Posts Tagged ‘AGRICULTURA FAMILIAR’

Governo entrega sistema integrado de água para quatro cidades da Bahia

terça-feira, julho 16th, 2019

Levar água de qualidade às casas dos baianos que moram no interior, seja nas sedes ou nos distritos, é uma das prioridades do governo estadual, e a entrega da ampliação de um sistema integrado de abastecimento que beneficia 78 mil habitantes de quatro municípios do centro-norte da Bahia é mais um passo nessa direção. Orçada em mais de R$ 26 milhões, a obra foi inaugurada pelo governador Rui Costa, durante agenda em Várzea do Poço, na segunda-feira, dia 15/7.

Executada pela Empresa Baiana de Águas e Saneamento (Embasa), a intervenção representa a segunda etapa das fases 2 e 3 do sistema integrado de Pedras Altas, alcançando, além de Várzea do Poço, os municípios Várzea da Roça, Mairi e Quixabeira. “Estamos fazendo a entrega de um projeto que envolve R$ 40 milhões em adutora, somando todas as etapas. São mais de 100 quilômetros de adutora para integrar os sistemas e melhorar a qualidade da água, substituindo a água salobra por água doce, pronta para o consumo nas casas. Até o final do ano, entregaremos outros equipamentos para a população. Além desse valor, temos em execução nessa região uma obra de aproximadamente R$ 30 milhões de uma adutora que vai ligar as barragens Ponto Novo e Pedras Altas, aumentando a segurança no abastecimento das cidades do entorno”, explicou o governador.  

A obra entregue na manhã desta segunda envolveu a extensão da adutora em mais 38 mil metros e a colocação de duas estações elevatórias e de dois reservatórios apoiados, bem como a construção de uma estação de tratamento de água com vazão de 143 litros por segundo.

Agricultura Familiar 

Outro equipamento de fundamental importância para a população de Várzea do Poço, e que tem ligação direta com a agricultura familiar – outra prioridade de gestão –, o Centro de Abastecimento, conhecido na região como Mercadão, foi totalmente reformado pelo Governo do Estado. A obra, orçada em R$ 300 mil e executada pela Companhia de Desenvolvimento Urbano do Estado da Bahia (Conder), permitiu a colocação de esquadrias metálicas e de madeira, instalação de novo revestimento, piso nas áreas externa e interna, nova cobertura, paredes e painéis, além de instalações sanitárias e elétricas.

Ainda na área da Agricultura Familiar, assim como tem feito em outros municípios por onde passa, o governador Rui Costa fez a entrega de 320 certificados do Cadastro Ambiental Rural (CAR). O documento, entre outras finalidades, possibilita que pequenos produtores tenham acesso a financiamentos, o que viabiliza o aumento da produção.

Outras ações

Também fez parte da agenda na cidade a entrega da grama sintética do Estádio Municipal Plácido Paulo de Oliveira. A ação, da Secretaria do Emprego, Trabalho, Renda e Esporte (Setre), contou com recursos de aproximadamente R$ 585 mil. 

Entre os beneficiados pela iniciativa estão jovens como Tulio Mota, de 15 anos, que é participante do Programa Esporte e Lazer da Cidade (Pelc), executado pela Setre. “Esse gramado permite que a gente treine e encare, em igualdade de condições, adversários nos campeonatos regionais e, assim, o sonho de ser profissional se torna possível”, afirmou.
Ainda nesta segunda-feira, foram entregues uma ambulância tipo van e um aparelho de raio-x, este último para a prefeitura da vizinha Serrolândia. A extensa agenda em Várzea do Poço foi encerrada com a visita do governador Rui Costa ao Colégio Estadual Felipe Cassiano.

Foto: Paula Fróes/Divulgação/GOVBA

Bahia vai exportar café da agricultura familiar para a China

quarta-feira, julho 10th, 2019

De Barra do Choça para a China, o café da agricultura familiar atravessa fronteiras e conquista o paladar dos asiáticos. Ainda neste ano, a Cooperativa Mista dos Pequenos Cafeicultores de Barra do Choça e Região (Cooperbac) começa a exportar seus produtos para o país asiático.

Nesta terça-feira, dia 9/7, um grupo da Câmara de Comércio da China conheceu as instalações da cooperativa baiana da agricultura familiar, que tem previsão de enviar para o país cerca de 40 toneladas de café por mês.

