Posts Tagged ‘Embasa’

Embasa fecha pontos de atendimento presencial em função do coronavírus

quarta-feira, março 25th, 2020

Fechou. A Embasa informa que, a partir desta quarta-feira, dia 25/3, o atendimento presencial será interrompido na área de atuação no Estado, com exceção daqueles pontos integrantes da rede SAC. À medida que as unidades do SAC que ainda estão em funcionamento forem sendo fechadas, esses pontos de atendimento também serão fechados. 

Nesse período, os serviços podem ser solicitados pelo 0800 0555 195, pela Agência Virtual no site (agenciavirtual.embasa.ba.gov.br) ou pelo App Embasa.  A medida e as orientações visam evitar o contágio pelo Coronavírus e garantir a saúde pública. Fonte: Embasa

Foto: Reprodução

Embasa fecha pontos de atendimento presencial a partir de quarta-feira (25)

segunda-feira, março 23rd, 2020

A Embasa informa que, a partir da quarta-feira, dia 25/3, o atendimento presencial será interrompido em sua área de atuação no Estado, com exceção daqueles pontos integrantes da rede SAC. A medida que as unidades do SAC que ainda estão em funcionamento forem sendo fechadas, esses pontos de atendimento também serão fechados.

Nesse período, os serviços podem ser solicitados pelo 0800 0555 195, pela Agência Virtual ou pelo App de celular. A medida e as orientações visam evitar o contágio pelo Coronavírus e garantir a saúde pública.

Foto: Reprodução

Embasa atende cerca de 6 mil novos imóveis com água tratada no Oeste da Bahia

sábado, janeiro 25th, 2020

A Embasa executou, ao longo do último ano, cerca de 6 mil novas ligações de água tratada nos municípios do oeste da Bahia, beneficiando aproximadamente mais 20 mil pessoas. A cidade polo do agronegócio da região, Luís Eduardo Magalhães, liderou o ranking dos municípios com acréscimo de novas ligações, com 1.985 novos imóveis atendidos; vieram em seguida Barreiras, com 1490, e Mansidão, com 519 novas ligações. A Embasa vem mantendo a média de acréscimo de novas ligações na região. Em 2018, o serviço foi expandido para 7.322 imóveis para os 20 municípios atendidos pela Embasa no oeste do estado.

A empresa também vem investindo para levar água para novas localidades da zona rural. Em terceiro lugar no ranking de acréscimo de ligações, o município de Mansidão contou com investimento da ordem de R$ 1,6 milhão, com recursos do Fundo Estadual de Combate à Erradicação da Pobreza (Funcep), levando água tratada para as localidades de São José, Juaí e Poço do Meio. Também foram beneficiadas, ao longo de 2019, as localidades de Adocica, Articum, Barro Vermelho, Caraíbas e Carlotinha, em Cotegipe; além das localidades da BA-160, em Morpará e Veredinhas III, em Serra Dourada.

EM ANDAMENTO | Para 2020, a Embasa vem trabalhando para finalizar as obras de implantação de um novo sistema de abastecimento para o distrito do Sítio do Rio Grande, em São Desidério, que contempla um investimento de R$ 1,1 milhão, e que vai beneficiar 1,8 mil habitantes. Em Barreiras, ainda neste primeiro semestre do ano, está prevista a conclusão de obra, onde foram investidos R$ 5,3 milhões para atender 3,3 mil pessoas das localidades do Barrocão de Cima e de Baixo, Gameleira, Bebedouro e Passagem Funda. A empresa também está realizando intervenções para levar a rede de água tratada para as localidades de Areião, Limoeiro e Tabuleirinho, em Santana. Fonte: Embasa

Foto: Reprodução

Ligação irregular abastecia clandestinamente mais de 30 apartamentos em Simões Filho

quinta-feira, janeiro 9th, 2020

Como parte da ação de combate a fraudes no consumo de água e redução de perdas nos sistemas de abastecimento, equipe da Embasa identificou e retirou, na quarta-feira, dia 9/1, uma ligação clandestina que desviava água da rede distribuidora e abastecia um bloco residencial com 32 apartamentos no conjunto Ilha de São João, em Simões Filho. Estima-se que a fraude gerava um desperdício mensal de aproximadamente 480 metros cúbicos.

