Posts Tagged ‘Lúcio Vieira Lima’

Polícia Federal faz buscas nos endereços de Lúcio Vieira Lima em Salvador e Brasília

segunda-feira, outubro 16th, 2017

Vixe. A Polícia Federal faz na manhã desta segunda-feira, dia 16/10, operação no gabinete em Brasília e no apartamento do deputado federal Lúcio Vieira Lima (PMDB), em Salvador. Lúcio é irmão do ex-ministro Geddel Vieira Lima (PMDB), preso no dia 8/9.

Os policiais querem saber se o parlamentar tem ligação com os 51 milhões de reais encontrados em um apartamento no bairro da Graça, em Salvador.

Nesta operação, os agentes da PF cumprem mandados de busca e apreensão no endereço funcional de Lúcio Vieira Lima, em Brasília, em endereços localizados em Salvador. A ação foi autorizada pelo ministro do Supremo Tribunal Federal (STF) Edson Fachin.

 

 

Foto: Hora do Bico

Deputado Lúcio Vieira Lima sofre grave de carro

segunda-feira, junho 12th, 2017
Vixe. Lúcio Vieira Lima, deputado federal (PMDB), sofreu um acidente de carro na manha desta segunda-feira, dia 12/6. O carro do político ficou destruído e teve perda total segundo Lúcio.
O parlamentar afirmou que cochilou e acabou “pegando um poste na Sabino Silva , ao lado do Vitória Center”. Pelas redes sociais, Lúcio tratou de tranquilizar os amigos e eleitores: “graças a Deus, ao air bag e ao cinto de segurança eu quebrei apenas o dedo mindinho da mão direita , o qual devo operar ainda hoje!”.
Lúcio disse deixou o carro na Abaeté e voou para Valença, de onde partiu para a Cidade de Teolândia, onde participou da Festa da Banana. Lá, o deputado ficou até mais tarde para assistir a dois shows. O retorno para Salvador aconteceu por volta das 5h.
Depois de exames, ficou constatado de que Lúcio teve uma costela fraturada e terá tratamento com medicação, sem necessidade de imobilização.
Foto: Reprodução/Redes Sociais

Assista: Lúcio Vieira Lima bate boca na Câmara para defender Geddel

quinta-feira, novembro 24th, 2016

A pressão subiu. Lúcio Vieira Lima (PMDB-BA), deputado federal, protagonizou um bate boca de alta pressão com o deputado Sílvio Costa (PT do B-PE), para defender o ministro da Secretaria de Governo e seu irmão, Geddel Vieira Lima. A confusão, registrada pelo site Poder360, começou quando Costa pediu, no plenário da Câmara, a demissão de Geddel após a acusação de que ele praticou tráfico de influência para conseguir a liberação de um empreendimento imobiliário em Salvador. Em um dos momentos mais tensos, Lúcio cita o filho de Sílvio que “estaria com bens bloqueados em função de acusação de desviar dinheiro público”. Em seguida, Sílvio Costa afirmou que “o ministro Geddel Vieira Lima tem fama de ladrão”, concluiu.

 

Foto: Reprodução/Youtube

 

Depois do sucesso do PMDB em Vitória da Conquista, Lúcio diz que “a Bahia vai se libertar do PT em 2018”

segunda-feira, outubro 31st, 2016

lucio2

Bola de cristal. Lúcio Vieira Lima (PMDB), deputado federal baiano, comemorou o sucesso da candidatura de Herzem Gusmão (PMDB) para prefeito de Vitória da Conquista, no sudoeste baiano, neste domingo, dia 30/10. O peemedebista derrotou no segundo turno o candidato do PT, deputado federal, Zé Raimundo, que tentava a busca do sexto mandato consecutivo do PT na Cidade.

Num vídeo publicado nas redes sociais, Lúcio repetiu o discurso que Herzem usou durante a campanha ao falar de libertação. “Ganhamos com gostinho especial, o gosto da libertação. Conquista estava há 20 anos sob o comando do PT, agora, chega de mentira, chega de má gestão, chega de fazer todo tipo de manobra para se perpetuar no poder”, provocou.