O Governo do Estado, por meio do Bahia Produtiva, projeto executado pela Companhia de Desenvolvimento e Ação Regional (CAR), empresa pública vinculada à Secretaria de Desenvolvimento Rural (SDR), investiu cerca de R$3,4 milhões na cadeia produtiva do café da cooperativa, possibilitando agregar valor à produção e alavancar a comercialização do produto.  

Os investimentos deram um salto na qualidade da produção, com a oferta de assistência técnica e extensão rural (Ater), aquisição de equipamentos como cinco despolpadores e 20 estufas instalados nas propriedades dos agricultores, o que resultará na linha gourmet da Cooperbac. A cooperativa também teve sua estrutura contemplada com máquina pesadora, modeladora e empacotadora a vácuo, ampliando o acesso ao mercado. 

A presidente da Cooperbac, Joara Oliveira, destaca que a exportação de uma grande quantidade de café significa que os cooperados estão organizados: “Isso foi possível graças aos investimentos que o Governo do Estado tem feito na qualificação da agroindústria e na qualificação das unidades familiares. Significa que esses projetos estão promovendo renda pra os nossos produtores. Se a gente está fazendo essa exportação hoje é graças a esse projeto, o que vai gerar muita economia e vai tirar a figura dos atravessadores da vida dos nossos produtores”.

Para o secretário de Desenvolvimento Rural, Josias Gomes, a Cooperbac está fazendo uma revolução, desde o plantio até a comercialização, produzindo café de qualidade, com inovações fantásticas: “Somos parceiros nessa jornada e eles mostram que quando a agricultura familiar tem incentivo é possível alcançar grandes mercados. Nós estamos mostrando para todo o Brasil e para o mundo que a agricultura familiar da Bahia é economicamente viável e um sucesso mundial”.

No próximo mês de novembro, um grupo da Cooperbac visitará as instalações da Câmara de Comércio da China para conhecer, in loco, seus investidores.  Fonte: SECOM /SDR

Foto: Reprodução

Rui entrega equipamentos que fortalecem a agricultura familiar em mais de 300 municípios

terça-feira, março 26th, 2019

O governador Rui Costa (PT) concretizou uma série de ações para o fortalecimento da agricultura familiar baiana na manhã de segunda-feira 25/3. Durante evento no Parque de Exposições, em Salvador, Rui realizou a entrega de máquinas, equipamentos e veículos para prefeituras e entidades do ramo. O ato representa um investimento de R$ 47 milhões em iniciativa que impulsiona as atividades da agricultura em 368 municípios baianos. 

“Hoje, diversos municípios baianos estão recebendo máquinas que vão ajudar a melhorar a vida das pessoas, auxiliar nas obras urbanas e garantir novas tecnologias para a infraestrutura hídrica na zona rural. Com os equipamentos, as associações e cooperativas poderão aumentar a produção, melhorando a renda das famílias na área rural e fortalecendo o comércio das pequenas e médias cidades da Bahia ”, ressaltou o governador. 

Foram entregues 86 tratores; nove caminhões baú; 14 caminhões basculante; sete pás carregadeiras; 15 rolos compactadores; 22 caminhões-pipa; 13 escavadeiras hidráulicas; 756 implementos agrícolas e quatro máquinas para produção de asfalto. Ainda foram entregues 30 veículos que irão reforçar o trabalho da Agência de Defesa Agropecuária da Bahia (Adab). 

Os equipamentos entregues nesta segunda fazem parte de iniciativas que envolvem as secretarias estaduais da Agricultura (Seagri) e de Desenvolvimento Rural (SDR). O titular da Seagri, Lucas Bastos, explicou a forma de distribuição dos equipamentos. “Com relação às máquinas grandes, nós estamos fazendo a entrega para os consórcios. Isso faz com que as máquinas sejam melhor aproveitadas. Os tratores, por exemplo, são destinados diretamente ao gestor municipal, tendo as associações como destinatários finais. São equipamentos que melhoram a logística de produção da nossa agricultura”, ressaltou.