A matrícula do imóvel estava inativa, com 42 contas em aberto, sendo o último corte executado em novembro de 2019. O débito corrigido é estimado em R$ 80 mil. O responsável não foi localizado no momento da ação, mas será chamado posteriormente pela Polícia Civil para prestar esclarecimentos.

A ação contou com apoio da Polícia Militar, Polícia Civil e Departamento de Polícia Técnica.

Qualquer intervenção no hidrômetro e na rede da Embasa com o intuito de furtar água é crime e o infrator está sujeito ao cumprimento das penalidades previstas na legislação vigente. O usuário que estiver nessa situação deve procurar um ponto de atendimento da empresa e regularizar sua ligação, evitando problemas com a polícia e multas. A população pode denunciar sigilosamente as situações de fraude pelo 0800 0555 195.

Foto: Ilustrativa

Neto diz que vai denunciar Via Bahia e Embasa por alagamentos em Valéria

sexta-feira, novembro 29th, 2019

E agora? O prefeito de Salvador ACM Neto (DEM), responsabilizou na quinta-feira 28/11, a Via Bahia e a Embasa pelos constantes alagamentos na área próxima à BR-324 toda vez que chove na capital, após a reclamação dos moradores de Valéria.

De acordo com Neto, a localidade tem sofrido em função da falta de manutenção de um canal que passa abaixo da rodovia, o que se agrava em função de uma intervenção feita pela Embasa na pista marginal.

“A Via Bahia, que já foi autuada este ano pela Prefeitura, simplesmente não faz a manutenção periódica das tubulações que passam pela região de domínio, em Valéria, e a Embasa reduziu o calibre de um duto, diminuindo consideravelmente a vazão da água”, afirmou ACM Neto.

O gestor municipal disse também que vai denunciar as duas empresas à Agência Nacional de Transportes Terrestres (ANTT), Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (DNIT) e Ministério da Infraestrutura.

“A população de Valéria e de outros bairros vizinhos e os milhares de motoristas que passam pelo local diariamente não podem sofrer mais com a omissão da Via Bahia e da Embasa. Enquanto as duas empresas trocam acusações e não fazem as obras necessárias para eliminar os alagamentos, a população enfrenta muitos transtornos. Essa situação traz riscos à saúde, segurança e bem-estar dos moradores”, disse o prefeito.

De acordo com o prefeito, a Via Bahia e a Embasa estão fechando os olhos para os problemas da BR-324 e infringindo a legislação, ignorando também cobranças feitas pelo Ministério Público da Bahia. “Não vamos permitir que a população soteropolitana seja prejudicada pela má atuação das duas empresas”, disse.

Operação da Embasa descobre “gato de água” em quase 20 estabelecimentos comerciais

sábado, outubro 5th, 2019

Em operação realizada para identificar fraudes na rede de abastecimento, técnicos da Embasa localizaram ligações clandestinas de água no bairro de Itinga, na cidade de Lauro de Freitas, abastecendo 18 estabelecimentos comerciais. O valor total do débito corrigido das ligações inativas é de aproximadamente R$ 292 mil. A operação, realizada na quarta-feira, dia 2/10, contou com apoio das Polícias Militar, Civil e Técnica.

Inicialmente, o alvo da operação seriam dois estabelecimentos comerciais que estavam com ligação cortada devido à falta de pagamento. Um prédio onde funciona um restaurante, com 70 faturas em atraso, no valor total em torno de R$ 19 mil, localizado na Rua Leonice J Silva; e um supermercado, com sete faturas atraso, com débito no valor aproximado de R$ 6 mil, na Avenida Fortaleza.