Em sua fala, Lúcio previu já o resultado das eleições de 2018 na Bahia: “O Brasil se libertou com Michel Temer presidente, agora, é a vez de Vitória da Conquista, e com certeza, em 2018 será a vez da Bahia”, finalizou.

 

Foto: Hora do Bico

Para Lúcio, “afastamento de Jucá mostra diferença entre governos Temer e Dilma

terça-feira, maio 24th, 2016

lucio2

Retou. Lúcio Vieira Lima (PMDB), deputado federal pela Bahia, afirmou nesta terça-feira, dia 24, que a divulgação do áudio que o senador Romero Jucá, então ministro do Planejamento, aparece falando em estancar a Lava Jato, não significa ponto negativo para o governo interino. “Tem males que vem para bem”, resumiu. Jucá anunciou dia 23/5, seu afastamento do cargo, mas no Diário Oficial da terça-feira, dia 24, publicou sua exoneração. “Acho que esse fato serviu para mostrar o diferencial desse governo do presidente Temer e do governo da presidente Dilma. Quando a presidente usa ministério para dar foro especial para algumas pessoas ligadas a ela, não foi à toa que ela criou o ministério da chefia de gabinete para acolher o ex-governador Jaques Wagner. Não foi à toa que ela chegou a nomear Lula na Casa Civil”, detonou.

 

Foto: Hora do Bico

Lucio Vieira Lima é parado em blitz da lei seca

domingo, maio 22nd, 2016

luciovieiralima

001 (150)

Olha aí. Lucio Vieira Lima, deputado federal (PMDB), foi parado em uma blitz da lei seca na madrugada deste domingo, dia 22, em Salvador. O parlamentar fez o registro em suas redes sociais.

De acordo com o político ele, voltava de uma viagem a trabalho e logo após o teste do bafômetro, o motorista do carro que o levava, foi liberado e eles puderam descansar.

 

Fotos: Hora do Bico e Reprodução/Instagram

Manifestantes gritam “não vai ter golpe” em voo onde estavam Paulo Azi, Aleluia e Lúcio Vieira Lima

sábado, abril 2nd, 2016

untitled (30)

Pressão, pressão. Deputados baianos que viajavam de Brasília para Salvador, em um voo na manhã desta sexta-feira, dia 1º, presenciaram manifestações contrárias às suas atuações no Congresso. Um grupo favorável ao governo da presidente Dilma Rousseff (PT) gritou ‘Não vai ter golpe!’, em referência à oposição feita pelas bancadas dos deputados presentes no voo, José Carlos Aleluia (DEM), Lúcio Vieira Lima (PMDB) e Paulo Azi (DEM). De acordo com o site Metro 1, um dos manifestantes  lembrou ainda que “a época da Ditadura já acabou” e “a casa grande pira quando os quilombos vão à luta e conquistam seus direitos”, dizendo que professor hoje viaja de avião.

Foto: Divulgação

 

Temer diz que Afrísio “foi um dos seus conselheiros”

segunda-feira, janeiro 11th, 2016

Temer tratará liberação de verbas

A despedida. O vice-presidente da República e presidente do PMDB, Michel Temer, compareceu ao enterro do ex-deputado federal, Afrisio Vieira Lima, na tarde desta segunda-feira, dia11. Muito comedido, o peemedebista não falou com a imprensa e apenas definiu sua relação com o ex parlamentar em poucas palavras.

“Foi um dos meus conselheiros. É uma perda muito grande para a família e para a política “.

Os filhos, Geddel E Lúcio Vieira Lima, também preferiram não falar com a imprensa. O corpo foi enterrado no fim da tarde desta segunda-feira no cemitério Campo Santo. Afrisio Vieira Lima faleceu aos 86 anos.
Foto: Ilustrativaa

“Ele gosta muito de conversar”, diz Lúcio sobre Wagner

terça-feira, janeiro 5th, 2016

lucio2

Pegou ar. Um dos nomes do PMDB nacional, o deputado federal Lúcio Vieira Lima, minimizou a participação do ex-governador da Bahia e Chefe da Casa Civil, Jaques Wagner, na articulação que resultou, segundo ele, num “momento de calmaria” no Palácio do Planalto.

