Posts Tagged ‘Distrito Federal’

Mulher mata marido com golpe de panela de pressão

quarta-feira, janeiro 10th, 2018

Misericórdia. Um idoso de 72 anos morreu após ser ferido na cabeça com uma panela de pressão pela companheira. De acordo com a polícia, testemunhas disseram que o casal começou a se desentender e a companheira da vítima, de 52 anos, teria usado a panela para se defender e bater no marido. O caso ocorreu nesta quarta-feira, dia 10/1, no Distrito Federal. Ainda conforme a polícia, o idoso morreu antes da chegada do socorro. Na casa onde aconteceu o crime os móveis estavam destruídos e eletrodomésticos e louças se encontravam espalhadas pelo chão. A Polícia Civil vai investigar o caso.

Foto: Divulgação PM DF

Travesti acusado de ter relacionamento com menino de 12 anos é levado à Delegacia

quarta-feira, dezembro 27th, 2017

Uma mulher de 26 anos de idade chamou a Polícia Militar por volta das 22h15, desta terça-feira (26), em Planaltina, para verificar um travesti que estava na porta de sua casa gritando.
Quando os policiais chegaram no endereço, no Arapoanga, encontraram a travesti de 25 anos, conhecida como “Pietra”, na porta da casa da senhora.
Os policiais conversaram com a solicitante que relatou que com frequência “Pietra” aparece na porta de sua casa e diz que está apaixonado pelo seu filho de 12 anos de idade. A travesti contou aos militares que apenas troca cariciais com o menino e que nada fez com o adolescente. O garoto disse aos policiais que tem quatro meses que mantém relação sexual com “Pietra”.
Diante da situação, todos foram encaminhados para 31ª DP. Na DP, a ocorrência foi registrada como estupro de vulnerável em apuração. O delegado entendeu que não houve flagrante. Conforme Site/PM/DF

 

Foto: Divulgação/PC/DF

Homem arranca dentes do namorado da irmã com alicate

segunda-feira, julho 4th, 2016

19-DP-e1467410812523-696x418

Deus é mais.Um jovem de 19 anos, foi preso, suspeito de espancar o cunhado, arrancar-lhe três dentes com alicate e roubar o celular.

A vítima foi levada para dois hospitais, ainda está sem os dentes e será submetida à cirurgia na rede pública. O jovem detido, que acumula várias passagens criminais desde os 14 anos, responderá por lesão corporal gravíssima, roubo e ameaça. A pena varia de 6 a 15 anos de reclusão.
DENTEALICATE
O suspeito teria ido à casa da vítima para tirar satisfações sobre o namoro dele com a irmã. De acordo com o rapaz agredido, houve uma discussão e o jovem teria lhe dado vários socos, até que ele desmaiou no chão. Quando ele estava desacordado, o suspeito teria arrancado três dentes do rapaz. “Estamos esperando a confirmação do laudo policial para saber como os dentes foram arrancadas. Pode ter sido com os socos, ou com o auxílio de um alicate”, explicou o delegado.

Depois de acordar com a boca sangrando muito, o homem foi socorrido e encaminhado ao Hospital, onde foi registrada a primeira ocorrência sobre o caso. A vítima teria recebido várias ameaças que, segundo o delegado, prometeu “terminar o serviço” caso o suspeito procurasse a polícia. Com alguns hematomas e sem os dentes, A vítima terminou o relacionamento com a irmã do suspeito. “Não quero mais saber dela”, disse ao delegado.

O caso aconteceu em Ceilândia, no Distrito Federal.

Fotos: Reprodução

Bebê de 7 meses sobrevive quatro dias dentro de casa com avó morta

terça-feira, janeiro 12th, 2016

Menina foi levada para o hospital desidratada - Foto: Reprodução

Pai do céu. Um bebê de 7 meses sobreviveu após ficar quatro dias trancada dentro de casa com a avó morta em Itapoã, no Distrito Federal. A criança foi encontrada desidrata e chegou a comer pedaços de fralda descartável e as próprias fezes.