Após escavação para identificação de fraude, técnicos localizaram mais dois estabelecimentos comerciais com “gato” próximo ao supermercado e, na rua Leonice J. Silva foi identificada outra tubulação clandestina abastecendo irregularmente outros 14 comércios. Nesses locais, funcionam lojas de variedades, de material de construção, vidraçaria, bar e supermercado. Todos os ramais foram suprimidos e as ligações foram deixadas sem abastecimento.

Para regularizar a situação, além de quitar os débitos, os responsáveis pelo estabelecimento terão que ressarcir à Embasa o valor correspondente ao desvio de água realizado nos últimos doze meses, que ainda será calculado.

Qualquer intervenção no hidrômetro e na rede da Embasa com o intuito de furtar água é crime e o infrator está sujeito ao cumprimento das penalidades previstas na legislação vigente. O usuário que estiver nessa situação deve procurar um ponto de atendimento da empresa e regularizar sua ligação, evitando problemas com a polícia e multas. A população pode denunciar sigilosamente as situações de fraude pelo 0800 0555 195.

Foto/fonte: Embasa

Sirene da barragem de Pituaçu foi acionada por acidente, diz diretor da Codesal

sexta-feira, julho 26th, 2019

Parafernália. A sirene da barragem de Pituaçu, localizada na Capital Baiana, foi acionada de maneira acidental na madrugada desta sexta-feira, dia 26/7. Moradores das redondezas ficaram apavorados com o barulho e saíram às pressas de casa

Conforme informações do diretor da Defesa Civil de Salvador, Sósthenes Macêdo, as pessoas começaram a sair das casas ainda na madrugada.

“Houve um acionamento acidental e nossa equipe foi acionada no fim da madrugada, por volta das 4h. Os moradores já estão em casa”, afirmou Sósthenes. Uma equipe da Codesal está no local.

A barragem de Pituaçu pertence a Empresa Baiana de Água e Saneamento (Embasa). A estatal confirmou o incidente.

Foto: Ilustrativa

Polícia e Embasa flagram “gatos” de água no Cabula em bairros de Salvador

quinta-feira, dezembro 27th, 2018

Em mais uma ação de combate às fraudes, a Embasa descobriu, nesta quarta-feira (26), dois casos de “gato” de água em bairros de Salvador. No Cabula, os técnicos encontraram uma ligação clandestina abastecendo um prédio com 16 unidades residenciais. Já em Pernambués, o furto de água ocorria em um imóvel com três residências. A operação contou com o apoio da Polícia Militar, Polícia Civil e Departamento de Polícia Técnica.

Foi a terceira vez que o prédio do Cabula foi flagrado furtando água da rede da Embasa, somente este ano. No caso do imóvel de Pernambués, é o segundo flagrante. Os responsáveis pelos dois imóveis serão convocados a prestar esclarecimentos na 11ª Delegacia, durante o inquérito policial.

Os dois imóveis estavam com a ligação de água cortada por falta de pagamento, com um débito somado de cerca de R$20 mil. Para regularizar a situação junto à Embasa, os responsáveis terão que pagar os débitos, multa e um valor referente à água desviada da rede, que ainda está sendo calculado.

Qualquer intervenção no hidrômetro e na rede da empresa com o intuito de furtar água é crime e o infrator está sujeito ao cumprimento das penalidades previstas na legislação vigente. De acordo com o Artigo 155 do Código Penal Brasileiro, a prática de furto de água é qualificada como crime contra o patrimônio, sujeita a pena de reclusão além de multa. O usuário que estiver nessa situação deve procurar um ponto de atendimento da empresa e regularizar sua ligação, evitando problemas e corte no abastecimento do imóvel. Embasa

 

 

Foto: Divulgação/Embasa

Bahia: Fornecimento de água será interrompido em 6 cidades

terça-feira, junho 5th, 2018

Olha aí. A Embasa informou que o fornecimento de água será suspenso, a partir das 6h da manhã de quarta-feira 6/6, nas cidades de Feira de Santana, Conceição da Feira, São Gonçalo, Tanquinho, Santa Bárbara e Santanópolis, no interior da Bahia.

