Posts Tagged ‘água’

Fornecimento de água é interrompido em Cidades da Bahia

domingo, maio 8th, 2022

Sem água. A Embasa informa que para possibilitar serviço de melhoria no sistema de abastecimento de Paraguaçu-Milagres, o abastecimento vai ser interrompido na manhã do dia 10/05 nas Cidades de Castro Alves, Santa Terezinha, Milagres e Itatim; e em partes de Nova Itarana (localidades do Distrito Serra do Cem, Ponto Xique e Capim Branco), Iaçú (no Lajedo Alto), Conceição do Almeida (em Pau Cedro, Comércio de Jaguaripe e Andaiá), e Brejões (Distrito Serrana e Recreio dos Viajantes).

A previsão de conclusão dos serviços é às 6 da noite do mesmo dia, quando o abastecimento começará a ser retomado gradativamente nas áreas afetadas, com expectativa de plena regularização nas 72 horas seguintes. Até a normalização completa do abastecimento, recomenda-se o uso econômico da água disponível nos reservatórios domiciliares.

Fotografia: Reprodução

Médicos alertam para alta incidência de pedras nos rins

sábado, janeiro 15th, 2022

Se ligue. A Sociedade Brasileira de Urologia (SBU) alerta para o aumento de casos de pedras nos rins em até 30% durante o verão, já que há o aumento da transpiração e, em alguns casos, sem a hidratação adequada para supri-la. Além disso, a entidade aponta maior risco de cistite, uma infecção na bexiga, também nessa época.

Para prevenir a incidência das pedras nos rins, a SBU afirma que é preciso adotar alguns hábitos, como aumentar o consumo de água, diminuir o sal da comida, fazer atividade física e comer menos carne vermelha. Aumentar a ingestão de sucos cítricos também é uma forma de proteger o corpo da formação de cálculos renais, apontou a SBU.

“Estima-se que 1 em cada 10 pessoas, no Brasil, sofra de cálculo renal e, geralmente, acomete jovens entre os 20 a 35 anos, sendo mais frequente em homens. Cerca da metade destas pessoas terão um novo episódio de cálculo ao longo dos 10 anos”, informou a entidade.

Outro alerta da sociedade médica é relacionado à negligência ou tratamento inadequado, o que pode evoluir para deterioração dos rins, redução em sua função e até casos de nefrectomias – retirada do órgão – decorrentes de obstrução devido à presença da pedra ou a infecções renais associadas aos cálculos.

Já em relação à cistite, que também é favorecida pelo calor e a umidade típicos do verão, costuma causar sensação de bexiga cheia, urgência para urinar e ardência no canal uretral.

Hábitos que podem ajudar a prevenir tal condição incluem evitar ficar longos períodos sem urinar; tomar líquidos em quantidades apropriadas; combater a constipação intestinal; fazer a adequada higiene íntima; praticar exercícios físicos; e evitar ficar com roupa de banho molhada por longos períodos.

Fonte: Agência Brasil

Fotografia: Reprodução

Presidente Bolsonaro lança programa pra levar água potável a escolas do Nordeste

terça-feira, agosto 3rd, 2021

Em boa hora. O governo federal lançou na segunda-feira, dia 2/8, o Programa Água nas Escolas, que prevê, na primeira etapa, a construção de 2 mil cisternas em estabelecimentos de educação nas zonas rurais e de periferia. A expectativa é atender mais de 100 mil alunos em cerca de 350 Cidades da Região Nordeste.

O programa terá investimento de R$ 60 milhões e será realizado em parceria com o Banco Nacional do Desenvolvimento (BNDES) e a Fundação Banco do Brasil.

O acordo de cooperação técnica foi assinado em cerimônia no Ministério da Cidadania. Na cerimônia, o presidente Jair Bolsonaro ressaltou a importância do programa para a população da região que será beneficiada.

“Nós, aqui, às vezes não damos muito valor à água, temos em abundância. Lá, quando você vê um velho nordestino, uma senhora de idade, com pele enrugada, entrando debaixo de uma bica d’água, não tem preço a alegria daquela pessoa, parece que ganhou na Mega-Sena”, disse o presidente, ao ressaltar a importância da água para a população no Nordeste do país.

Segundo o ministro da Cidadania, João Roma, o Censo Escolar revelou que há 3 mil escolas onde falta água na Região Nordeste.

