dos locais de escala para abastecimento.

Os repatriados vão permanecer em quarentena por 18 dias, no hotel de trânsito da Base Aérea de Anápolis, que foi especialmente preparado para essa operação. A tripulação –médicos, pilotos, enfermeiros, etc… – que participou do resgate também vai cumprir período de quarentena.

Todos ficarão em apartamentos individuais ou, no caso dos que são pais ou mães de crianças menores, poderão ficar no mesmo quarto. O grupo inclui crianças de 2 e 3 anos e outras de 7 a 12 anos. As visitas estão proibidas.

Os dois aviões da FAB com os resgatados a bordo decolaram de Wuhan, na China, no início da noite de sexta-feira (7). No trajeto para o Brasil, as aeronaves pararam para reabastecimento em Ürumqi (China), Varsóvia (Polônia), Las Palmas (Espanha), e em Fortaleza, já em território brasileiro.

Foto/Fonte: Agência Brasil

Cidadãos de outros países poderão voltar da China em aviões do Brasil

sexta-feira, fevereiro 7th, 2020
O presidente Jair Bolsonaro fala à imprensa e cumprimenta populares ao sair do Palácio da Alvorada

As aeronaves enviadas pelo governo federal para resgatar brasileiros em Wuhan, na China, poderão trazer cidadãos de outros países, caso haja disponibilidade de espaço nos voos. A informação foi dada pelo presidente Jair Bolsonaro durante live semanal transmitida na noite desta quinta-feira 6/2. Um pedido de carona, segundo o presidente, já foi solicitado pelo governo da Polônia.  

“Talvez, se tivermos apenas em torno de 40 brasileiros para trazer para cá, como sobrariam em torno de 10 vagas, eu já autorizei a trazer nacionais de outros países. Se for da América do Sul, pousa aqui. Parece que entrou um pedido da Polônia agora e, obviamente, como vai pousar em Varsóvia [capital polonesa], eles foram gentis para conosco, e têm poloneses lá [em Wuhan], se quiserem retornar, [eles] vêm e desembarcam em Varsóvia e tudo bem”, disse o presidente.

As duas aeronaves da Força Aérea Brasileira (FAB) decolaram na quarta-feira 5/2 de Brasília com destino a Wuhan . A expectativa é que eles tragam de volta ao Brasil as 34 pessoas (brasileiros e parentes) que se encontram na cidade epicentro do surto de coronavírus. Na volta, as aeronaves farão cinco escalas: Urumqi (China), Varsóvia (Polônia), Las Palmas (Espanha) e Fortaleza (CE), até o pouso final em Anápolis (GO). 

Só poderão embarcar na China pessoas que não apresentarem sintomas da doença. Uma equipe de médicos militares fará exames preliminares ainda em solo chinês. A previsão é que os aviões cheguem ao Brasil no sábado (8), com desembarque na Base Aérea de Anápolis, em Goiás. Todos os resgatados, bem como a tripulação de militares, equipe médica e o cinegrafista da Empresa Brasil de Comunicação (EBC) que estão a bordo, passarão por uma quarentena de 18 dias nas instalações da base, seguindo protocolos e instruções oficiais visando à segurança de todos envolvidos. Os cidadãos isolados terão tratamento gratuito e o direito de serem informados permanentemente sobre seu estado de saúde.

Durante a live, o diretor da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa), Antonio Barra Torres, informou que as instalações na Base Aérea de Anápolis estão prontas para receber os resgatados com toda a estrutura de saúde e segurança para evitar contaminação. Ele buscou tranquilizar os moradores da região.

“Se vai ter um lugar no Brasil muito difícil desse vírus se disseminar será Anápolis, porque toda a estrutura de segurança sanitária, todas as medidas estão sendo tomadas para acolher os nossos cidadãos brasileiros que estavam em situação difícil na China”, afirmou.

Foto/Fonte: Agência Brasil

Assustador: Número de mortes pelo coronavírus chega a quase 500

quarta-feira, fevereiro 5th, 2020

Autoridades de saúde da China informaram que mais 65 pessoas morreram na província de Hubei nessa terça-feira 4/2, em decorrência do novo coronavírus. A mais recente atualização eleva o número total de mortes na China para 490.

O número de pacientes infectados aumentou em 3.887, com o total alcançando 24.324 pessoas no país.

Casos da nova variante do coronavírus foram confirmados em 27 países e regiões além da China. O número total de pessoas infectadas fora da China continental já chega a 226.

Os casos confirmados incluem 33 no Japão, 25 na Tailândia, 24 em Singapura, 18 em Hong Kong, 18 na Coreia do Sul, 13 na Austrália, 12 na Alemanha, 11 nos Estados Unidos e 11 em Taiwan.

Malásia, Macau e Vietnã têm 10 casos confirmados cada, enquanto a França confirmou seis, os Emirados Árabes, cinco e a Índia, três casos.

Canadá, Itália, Reino Unido, Rússia e Filipinas têm dois casos cada confirmados. Nepal, Camboja, Sri Lanka, Finlândia, Suécia, Espanha e Bélgica têm um caso confirmado por país.

Até o momento, uma pessoa nas Filipinas e uma em Hong Kong morreram em decorrência do coronavírus.