Ainda segundo a Embasa, a interrupção do serviço ocorrerá para possibilitar a substituição de equipamentos e a realização de entroncamentos de redes na Estação de Tratamento de Água do Sistema Integrado de Abastecimento de Feira de Santana, que atende a região.

Conforme a empresa, os serviços, fazem parte da segunda etapa de intervenções que estão sendo promovidas para incrementar o volume distribuído para os seis municípios.

A Embasa também disse que o abastecimento será retomado gradativamente após a conclusão dos serviços, que está prevista para a noite da própria quarta-feira (06). A Embasa recomenda aos moradores reforçar o uso racional da água até que o fornecimento seja normalizado.

Foto: Reprodução

Embasa pede para população economizar água durante greve dos caminhoneiros e carreteiros

sexta-feira, maio 25th, 2018

Êta. A empresa Baiana de Águas e Saneamento (Embasa) divulgou uma nota na quinta-feira 24/05, pedindo para que a população baiana economize água durante a greve dos caminhoneiros e carreteiros.

Segundo a empresa, a greve dificulta a entrega de produtos químicos usados no tratamento da água distribuída para a população e também, por conta dos bloqueios nas estradas do país.

Ainda de acordo com a Embasa, por conta de escassez de combustível nos postos, a empresa está priorizando a realização de serviços de manutenção programados e emergenciais que sejam mais urgentes e inadiáveis.

Foto: Reprodução

Salvador: 13 bairros ficam sem água nesta terça (16)

segunda-feira, janeiro 15th, 2018

Olha aí. 13 bairros de Salvador vão ter o abastecimento de água suspenso, na terça-feira, dia 16/1, conforme informou a Embasa. De acordo com a empresa, os bairros afetados são: Caixa D’água, Pau Miúdo, Nazaré, Cidade Nova, Comércio, Água de Meninos, Barbalho, Macaúbas, Saúde, Lapinha, Santo Antônio, parte da Liberdade e parte da Baixa de Quintas.

Ainda conforme a Embasa. a interrupção do serviço se deve ao remanejamento de um trecho de uma subadutora que está em interferência com a linha 1 do Sistema Metroviário de Salvador e Lauro de Freitas, na região metropolitana.

A empresa ainda informou, ainda, que o serviço, será realizado pela CCR Metrô Bahia e pela Embasa, com previsão de conclusão às 8 horas da noite do mesmo dia, a partir de quando o fornecimento de água será retomado de forma gradativa nessas áreas.

Foto: reprodução

Embasa interrompe abastecimento em quatro bairros da capital

terça-feira, outubro 31st, 2017

A Empresa Baiana de Águas e Saneamento  (Embasa), comunica através de nota oficial que o abastecimento de água está temporariamente interrompido nesta terça-feira, dia 31/10, nos bairros de Santa Mônica, IAPI, Pero Vaz e parte da Liberdade, incluindo a rua do Curuzu, em Salvador, para serviço de manutenção emergencial em rede distribuidora. A previsão de conclusão do serviço é no final da tarde de hoje, quando o fornecimento será retomado de forma gradativa.

 

 

Foto: Reprodução

Em plena seca, barragem de Pindobaçu transborda e racionamento é suspenso em 3 cidades

quinta-feira, setembro 21st, 2017

A Embasa decidiu suspender, na terça-feira (19), o regime de racionamento de água nos municípios de Jacobina, Caém e Saúde, após a barragem de Pindobaçu transbordar com as chuvas ocorridas nos últimos dias. A novidade traz alívio à população que, com a instauração do regime preventivo de racionamento no primeiro semestre, estava recebendo água com menor regularidade. A barragem de Pindobaçu, administrada pela Cerb, possui capacidade de acumular 16,8 milhões de metros cúbicos de água e é responsável por atender os três municípios, através da Embasa, e a cidade de Pindobaçu, por meio de um sistema municipal de abastecimento. Para o gerente regional da Embasa, Vinícius Araújo, o acúmulo vai garantir mais segurança hídrica para toda a região. “Além de permitir regularizar o fornecimento de água para os municípios atendidos pela barragem, a água excedente poderá contribuir com a barragem de Ponto Novo através do Rio Itapicuru”, frisou Vinícius.