“São alunos, professores e funcionários sem acesso à rede pública de abastecimento, a poço artesiano ou a cisterna. Por meio de tecnologia e sistema de abastecimento, o Programa Água nas Escolas vai mudar essa situação e garantir a oferta de água potável”, disse o ministro.

João Roma acrescentou que, com melhores condições de infraestrutura, haverá ganhos na qualidade de ensino, no rendimento dos alunos e no dia a dia das famílias.

Fonte: Agência Brasil

Fotografia: Alan Santos/Divulgação/PR

Governo Bolsonaro leva água do São Francisco até o reservatório Castanhão, no Ceará

quinta-feira, março 11th, 2021

As águas do Eixo Norte do Projeto de Integração do Rio São Francisco chegaram na quarta-feira, dia 10/3, ao Reservatório Castanhão, no Ceará. A barragem, que recebe águas do Cinturão das Águas do Ceará (CAC), é responsável pelo abastecimento da Região Metropolitana de Fortaleza. A liberação das águas ocorreu no dia 1º de março e vai garantir segurança hídrica para os cerca de 4,5 milhões de habitantes da região, além de possibilitar a realização de testes na estrutura do CAC.

“As águas do São Francisco estão chegando ao Ceará diretamente para o Reservatório Castanhão. O povo do estado será muito beneficiado com essa obra do Cinturão das Águas”, destaca o presidente da República, Jair Bolsonaro. Até o momento, o Governo Federal já repassou R$ 1,18 bilhão para o CAC, que tem 65,41% de execução.

O ministro do Desenvolvimento Regional, Rogério Marinho, ressalta que uma das prioridades do Governo Federal é levar água para as localidades que mais precisam, sobretudo no Nordeste. “Depois de oito anos do início das obras do Cinturão das Águas, estamos chegando ao Ceará com as águas do São Francisco. Essa medida é fundamental para garantir que a população de Fortaleza e de toda a região metropolitana tenha garantido o acesso à água em qualidade e quantidade”, destaca.

Desde 2012, o estado do Ceará enfrenta uma das piores crises hídricas da história. A Região Metropolitana de Fortaleza correu riscos de precisar de abastecimento por meio de carro pipa em diversas ocasiões, como em 2016 e 2017. Antes da abertura das comportas no último dia 1º, segundo o governo do estado, o volume disponível do Sistema Integrado Jaguaribe estava em apenas 13,8%. Com essa chegada das águas do Projeto São Francisco, o abastecimento regular fica garantido.

Percurso da água

Após a abertura das comportas em Jati, as águas do São Francisco percorreram, em 10 dias, 294 quilômetros do Reservatório Jati até chegar ao Castanhão. Com uma vazão de 8 mil litros por segundo, o recurso hídrico passou pelo leito do Riacho Seco e depois pelo Rio Batateiras, que desce do Crato. Na sequência, seguiu pelo Rio dos Porcos e, depois, pelos Rios Salgado e Jaguaribe até chegar ao reservatório Castanhão.

O Eixo Norte do Projeto de Integração do Rio São Francisco, que inclui o CAC, tem 260 quilômetros de extensão, três estações de bombeamento (EBI 1, 2 e 3), 15 reservatórios, oito aquedutos e três túneis. Todas as estruturas responsáveis pela passagem de água até o Reservatório Caiçara estão concluídas, restando apenas a recuperação da tubulação em Atalho e outros serviços complementares que não comprometem a pré-operação. O total de execução física do trecho é 97,7%.

Quando todas as obras complementares estiverem concluídas e em funcionamento, a expectativa é que o Eixo Norte garanta segurança hídrica a mais de 220 cidades paraibanas, pernambucanas, cearenses e potiguares. Cerca de 6,5 milhões de pessoas contarão com abastecimento de água regular.

Projeto São Francisco

O Projeto de Integração do Rio São Francisco soma 477 quilômetros de extensão e é o maior empreendimento hídrico do País. Quando todas a estruturas e sistemas complementares nos estados estiverem em operação, cerca de 12 milhões de pessoas serão beneficiadas em 390 municípios de Pernambuco, da Paraíba, do Ceará e do Rio Grande do Norte.

O Eixo Leste, com 217 quilômetros de extensão, está em funcionamento desde 2017 e abastece 1,4 milhão de pessoas em 46 cidades pernambucanas e paraibanas. Os investimentos da União em todo o Projeto São Francisco já alcançaram R$ 12 bilhões.