 

 

 

Foto: Secom/GOVBA

Fenagro: Organizadores têm expectativa de atrair 300 mil visitantes

segunda-feira, novembro 26th, 2018
Uma semana de oportunidade para empresários do agronegócio e agricultores familiares movimentarem a economia, e também para turistas e baianos conhecerem o que é produzido no interior do estado. Até o próximo domingo (2), estão abertas ao público, simultaneamente, a 31ª Feira Internacional da Agropecuária (Fenagro) e a 9ª Feira da Agricultura Familiar, no Parque de Exposições da Bahia, em Salvador. A abertura foi realizada neste domingo (25), com a presença do vice-governador, João Leão, secretários e outras autoridades. Este ano a feira também comemora os 40 anos do Parque de Exposições. Nesta edição, a Fenagro tem como expectativa atrair 300 mil visitantes e movimentar R$ 100 milhões. 
O vice-governador João Leão lembrou que a Bahia é o estado brasileiro que tem o maior número de agricultores familiares do país, são 750 mil pequenos produtores, mais de três milhões de famílias vivendo da agricultura. “Temos também mais 300 mil  médios e grandes produtores. São mais de um milhão de produtores no estado, e isso é uma alta produtividade. A Bahia está se tornando um dos maiores celeiros do Brasil na produção agrícola, e agora nós estamos avançando na industrialização”, destacou. 
Para o secretário estadual de Desenvolvimento Rural, Jerônimo Rodrigues, a Fenagro é uma oportunidade de o Brasil conhecer a força do rural baiano. Aqui estão representados da pecuária ao artesanato, passando pelo agronegócio, os quilombos, indígenas, mostrando cadeias estratégicas, com produtos de qualidade sendo apresentados”. Ainda segundo ele, é uma oportunidade de se marcar um encontro entre quem produz e quem comercializa, que são as redes de supermercado, hotéis, restaurantes. Além disso, as feiras oferecem ao público diversão, cultura e gastronomia”. 
O licuri do Sertão do São Francisco, o mel e o artesanato da região da Bacia do Rio Corrente e todos os territórios de identidade da Bahia estão representados. O prefeito Marcão, do município de Santana, localizado no oeste da Bahia, na Bacia do Rio Corrente, destacou a importância da Fenagro para o pequeno agricultor. “É um fortalecimento da geração de emprego e renda dentro da Agricultura Familiar. Nós temos um grande número de famílias na região vivendo da agricultura, a nossa bacia não é do agronegócio. Portanto, esta feira vem fortalecer os agricultores familiares que são responsáveis por 75% dos produtos que chegam à mesa do brasileiro”. 
Foto: Divulgação/GOVBA

Rui Costa entrega tratores e assina convênios para pequenos agricultores no Sudoeste

domingo, setembro 10th, 2017

O governador Rui Costa entregou na sexta-feira,dia 8/9, 15 tratores para pequenos agricultores do sudoeste da Bahia. As máquinas são resultado de emendas impositivas de deputados aliados.Na viagem à Cidade de Belo Campo, na Região Sudoeste, Rui também autorizou convênios da Secretaria de Desenvolvimento Rural (SDR) com associações locais, no valor de R$ 770 mil, por meio do programa Bahia Produtiva.  “O desenvolvimento da Bahia passa pela agricultura familiar. A Bahia é o estado que tem o maior numero de agricultores familiares do país, são 700 mil famílias, cerca de 3 milhões de pessoas”, comentou o governador. Segundo ele, foram contratadas empresas para entregar certificados de cadastros ambientais aos agricultores. O documento permite que as terras estejam legalizadas. Na gestão Rui Costa, já foram entregues 120 mil certificados e a expectativa é que o número chegue a 400 mil até o final do mandato.

 

 

Foto: Divulgação

Bacia do Jacuípe recebe investimentos em segurança e abastecimento

segunda-feira, agosto 22nd, 2016

normal_1471713947WhatsApp_Image_20160820_at_14.17.53

Moradores da zona rural da Bacia do Jacuípe foram beneficiados com a ampliação do acesso à água neste sábado (20), por meio da entrega de um sistema de abastecimento e de 30 cisternas, realizada pelo governador Rui Costa, em Pintadas. Também no município, Rui autorizou convênios do Programa Bahia Produtiva, entregou 55 títulos de terra e três viaturas para a Polícia Militar, além de ter autorizado o início das obras de sinalização de trânsito e visitado o Colégio Estadual Normal de Pintadas e a Cooperativa Agroindustrial da cidade.