A barragem do Aipim, situada em Antônio Gonçalves, também alcançou nível ótimo de extravasamento. Ela possui capacidade de acumular 2,3 milhões de metros cúbicos, atende atualmente os municípios de Campo Formoso e Antônio Gonçalves e contribui com o sistema integrado de abastecimento de Senhor do Bonfim, aduzindo água bruta até a barragem do Prata. A água excedente também está contribuindo com a barragem de Ponto Novo, que apresentou uma leve recuperação do seu volume, alcançando, nesta terça-feira (19), 33%, de sua capacidade.

RACIONAMENTO | Segundo Vinícius Araújo, o volume de água acumulado na barragem de Ponto Novo é significativo mas ainda insuficiente para encerrar o racionamento de água nos municípios de Senhor do Bonfim, Jaguarari, Andorinha, Itiúba, Filadélfia, Ponto Novo e Caldeirão Grande. A cautela visa, segundo o gestor, garantir a continuidade do abastecimento por um tempo maior e evitar um colapso. “Diante da disponibilidade hídrica atual, continuaremos prudentes na oferta de água à população, reforçando a recomendação do uso racional e diminuição do desperdício do recurso hídrico”, destacou o gestor.

 

 

Foto/fonte: Embasa

Itaparica e Vera Cruz ficarão sem água nesta terça (11)

terça-feira, julho 11th, 2017

O fornecimento de água em Itaparica e Vera Cruz será interrompido nesta terça-feira, dia 11/6, das 6h à meia noite, segundo informou nesta segunda a Embasa. De acordo com a empresa, a interrupção acontece para realização de manutenção no sistema de abastecimento de água dos dois municípios. Depois da conclusão do serviço, a previsão é de que a retomada aconteça de maneira gradativa, sendo completamente restabelecido em até 48 horas. A Embasa recomenda que usuários “façam o uso racional da água no período”. Diz ainda que imóveis que têm reservação adequada de água não vão sentir os efeitos da interrupção.

Foto: reprodução

Fornecimento de água será interrompido em mais de 40 bairros de Salvador

segunda-feira, maio 15th, 2017

Olha aí. O fornecimento de água será temporariamente interrompido em alguns bairros de Salvador, nesta segunda-feira, dia 15/5, das 8 às 20 horas. Segundo a Embasa, o abastecimento será retomado gradativamente após a conclusão do serviço, com previsão de plena regularização em até 48 horas.

Ainda segundo a Embasa, o abastecimento será interrompido por conta da manutenção em uma tubulação que abastece o centro de reservação situado no Cabula. Confira a lista de localidades afetadas:

Monte Serrat, Bonfim, Calçada, Uruguai, Mares, Roma, Jardim Cruzeiro, Massaranduba, Boa Viagem, Ribeira, parte do Lobato, São Caetano, Fazenda Grande do Retiro, Boa Vista de São Caetano, Capelinha, Bom Juá, IAPI, parte de Pero Vaz, Bairro Guarany, Curuzu, Santa Mônica, parte da Liberdade, Largo do Retiro, San Martin, Largo do Tanque, Alto do Pará, parte da Av. Barros Reis, São Gonçalo, Engomadeira, Arraial do Retiro, Cabula, parte de Pernambués, Jardim Brasília, Tancredo Neves, Arenoso, parte de Narandiba, Jd. Santo Inácio, Sussuarana, Mata Escura, Calabetão, parte da Boca do Rio, parte de Patamares, parte de Pituaçu e Jd. Jaguaribe.