“Ele gosta muito de conversar. A situação melhorou um pouco mas não foi por Jaques Wagner. Houve uma calmaria, muito por conta do STF. É o conjunto da obra e ele deve ter participação nisso”, disse.
O peemedebista ainda negou que sustente rivalidade particular com o petista. “Nunca disse que não gostava dele. Disse que ele não cumpriu os compromissos assumidos”, afirmou, em referência à saída do PMDB da base governista ainda durante a primeira gestão de Wagner como governador da Bahia.
Foto: adelsoncarvalho.com.br

Especulação de Neto no PMDB mostra importância do partido, diz Lúcio Vieira Lima

segunda-feira, junho 8th, 2015

lucio

O deputado federal Lúcio Vieira Lima (PMDB) afirmou durante entrevista ao programa Conexão CBN na manhã desta segunda-feira, dia 8, que o PT precisa se ‘reciclar se quiser voltar a ser um partido forte’. “Essa crise não será de curto prazo. O governo que está aí, está muito ruim. Nós temos que dar muita sorte para que saíamos dessa crise econômica. Esse cenário terá reflexos nas eleições do governo para o PT, que vai arcar com as consequências”, disse o parlamentar. Perguntado se existia a possibilidade do prefeito ACM Neto migrar para o PMDB, e qual a posição assumiria dentro do partido, o deputado frisou que essa especulação mostra o “reconhecimento e importância” da legenda. “Ainda não houve nenhuma conversa. Não teremos nenhum impedimento de sentar e conversar, e discutir de que forma será inviabilizado esse ingresso. Antes, não se especulava essa questão, pois a fusão do DEM com o PTB erá dada como certa. Vamos, primeiro, concretizar e depois saber qual o rumo do prefeito dentro do partido”, pontuou o peemedebista.

Foto: Divulgação

Uma presidente refém de si mesma, afirma Lúcio Vieira sobre Dilma

segunda-feira, junho 1st, 2015

IMG_3146.JPG

Vixe. Na avaliação do deputado federal baiano Lúcio Vieira Lima (PMDB), a crise enfrentada pela presidente Dilma Rousseff (PT), com direito a “medo de panelaço”, faz com que ela fique “refém de si mesma”. Durante entrevista à Metrópole FM, na manhã dessa segunda-feira, dia 1º, o peemedebista criticou o Palácio do Planalto na reação apresentada diante da crise política.

“Antes de tomar as decisões, precisa conversar com os partidos, com as lideranças no sentido de aperfeiçoar para que não tenham sobressaltos quando forem aprovar medidas. Eu vejo que se a presidente não delega mais, ela está sem credibilidade para tocar o país, ela está totalmente escondida. Ninguém vê a presidente falar, ela não sai”, disse o parlamentar.

“Você não pode governar se não tem a presidente da República botando a cara”,  afirmou Lúcio Vieira Lima, ao criticar a falta de visibilidade da petista nos últimos meses.

 

Foto: Reprodução

Câmara Federal: Deputados baianos têm salários cortados por faltas

segunda-feira, maio 11th, 2015

IMG_3801.JPG

Vixe. A deputada federal Tia Eron (PRB), no primeiro mandato em Brasilia, é a parlamentar baiana com mais faltas na Câmara Federal, sagrando se campeã de ausências nesses primeiros meses de legislatura.

De acordo com levantamento da coluna Tempo Presente, do jornal A Tarde, as 12 faltas da deputada lhe renderam um desconto no contracheque de R$ 4.587,35, uma vez que os legisladores estão tendo seu salário descontado à medida que se ausentam da Casa conforme determinação do presidente da Câmara, Eduardo Cunha (PMDB).

Os deputados Erivelton Santana (PSC) e Jutahy Magalhães (PSDB) receberam R$ 1.834,94 a menos do salário no mês de abril. João Carlos Bacelar (PTN), Daniel Almeida (PCdoB), Lúcio Vieira Lima (PMDB), Mário Negromonte Júnior (PP) e Davidson Magalhães (PCdoB) tiveram uma baixa de R$ 917,47 cada um por faltas do mês de março.