Fotografia/fonte: Ministério do Desenvolvimento Regional

Prefeitura e DNOCS fecham acordo para minimizar falta de água em Salvador

segunda-feira, abril 6th, 2020

Os bairros de Salvador que mais têm sofrido com a falta de abastecimento de água, realizado pela administração estadual através da Empresa Baiana de Águas e Saneamento (Embasa), vão ganhar um importante apoio para a oferta do recurso, principalmente neste período de enfrentamento ao coronavírus. Um acordo de cooperação entre a Prefeitura e o Departamento Nacional de Obras Contra as Secas (Dnocs) vai possibilitar a distribuição de quatro mil caixas d’água nas comunidades. O termo foi assinado nesta segunda-feira, dia 6/4, pelo prefeito ACM Neto e pelo coordenador do Dnocs na Bahia, Lucas Lobão, no Palácio Thomé de Souza.

O material será disponibilizado pelo órgão federal, vinculado ao Ministério do Desenvolvimento Regional. A distribuição dos reservatórios será feito através de levantamento da Secretaria Municipal de Articulação Comunitária e Prefeituras-Bairro, em conjunto com a Embasa, para identificação das localidades mais afetadas pela falta de abastecimento. As caixas d’água são de polietileno, possuem tampa e capacidade para 500 litros.

O prefeito salientou que, mesmo o serviço de distribuição de água sendo de atribuição estadual, a Prefeitura e o Dnocs estão dando esse apoio para garantir que os cidadãos possam ter acesso ao recurso diante da pandemia da Covid-19. 

“Neste momento de combate ao coronavírus, não dá para pedir às pessoas que lavem as mãos, que se mantenham asseadas faltando água. Então, foi feito esse acordo de cooperação com o Dnocs e, a partir de agora, serão levadas essas caixas d’água aos bairros mais pobres, que estão sofrendo com esse problema de desabastecimento. Assim, espera-se, provisoriamente, dar uma solução pra a família para que ela tenha condições de ter água na sua residência”, afirmou ACM Neto.

O coordenador do Dnocs na Bahia explicou a motivação para a distribuição dos reservatórios. “O órgão vinha sendo demandado por associações de moradores por conta da falta de abastecimento de água. Nós, sensíveis à questão do coronavírus, entendemos que o know-how da Prefeitura com relação à área social, através da descentralização por meio das Prefeituras-Bairro, poderia nos ajudar para, de maneira organizada, ajudar na entrega dessas caixas d’água e, assim, na higienização dessa população mais carente”, disse Lucas Lobão.

Foto: Valter Pontes/Divulgação/PMS

Dia Mundial da Água: bilhões não têm acesso à água e sabão

domingo, março 22nd, 2020

Neste domingo, dia 22/3, quando se comemora o Dia Mundia Mundial da Água, todas as atenções estão voltadas para a luta contra o novo coronavírus (Covid-19) e um cuidado de higiene é fundamental para evitar pegar a doença e propagar o vírus da Sars-cov-2: lavar corretamente as mãos. Mas, segundo dados do Fundo das Nações Unidas para a Infância (Unicef), duas em cada cinco pessoas em todo o mundo não têm instalações básicas para se lavar as mãos, de acordo com os dados mais recentes.

Conforme o Unicef, 40% da população mundial, ou 3 bilhões de pessoas, não têm lavatório com água e sabão em casa e quase três quartos das pessoas nos países menos desenvolvidos não têm instalações básicas para lavar as mãos em casa.

O Unicef afirma ainda que 47% das escolas, que abrigam 900 milhões de crianças em idade escolar, não têm um lavatório adequado.

Nos estabelecimentos de saúde de todo o mundo, 16% não tinham banheiros funcionais ou instalações para lavar as mãos nos pontos de atendimento onde os pacientes são tratados.

“Lavar as mãos com sabão é uma das coisas mais baratas e eficazes que você pode fazer para proteger você mesmo e os outros contra o coronavírus, bem como contra muitas outras doenças infecciosas. No entanto, para bilhões, mesmo as medidas mais básicas estão simplesmente fora de alcance”, disse Sanjay Wijesekera, diretor de Programas do Unicef.