Foto: reprodução

Abastecimento de água em Salvador e RMS será temporariamente interrompido nesta quarta-feira (19/04)

terça-feira, abril 18th, 2017

A Embasa informa que, para a implantação de sistema visando à transposição de águas da represa de Pedra do Cavalo para represa do Joanes II, será necessário suspender temporariamente o fornecimento de água em localidades de Salvador e parte da região metropolitana na próxima quarta-feira (19/04), das 4h às 18h (veja a lista abaixo).

A transposição é uma medida emergencial necessária para prolongar o período de utilização da barragem de Joanes II, diante da longa estiagem que vem reduzindo drasticamente o nível do manancial. A intervenção será realizada a partir da adutora de água bruta que liga Pedra do Cavalo à estação de tratamento de água (ETA) Principal. É importante ressaltar que o serviço visa aumentar o período de operação da barragem, mas não soluciona definitivamente a situação crítica em que se encontra o manancial.

Após o término do serviço, o abastecimento será gradativamente retomado nos locais afetados, com estimativa de regularização gradativa em até 48 horas.

Localidades que serão afetadas:

Municípios: Simões Filho, Lauro de Freitas, Amélia Rodrigues, Coração de Maria, Conceição do Jacuípe, Santo Amaro, São Francisco do Conde, Candeias, Madre de Deus e Ilha de Maria Guarda.

Salvador: Ilha de Maré, Ilha dos Frades, Ilha de Bom Jesus dos Passos, Boiadeiro, Caranguejo, Ferroviários, Lobato, Plataforma, São Bartolomeu, Alto do Cruzeiro, Escada, Itacaranha, Plataforma, Praia Grande, Alto da Terezinha, Alto do Luso, Ilha Amarela, Mirantes de Periperi, Planalto Real, Rio Sena, Bosque Imperial, Canabrava, Colinas de Pituaçú, Estrada Velha do Aeroporto, Alphaville I e II, Jardim das Limeiras, Jardim Esperança, Marotinho, Mata Atlântica, parte de Cajazeiras, Parte de São Bartolomeu, Nova Brasília, Nova Cidade, Paralela Park, Recanto das Ilhas, São Marcos, São Rafael, Sete de Abril, Vale dos Lagos, Vila dois de Julho, Vila Mar, Vila S. Francisco, Vivenda dos Pássaros, Boca da Mata, Cajazeiras, Conj. Jaguaripe I, Fazenda Grande I a IV, Jardim Mangabeira, Águas Claras, Castelo Branco, Dom Avelar, Granjas Rurais, Jardim Cajazeiras, Pau da Lima, Porto Seco, Vila Canária, Alto da Boa Vista, Bela Vista do Lobato, Alto do Cabrito, Osório Vilas Boas, Parque Campinas, Alto de Pirajá, Conj. Pirajá, Conj. Vista da Bahia, Pirajá, Profilurb, Campinas de Pirajá, Marechal Rondon, Bairro da Felicidade, Bate Coração, Estrada da Base Naval, Gameleira, Ilha de São João, Paripe, São Tomé, Vila Naval, Alto de Coutos, Conj. Vista Alegre, Coutos, Fazenda Coutos, Nova Constituinte, Tubarão, Bonfim (parte baixa), Baixa do Fiscal, São Caetano, Largo do Tanque, Ribeira, Caminho de Areia, Massaranduba, Boa Viagem, Lobato, Roma, Jardim Cruzeiro, Calçada, Mares, Capelinha, Fazenda Grande do Retiro, parte da Liberdade, Orlando Gomes, parte da Paralela, Bairro da Paz, Loteamento Alamedas da Praia, Praias do Flamengo, Stella Maris, Lot.São Francisco, Placaford, Vila Dos Sargentos, Jardim Piatã, Colina da Fonte, Alto do Coqueirinho, Itapuã, Jardim Encantamento, Nova Brasília, Alphaville, Costa Verde, Mussurunga, parte da Paralela, Patamares, Pq. São Cristovão, Trobogy, Aeroporto, Boca do rio, Pituaçu, Jardim Imperial, Jardim Jaguaribe.