Nikolly Maria Landim morava com a avó Luzineide Paes Landim, 46 anos, já que sua mãe, Débora Landim Santana, 19 anos, trabalhava em outra cidade.

Débora desconfiou que algo tinha acontecido após tentar falar com a mãe durante quatro dias e não conseguir. Ela entrou em contato com parentes em Goiás, mas ninguém tinha notícia de Luzineide.

Débora, então, decidiu ir à casa da mãe. Quando chegou no local, o imóvel estava trancado. Ela chamou um chaveiro, que achou que a avó e a neta estivessem mortas após ver os corpos imóveis dentro da residência.

Os bombeiros foram acionados e também acharam que a criança estava morta porque ela não se movimentava e tinha um forte odor de decomposição dentro da casa. Mas Nikolly levantou a cabeça em direção dos bombeiros.

Ela foi levada para o hospital e se recupera bem, mas continua internada. A polícia acredita que a avó do bebê morreu de causas naturais. A filha disse que ela passou por um transplante de rins há cinco anos.

Foto: Reprodução

Distrito Federal: Ex-borracheiro estuda com 200 kg de resumos por 4 anos e vira juiz federal

quarta-feira, maio 6th, 2015

O juiz Rolando Valcir Spanholo, durante cerimônia de posse no Tribunal Regional Federal, em Brasília (Foto: Tribunal Regional Federal/Divulgação)

O recém-empossado juiz federal Rolando Valcir Spanholo, de 38 anos, afirma que disciplina e motivação foram a receita que o levaram a romper com a antiga realidade de borracheiro e alcançar o sonho de ser magistrado em Brasília. Os últimos quatro anos foram dedicados a concursos públicos, nos quais ele acumulou 200 quilos de resumos de disciplinas de direito. O advogado é de Sananduva, no Rio Grande do Sul, e foi aprovado na mesma seleção feita pela miss DF Alessandra Baldini.

Spanholo conta que a ideia de virar juiz veio tarde, já no final da faculdade e por influência de um professor. Até então o objetivo dele era apenas “melhorar de vida”. A graduação, de acordo com o juiz, já parecia uma grande superação para ele e os quatro irmãos, que trocavam de roupa e sapatos entre si para não irem todos os dias vestidos do mesmo jeito para a instituição.

O trabalho começou cedo. Entre os 9 anos e os 15 anos, os cinco consertavam pneus e lavavam carros junto com o pai. “Durante o inverno, as mãos e os pés ficavam quase sempre congelados. Não tínhamos luvas de borracha e outros equipamentos de proteção que hoje são comuns e obrigatórios. Só restava fazer muito fogo para se aquecer, mas, com isso, os choques térmicos eram inevitáveis. Vivíamos com fissuras nas mãos e pés.”

 

Foto: Divulgação/Tribunal Regional Federal

 

Traficante processado no Distrito Federal é preso na Bahia

sexta-feira, maio 23rd, 2014

Depom-33ª-DT-NATAN-23.05.20141-300x250

E agora xadrezinho. Um cramunhão identificado como Jhonatan Luiz Gomes Dias da Rocha, mais conhecido como “Natan”, de 33 anos, que responde a processo por tráfico de drogas, no Distrito Federal, foi preso em flagrante com dois quilos de maconha, em Barra de Pojuca, no litoral norte baiano. A titular da 33ª Delegacia Territorial (DT), delegada Aymara Vaccani, já encaminhou a droga para perícia, no Departamento de Polícia Técnica (DPT).

Uma guarnição da 59ª Companhia Independente de Polícia Militar (CIPM) prendeu “Natan”, na quarta-feira, dia 21, apreendendo a maconha dentro de um carro conduzido por ele. Autuado em flagrante na 33ª DT/Monte Gordo, o traficante foi transferido para a carceragem da DT/Vila de Abantes, onde permanece à disposição da Justiça.

Foto/Fonte: Ascom Polícia Civil