Apesar de não justificarem as ausências, os deputados pressionaram o presidente Eduardo Cunha que acabou cedendo aos apelos e reembolsando os baianos.

 

Foto: Diulgação

 

Vereador se reta e diz: “Lúcio Vieira Lima não responde pelo diretório estadual do PMDB”

sexta-feira, abril 10th, 2015

IMG_2611

Pegou ar. Nesta quinta-feira, dia 9, o vereador de Itabuna, Antônio Cavalcante (PMDB), foi entrevistado pelos radialistas Ricardo Bacelar e Joel Filho, na rádio Difusora. O vereador foi questionado sobre convite feito pelo deputado federal Lúcio Vieira Lima (PMDB), para o ex-deputado Geraldo Simões (PT), se filiar ao PMDB e ser candidato a prefeito.

Antônio Cavalcante foi duro na sua resposta, declarou que o diretório local tem autonomia para tomar decisões, e que nenhum momento foi sondado por Lúcio:

“ Lúcio não fala pelo diretório estadual do PMDB, ele fala como um filiado do partido. Por isso o convite feito a Geraldo Simões não foi oficial, foi convite pessoal fruto da boa relação dos dois quando foram colegas no congresso.

O partido em Itabuna tem autonomia para tomar as decisões, por isso toda semana nos reunimos e estamos convidando várias pessoas de bem da sociedade para se filiar e colocar o nome a disposição para a eleição de 2016”, declarou o vereador.

O curioso é que Lúcio Vieira Lima é membro efetivo da executiva estadual do partido, mas para o vereador é apenas um simples filiado. Do Políticos do Sul

 

Foto: Reprodução

 

Governo irá adotar número no WhatsApp para fazer propaganda e desmentir boatos

terça-feira, março 17th, 2015

Governo irá adotar número no WhatsApp para fazer propaganda e desmentir boatos

Êta .O WhatsApp está mesmo em alta na política brasileira. Depois do vereador Isnard Araújo (PR) propor um centro de recuperação para “viciados” no aplicativo e do deputado federal Lúcio Vieira Lima (PMDB), ironizar um possível grupo dos ministros, de Dilma Rousseff, o governo irá adotar o app. De acordo com a coluna Painel, da Folha de S. Paulo, o Palácio do Planalto terá, em abril, um número para enviar mensagens de Whatsapp para quem se cadastrar. A ideia é divulgar fatos positivos e rebater boatos contra a presidente nas redes sociais. Segundo a publicação, o governo avalia que a popularização do Whatsapp impede o monitoramento confiável de adesão a manifestações e do potencial de alcance de notícias negativas, como havia em junho de 2013, por exemplo.

Foto: Reprodução

Lúcio Vieira Lima ganha aliados e pode liderar o PMDB na Câmara

terça-feira, fevereiro 10th, 2015

20150125-161830.jpg

Mais poder. Dois integrantes do grupo político de Michel Temer no PMDB, entraram na campanha para a liderança do partido na Câmara dos Deputados, pedindo votos para o deputado baiano Lúcio Vieira Lima (PMDB-BA). São eles: Eliseu Padilha e Moreira Franco.

Segundo a coluna Radar On Line, da Veja, Padilha se soma ao esforço de outros caciques do PMDB, ameaçados com o excesso de poder do diretório do Rio de Janeiro na sigla.

Já Moreira Franco, com esse gesto, apenas dá o troco no PMDB do Rio. Há tempos não fazem nada por ele; não seria agora que ele faria algo por um deles.

 