O fundo apresentou ainda outros dados que mostram a precariedade dos serviços de saneamento básico em todo o mundo. Na África ao sul do Saara, 63% da população nas áreas urbanas, ou 258 milhões de pessoas, não têm acesso à lavagem das mãos. Na Ásia Central e Meridional, 22% da população nas áreas urbanas, ou 153 milhões de pessoas, não têm acesso à lavagem das mãos; quase 50% dos bengaleses urbanos, 29 milhões de pessoas, 20% dos indianos urbanos, ou 91 milhões de pessoas, carecem de instalações básicas para lavar as mãos em casa.

No Brasil

Segundo o Sistema Nacional de Informações sobre Saneamento (SNIS), na média brasileira, 83,5% da população é servida por rede de água e apenas 52,4% tem o esgoto coletado, do qual somente 46% é tratado, conforme os dados mais recentes divulgados em fevereiro. Esses percentuais pouco subiram nos últimos anos, ligando o alerta para a impossibilidade de se cumprir as metas de universalização do saneamento até 2033, conforme o Plano Nacional de Abastecimento (PlanSab), de 2013.

A Confederação Nacional da Indústria (CNI) divulgou estudo que prevê que quatro em cada 10 litros de água são perdidos no Brasil antes de chegar à população. Conforme a confederação, 34 milhões de brasileiros não têm água encanada e quase 40% dos recursos hídricos se perdem por desvios e infraestrutura deteriorada. 

Novo marco do saneamento

Está na pauta do Senado a proposta do Novo Marco Regulatório do Saneamento Básico. O texto, aprovado pela Câmara dos Deputados no final de dezembro, pretende unificar as regras do setor sob o guarda-chuva da Agência Nacional de Águas (ANA).  

O principal objetivo do projeto é abrir o mercado para a iniciativa privada, de modo a garantir recursos para a universalização do abastecimento de água e da coleta e tratamento do esgoto. Fonte: Agência Brasil

Foto: Reprodução

Obras de saneamento e abastecimento de água beneficiam 100 mil em Feira de Santana

segunda-feira, março 9th, 2020

Cerca de 100 mil moradores da Cidade de Feira de Santana são beneficiados com a ampliação da rede de esgoto e com um Centro de Reservação de Água, inaugurados nesta segunda feira, dia 9/3, pelo governador Rui Costa. Os equipamentos representam investimentos de R$ 60 milhões. Na ocasião, Rui também autorizou a implantação de 2 mil e 300 metros de tubos editores e a licitação de mais 27 quilômetros de tubulações das 1ª e 2ª etapas do Sistema Produtor e Adutor de Abastecimento de Água do município.

O governador destacou que foram investidos, de 2009 para cá, cerca de R$ 600 milhões em tratamento de água e esgoto, apenas em Feira de Santana. “Hoje nós estamos fazendo aqui, na minha 24ª visita a Feira de Santana como governador, mais inaugurações e autorizando o início de novas obras e novas licitações. Estas obras que estamos entregando e iniciando hoje fazem parte de um investimento maior, de R$ 243 milhões, no chamado Sistema Produtor e Integrado de Abastecimento de Água de Feira de Santana”.

Foto: Manu Dias/Divulgação/GOVBA

Embasa atende cerca de 6 mil novos imóveis com água tratada no Oeste da Bahia

sábado, janeiro 25th, 2020

A Embasa executou, ao longo do último ano, cerca de 6 mil novas ligações de água tratada nos municípios do oeste da Bahia, beneficiando aproximadamente mais 20 mil pessoas. A cidade polo do agronegócio da região, Luís Eduardo Magalhães, liderou o ranking dos municípios com acréscimo de novas ligações, com 1.985 novos imóveis atendidos; vieram em seguida Barreiras, com 1490, e Mansidão, com 519 novas ligações. A Embasa vem mantendo a média de acréscimo de novas ligações na região. Em 2018, o serviço foi expandido para 7.322 imóveis para os 20 municípios atendidos pela Embasa no oeste do estado.

A empresa também vem investindo para levar água para novas localidades da zona rural. Em terceiro lugar no ranking de acréscimo de ligações, o município de Mansidão contou com investimento da ordem de R$ 1,6 milhão, com recursos do Fundo Estadual de Combate à Erradicação da Pobreza (Funcep), levando água tratada para as localidades de São José, Juaí e Poço do Meio. Também foram beneficiadas, ao longo de 2019, as localidades de Adocica, Articum, Barro Vermelho, Caraíbas e Carlotinha, em Cotegipe; além das localidades da BA-160, em Morpará e Veredinhas III, em Serra Dourada.