Remanejamento de adutora na Avenida Bonocô

No mesmo dia (19), será realizado também o remanejamento de uma adutora na Avenida Mário Leal Ferreira (Bonocô). O serviço está previsto para ser realizado das 4h às 24h. O abastecimento será interrompido durante este período nas seguintes localidades: Calabar, Av. Centenário, Chame-chame, Av. Garibaldi, Paciência, Ondina, Barra, Garcia, Federação, Jardim Apipema, Graça, Vitória, Canela, Engº Velho da Federação, Rio Vermelho, Centro, Centro Histórico, Tororó, Barris, Santo Antônio, Comércio, Água de meninos, Av. Vasco da Gama, Dique do Tororó, Nazaré, Barbalho, Loteamento Joana D’Arc, Saúde, Macaúbas, Caixa D’água, Cidade Nova, Lapinha, parte da Liberdade, Pero Vaz, Pau Miúdo, Brotas, Engº Velho de Brotas, Acupe, Ogunjá, Jardim Caiçara, Alto do Saldanha, Boa Vista de Brotas, Bonocô, Cosme de Farias, Loteamento Santa Tereza, Matatu, Vila Laura, Luiz Anselmo, Galés, Bandeirantes, Santo Agostinho, Dois Leões, Sete Portas, Baixa dos Sapateiros, Djalma Dutra, Barros Reis (parte), Baixa de Quintas, Estrada da Rainha, Campinas de Brotas, Amaralina, Candeal, Chapada do Rio Vermelho, Cidade Jardim, Horto Florestal, Nordeste de Amaralina, Polêmica, Parque Cruz Aguiar, Santa Cruz, Vale das Pedrinhas, Rio Vermelho, Itaigara (parte).

Após o termino do serviço, o abastecimento será retomado, com previsão de regularização gradativa em até 48 horas.

 

 

Fonte: Embasa

Foto: Reprodução

Sistema de abastecimento de água beneficia Santo Estêvão e cidades vizinhas

sexta-feira, março 17th, 2017

Mais de 116 mil baianos da zona rural das Cidades de Santo Estêvão, Anguera, Ipecaetá e Serra Preta, no Território de Identidade Portal do Sertão, passaram a ter acesso à água tratada, com a entrega de mais um sistema integrado de abastecimento de água realizada pelo governador Rui Costa, nesta sexta-feira (17). O evento de inauguração ocorreu em Santo Estêvão, com a participação do secretário de Infraestrutura Hídrica e Saneamento (Sihs), Cássio Peixoto.

De acordo com o governador, “foram investidos quase R$ 29 milhões para duplicar a produção e a água chegar na casa de todo mundo. Água é sinônimo de vida e de saúde. Quanto mais saudável for a água, mais saúde a gente vai ter. Não faz sentido investirmos em posto de saúde e não investir em abastecimento e esgoto. Por isso, o governo Wagner criou o programa Água para Todos e fez o maior investimento em abastecimento da história da Bahia. E nós estamos dando prosseguimento a este programa”.

A capacidade de vazão do sistema dobra, com a ampliação de 120 mil para 240 mil litros por segundo. A água é captada no lago da Barragem de Pedra do Cavalo. O sistema conta com quatro estações elevatórias, uma adutora de água bruta e outra de água tratada, uma estação de tratamento de água e outra de lodo, dois reservatórios e uma rede de distribuição de quase 15 quilômetros, alcançando 1.345 novas ligações domiciliares. O investimento é de R$ 28,4 milhões, sendo R$ 25,5 milhões financiados pelo BNDES e R$ 2,8 milhões investidos pela Embasa.

Estações de tratamento

Ainda na cidade de Santo Estêvão, o governador Rui Costa visitou a estação de tratamento de água e também uma estação de tratamento de esgoto, construída por meio do Programa de Aceleração do Crescimento (PAC). As duas passarão a ser administradas pela Embasa. Segundo Rui, o sistema de esgotamento, que está em fase de testes, deve ser inaugurado em 60 dias.