A rede de distribuição inaugurada possui uma adutora de 40 quilômetros, levando água para 308 domicílios e mais de mil moradores de quatro distritos, em um investimento de R$ 2,2 milhões. Entre as 30 cisternas entregues, três serão implantadas em escolas da zona rural. As três viaturas reforçam a segurança nos municípios de Pintadas, Baixa Grande e Mundo Novo. Já o sistema de trânsito de Pintadas vai receber investimento de mais de R$ 200 mil do Governo do Estado, com a implantação de 410 placas de sinalização.

Títulos de terras

Ao entregar o título de propriedade ao agricultor familiar Justino Gomes, Rui descobriu que o pequeno produtor, de 73 anos, vive desde que nasceu nas terras que cultiva, mas ainda não tinha o documento de propriedade. “Sem esse documento, os pequenos produtores não podem acessar o crédito no banco, não podem ter acesso aos programas federais e estaduais, nem podem deixar a propriedade de herança para filhos e netos. Pela importância deste documento, que é o título de terra, a nossa meta é chegar ao final do governo com 20 mil documentos entregues aos agricultores”, afirmou o governador, ao lado do secretário de Desenvolvimento Rural, Jerônimo Rodrigues.

Para o agricultor, o título de terra “é importante porque eu tenho sete filhos. Crio uns bichos, galinha, porco, bezerro e planto. Agora, com o título, eu estou seguro de deixar a terra, que não é muita, mas é para eles. Também posso pegar um empréstimo no banco para fazer um melhoramento. Então, esse documento é muito importante”.

Convênios

Na ocasião, o governador também destacou a importância de apoiar cooperativas que são modelos de sucesso. “A Bahia tem 700 mil famílias de agricultores familiares, cerca de 3 milhões de baianos que sustentam a família com a pequena agricultura. O dinheiro que esse pequeno agricultor ganha na produção, ele gasta na cidade. Se fortalecemos o pequeno agricultor, nós fortalecemos também o comércio do município. Por isso estamos assinando os dois convênios [do Bahia Produtiva], de R$ 1,5 milhão, para adquirir máquinas e equipamentos, para reforma e ampliação do abatedouro e frigorífico, e para a aquisição de veículo e baú refrigerado”.

De acordo com o presidente da Cooperativa Agroindustrial de Pintadas, Gerinelson Gonçalves, mais de mil pequenos produtores fazem parte da cooperativa. Atualmente, o frigorífico tem capacidade para armazenar 11 mil quilos de carne de ovinos e caprinos. Com a ampliação, serão instaladas mais câmaras frias e a capacidade passará a ser de 20 mil quilos, incluindo também carne bovina.

“A ampliação vai proporcionar o aumento da escala de abate, fortalecer a cadeia produtiva de caprinos e ovinos, incentivar o produtor a criar mais, melhorar o manejo e produzir mais. O abatedouro ajuda a garantir a comercialização. Isso tudo é geração de renda, regulação de preço, combate à clandestinidade, aumento do produto certificado e, o mais importante, aumento da renda para o pequeno produtor”, ressaltou Gerinelson.

 

Foto/fonte: Secom/GOVBA

Governo anuncia medidas do Plano Safra da Agricultura Familiar nesta segunda, 22

domingo, junho 21st, 2015

IMG_4575.JPG

As medidas que compõem o Plano Safra da Agricultura Familiar (Pronaf) 2015/2016 serão anunciadas nesta segunda-feira, dia 22, pelo governo. Entre elas estão os novos critérios do Seguro da Agricultura Familiar (Seaf), do Programa Garantia-Safra, da ampliação da assistência técnica para as famílias de agricultores e o volume de crédito.

Em maio, a presidenta Dilma Rousseff havia anunciado a concessão de pelo menos R$ 25 bilhões ao Pronaf. No ano passado, o Plano Safra da Agricultura Familiar recebeu recursos da ordem de R$ 24,1 bilhões.
A agricultura familiar, de acordo com o último Censo Agropecuário, é responsável por 74% da mão de obra no campo, além de contribuir com 33% do valor bruto da produção agropecuária.
O Ministério da Defesa informou na sexta-feira, dia 19,que vai adquirir alimentos produzidos pela agricultura familiar, no âmbito do Plano Safra 2015/2016. Os produtos abastecerão os restaurantes da administração central e de organizações militares da Marinha, do Exército e da Aeronáutica localizadas em Brasília.
Foto: Ilustrativa