Foto: adelsoncarvalho.com.br

Lúcio não acredita no enfraquecimento do PMDB com chegada do PL

domingo, janeiro 25th, 2015

20150125-161830.jpg

A criação do PL não deve enfraquecer o PMDB no Congresso Nacional, de acordo com a avaliação do deputado federal Lúcio Vieira Lima. Segundo o cacique peemedebista, a hegemonia hoje na Câmara dos Deputados é do PT – que tem o maior número de parlamentares. “A força do PMDB é proveniente das urnas, não é a criação de um partido que vai nos diminuir. Nenhum deputado do PMDB vai para o PL”, apostou. Segundo Lúcio, o PT “perdeu a forma de aliciar deputados: o mensalão e a corrupção na Petrobras”. “Quando o PL fundir com o PSD vai ter problema. Aqui na Bahia, por exemplo, dizem que Marcelo Nilo (presidente da Assembleia Legislativa) vai para o PL. Nilo vai deixar de ser subordinado de Félix Mendonça JR (presidente do PDT) para ser subordinado de Otto Alencar (senador e presidente do PSD)? Não. Ele quer ser general”, exemplificou. Para o oposicionista, o governo está “enfraquecido”, enquanto o PMDB se fortalece. “O PMDB vai ter a presidência do Senado, da Câmara, importante comissões…”, enumerou. Acusado de barrar reformas importantes, Lúcio disse que se o PT quiser aprová-las, “precisa conversar com todos os partidos da casa”.

Foto: adelsoncarvalho.com.br

Lúcio Vieira Lima diz que ainda não viu a “largada” do governo Rui Costa

terça-feira, janeiro 13th, 2015
Largou a joça. O deputado federal Lúcio Vieira Lima (PMDB), disse que ainda não viu largada nas ações do governador da Bahia, Rui Costa (PT). “Eu não vi largada ainda, mas tem poucos dias. É um governo de continuidade”, avaliou.
O peemedebista, que apoiou a candidatura do democrata Paulo Souto (DEM), para o governo da Bahia, classificou como maldade a extinção de secretarias, retirada de férias de servidores durante a transição de governo promovidas pelo ex-governador Jaques Wagner acompanhado de Rui.

Lúcio ironiza Wagner: ” irá para o ‘MQS – Ministério Que Sobrou”

quarta-feira, dezembro 24th, 2014

luciovieiralima

Ironia retada.  O deputado federal Lúcio Vieira Lima (PMDB) usou as redes sociais, na noite de terça-feira, dia 23, para ironizar a indicação do governador Jaques Wagner (PT) para o Ministério da Defesa. O anúncio foi feito pela presidente Dilma Rousseff (PT) com mais 12 indicados que comandarão as pastas no segundo governo petista.

Postou Lúcio no microblog: “Ninguém esperava que Jaques Wagner, que escolheria o Ministério que quisesse, terminasse no MQS, Ministerio Que Sobrou!”, ironizou o peemedebista, que cravou a maior votação para deputado federal nas eleições deste ano na Bahia.

002 (2)

O parlamentar se referia à série de especulações veiculadas durante todo o mês na imprensa local e nacional sobre o possível novo “homem forte” do governo Dilma, mas que perdeu a quebra de braço para o todo poderoso e atual ministro da Casa Civil, Aloísio Mercadante, considerado o “1º Ministro” da líder nacional no Palácio do Planalto.

Fotos: Reprodução

“O PMDB da Bahia acabou”, dispara Wagner

quarta-feira, outubro 8th, 2014

20141008-193026.jpg

Saindo de aliado a inimigo, o governador Jaques Wagner (PT), afirmou nesta quinta-feira, dia 8, que “o PMDB da Bahia acabou”. A briga entre o governador e os peemedebistas não é nova. Antes das eleições de 2010, o partido comandado por Geddel Vieira Lima se afastou do governo e entrou em rota de colisão com o petista. Desde então, o PMDB se aproximou do DEM e PSDB na Bahia e manteve o distância da campanha de Dilma Rousseff (PT), que tem o peemedebista Michel Temer como vice. Para argumentar que a sigla “acabou”, Wagner argumentou os números pós-urnas, sem citar diretamente a derrota de Geddel na disputa pelo Senado: “um deputado federal (Lúcio Vieira Lima), irmão de Geddel, elegeu quatro estaduais, dos quais um é totalmente ligado a (ACM) Neto”. Em entrevista ao Estadão, o chefe do Executivo baiano disse que Marina Silva vai colocar em risco a própria biografia ao anunciar apoio a Aécio Neves (PSDB). “Se Marina quiser entregar o seu patrimônio no campo da ética nas mãos de Aécio, o problema é dela, mas não me parece que o PSDB seja o melhor destinatário”, sugeriu Wagner.

Foto: adelsoncarvalho.com.br