“Eu volto ao município para a inauguração da obra, que custou R$ 19 milhões. A Embasa agora vai começar a fazer a ligação nas casas e Santo Estevão vai chegar a ser uma das cidades com maior cobertura de esgotamento do Brasil. No início, serão 50% de cobertura, mas a capacidade do sistema é para uma cobertura de 100%”, afirmou o governador.

 

 

Foto: Manu Dias/Divulgação/GOVBA

21 locais de Salvador ficam sem água nesta segunda-feira (10)

segunda-feira, outubro 10th, 2016

faltaagua

O abastecimento de água será suspenso em 21 localidades de Salvador nesta segunda-feira (10). Segundo informações da Embasa, o motivo é a realização de serviços de manutenção preventiva no sistema de bombeamento do reservatório do Cabula e na linha-tronco do Bonfim (travessia sobre o Rio Camurugipe, na altura do Retiro).

As localidades onde haverá a interrupção são estas: Cabula, Pernambués, Narandiba, Saboeiro, São Gonçalo do Retiro, Engomadeira, Tancredo Neves, Arenoso, Sussuarana, Mata Escura, Calabetão, Avenida Barros Reis, Retiro, Avenida San Martin, Largo do Tanque, Santa Mônica, IAPI, Pero Vaz, parte da Liberdade, parte alta do Bonfim e Monte Serrat.

Ainda de acordo com a Embasa, a previsão é que o fornecimento volte à normalidade a partir das 20h desta mesma segunda. A suspensão não devem afetar imóveis com reserva.

Bairros de Salvador ficam sem água nesta sexta-feira (7)

quinta-feira, outubro 6th, 2016
semagua
O abastecimento de água será suspenso nos bairros de Fazenda Grande e São Caetano, além das áreas da Boa Vista e da Capelinha nesta sexta-feira (7), a partir das 8h.
Segundo a Empresa de Águas e Saneamento da Bahia (Embasa), a interrupção ocorre para possibilitar o serviço de melhoria operacional no reservatório da Gomeia. Ainda conforme o órgão, a previsão é de que o serviço termine às 14h de sexta-feira, quando o abastecimento começará a ser retomado gradativamente.

Rui Costa acompanha obra que vai beneficiar 350 mil baianos

domingo, abril 3rd, 2016

ruicosta

Dia de festa. O governador Rui Costa esteve neste sábado, dia 2, no canteiro de obras da Barragem do Rio Colônia na Cidade de Itapé, no Sul da Bahia. Ao ser concluída, vai beneficiará aproximadamente 350 mil pessoas da região sul do estado. Ao todo, o investimento é de cerca de R$ 120 milhões, com recursos dos governos federal e estadual. A obra está sendo executada pela Empresa Baiana de Águas e Saneamento (Embasa), vinculada à Secretaria de Infraestrutura Hídrica e Saneamento (SIHS). A construção da barragem faz parte de um conjunto de ações incluindo desapropriações, relocação de linha de transmissão de energia e desvio de um trecho de aproximadamente 30 quilômetros da rodovia BA-120. Ao visitar o canteiro de obras, um pouco antes de inaugurar o Distrito Integrado de Segurança Pública (Disep), em Itapé, Rui informou que “estamos executando a primeira etapa [das obras, com investimento] da ordem de R$ 36 milhões”. Ele disse que já determinou à Secretaria de Infraestrutura [Seinfra] para concluir o projeto da BA-120. Só na mudança do traçado de um trecho da estrada “deve ter um investimento entre R$ 15 e R$ 20 milhões”, detalhou Rui. A barragem, que vai ser construída paralelamente às intervenções na estrada, trem previsão ficar concluída em novembro de 2016. “Quero chegar, até novembro do ano que vem, também com a estrada construída ou reconstruída no novo traçado, liberando a barragem para acumular água e cumprir suas funções de regularidade do abastecimento”, disse o governador.