Foto: Reprodução

*Agencia Brasil

Ilhéus receberá navio de país com casos de coronavírus

domingo, fevereiro 2nd, 2020

Vixe. O Porto de Malhado, na Cidade de Ilhéus, no interior da Bahia, receberá neste domingo 2/2, um navio cargueiro de Singapura, cidade-estado asiático com 10 casos confirmados de infecção pelo novo coronavírus chinês. Segundo informações do site O Tabuleiro, a Companhia das Docas do Estado da Bahia (CODEBA) emitiu uma nota de esclarecimento.

De acordo com a nota, o navio IVS KESTREL, embora tenha bandeira de Singapura, local em que foi registrado, ele vem de Praia Mole (ES). Ele esteve antes em Porto de Espanha (Trinidad e Tobago) e Nova Orleans (EUA), todos portos fora da China.

A Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) está acompanhando o caso de perto e informa que nenhum navio atraca sem antes ter passado os dados de saúde dos tripulantes.

“Ele não vem área de transmissão local, então não há perigo”, disse coordenador de vigilância sanitária que acompanha o caso. De acordo com o especialista, Ilhéus segue em alerta e, nesta segunda-feira, 3, uma reunião vai discutir medidas de preparação para o coronavírus e H1N1.

Foto: Reprodução

Brasil tem 12 casos suspeitos do novo coronavírus, diz Ministério da Saúde

sexta-feira, janeiro 31st, 2020
O secretário de Vigilância em Saúde, Wanderson de Oliveira, durante entrevista coletiva para atualizar o boletim sobre o novo coronavírus da China

O Ministério da Saúde informou nesta sexta-feira 31/1 que o número de casos considerados suspeitos de coronavírus subiu para 12 no Brasil. Nas últimas 24 horas, houve um aumento de seis novos casos em investigação, enquanto outras três suspeitas foram completamente descartadas.

Os casos suspeitos estão em cinco estados: Ceará (1), Paraná (1), Rio Grande do Sul (2), Santa Catarina (1) e São Paulo (7). Os casos suspeitos no Rio de Janeiro e Minas Gerais, que constavam no último relatório, foram descartados pelas autoridades de saúde. O balanço apresentado em coletiva de imprensa foi fechado às 12h desta sexta 31/1.

Em todo o mundo, já são mais de 9,9 mil pessoas infectadas pelo coronavírus, sendo que 99% dos casos confirmados estão na China. Do total de casos da doença, 1,3 mil são considerados graves. O número de mortes já passa de 200, apenas na China. De acordo com o Centro de Controle de Doenças da China, o coronavírus já foi detectado em 26 países.

Na quinta-feira (30), a Organização Mundial da Saúde (OMS) declarou estado de emergência global em razão da disseminação do coronavírus.

Brasil tem três casos suspeitos de coronavírus, diz ministro

quarta-feira, janeiro 29th, 2020

O Ministério da Saúde confirmou no fim da tarde de terça-feira 28/1, que o Brasil tem três casos suspeitos de coronavírus. Além de uma estudante de 22 anos, que está internada em Belo Horizonte, mais duas pessoas têm suspeitas de portar o vírus. Uma delas está em Porto Alegre (RS) e outra em Curitiba (PR).

Segundo o ministério, esses pacientes se enquadram na atual definição de caso suspeito. Eles apresentaram febre e pelo menos um sinal ou sintoma respiratório; além de terem viajado para a China, país onde a contaminação teve início, nos últimos 14 dias. O ministério não ofereceu mais detalhes sobre os casos.

Dados do ministério apresentados na manhã desta terça-feira mostraram que, no período de 3 a 27 de janeiro, foram analisados 7.063 suspeitas de pessoas com coronavírus no Brasil. Desses, 127 exigiram a verificação mais detalhada e apenas o caso da estudante em Belo Horizonte havia sido enquadrado como suspeita.

Diante da epidemia que tem se espalhado rapidamente pela Ásia e atingindo também países da Europa e da América do Norte, o ministério recomenda que os brasileiros evitem viagens à China. O ministro Luiz Henrique Mandetta pediu para que as viagens apenas sejam realizadas se forem necessárias.

“Nós desaconselhamos e não proibimos as viagens para a China. Não se sabe, ainda, qual é a característica desse vírus que é novo; sabemos que ele tem alta letalidade. Não é recomendável que a pessoa se exponha a uma situação dessas e depois retorne ao Brasil e exponha mais pessoas. Recomendamos que, não sendo necessário, que não se faça viagens, até que o quadro todo esteja bem definido”, disse durante entrevista à imprensa.

Foto: Reprodução

*Agência Brasil

ACM Neto e a preocupação com o coronavírus no Carnaval

terça-feira, janeiro 28th, 2020

Preocupação. ACM Neto, prefeito de Salvador, disse nesta terça-feira, dia 28/1, que a Secretaria Municipal de Saúde (SMS) e a Secretaria de Saúde do Estado da Bahia (Sesab) estão em diálogo sobre as medidas a serem tomadas, especialmente no Carnaval, para prevenir a entrada do coronavírus na Bahia.

ACM Neto foi direto ao assunto: “Há uma atenção total. Pedi ao secretário de Saúde, Leonardo Prates, que pudesse estabelecer contato com o secretário Fábio Vilas Boas, e as medidas estão sendo acompanhadas com atenção”, finalizou.

Foto: Divulgação/PMS