EM ANDAMENTO | Para 2020, a Embasa vem trabalhando para finalizar as obras de implantação de um novo sistema de abastecimento para o distrito do Sítio do Rio Grande, em São Desidério, que contempla um investimento de R$ 1,1 milhão, e que vai beneficiar 1,8 mil habitantes. Em Barreiras, ainda neste primeiro semestre do ano, está prevista a conclusão de obra, onde foram investidos R$ 5,3 milhões para atender 3,3 mil pessoas das localidades do Barrocão de Cima e de Baixo, Gameleira, Bebedouro e Passagem Funda. A empresa também está realizando intervenções para levar a rede de água tratada para as localidades de Areião, Limoeiro e Tabuleirinho, em Santana. Fonte: Embasa

Foto: Reprodução

Mercado e residências são flagrados com “gato” de água

quinta-feira, janeiro 10th, 2019

Olha pra isso. Um mercado e quatro imóveis residenciais, situados no mesmo imóvel, foram flagrados desviando água da rede distribuidora da Embasa, na quarta-feira, dia 9/1, na rua Deputado Luiz Braga, no bairro Cassange, em Salvador. A descoberta aconteceu durante uma ação de fiscalização de fraudes relacionadas ao consumo de água, realizada com apoio da Polícia Civil, Polícia Militar e Departamento de Polícia Técnica. A fraude foi identificada graças a uma denúncia anônima.

Todas as ligações de água existentes no edifício eram de responsabilidade do mesmo titular, e estavam cortadas por falta de pagamento. O débito total é superior a R$30 mil. Para localizar a fraude, os técnicos da Embasa tiveram que escavar tanto a frente quanto a lateral do prédio, para localizar o ponto exato do desvio. O responsável pelo imóvel será convocado à 12ª Delegacia de Polícia, em Itapuã, para prestar esclarecimentos no inquérito policial.

Qualquer intervenção no hidrômetro e na rede da empresa com o intuito de furtar água é crime e o infrator está sujeito ao cumprimento das penalidades previstas na legislação vigente. De acordo com o Artigo 155 do Código Penal Brasileiro, a prática de furto de água é qualificada como crime contra o patrimônio, sujeita a pena de reclusão além de multa. O usuário que estiver nessa situação deve procurar um ponto de atendimento da empresa e regularizar sua ligação, evitando problemas e corte no abastecimento do imóvel.

 

 

Foto/fonte: Embasa

Fornecimento de água será interrompido em mais de 40 bairros de Salvador

segunda-feira, maio 15th, 2017

Olha aí. O fornecimento de água será temporariamente interrompido em alguns bairros de Salvador, nesta segunda-feira, dia 15/5, das 8 às 20 horas. Segundo a Embasa, o abastecimento será retomado gradativamente após a conclusão do serviço, com previsão de plena regularização em até 48 horas.

Ainda segundo a Embasa, o abastecimento será interrompido por conta da manutenção em uma tubulação que abastece o centro de reservação situado no Cabula. Confira a lista de localidades afetadas:

Monte Serrat, Bonfim, Calçada, Uruguai, Mares, Roma, Jardim Cruzeiro, Massaranduba, Boa Viagem, Ribeira, parte do Lobato, São Caetano, Fazenda Grande do Retiro, Boa Vista de São Caetano, Capelinha, Bom Juá, IAPI, parte de Pero Vaz, Bairro Guarany, Curuzu, Santa Mônica, parte da Liberdade, Largo do Retiro, San Martin, Largo do Tanque, Alto do Pará, parte da Av. Barros Reis, São Gonçalo, Engomadeira, Arraial do Retiro, Cabula, parte de Pernambués, Jardim Brasília, Tancredo Neves, Arenoso, parte de Narandiba, Jd. Santo Inácio, Sussuarana, Mata Escura, Calabetão, parte da Boca do Rio, parte de Patamares, parte de Pituaçu e Jd. Jaguaribe.

Foto: reprodução

Rui entrega sistema de abastecimento de água na Chapada Diamantina

sábado, dezembro 10th, 2016

normal_1481296762trator_6

A água tratada chegou para mais 1.200 famílias de quatro distritos da zona rural do município de Bonito, na Chapada Diamantina, com a entrega de um sistema de abastecimento, nesta sexta-feira (9), pelo governador Rui Costa. Na ocasião, os pequenos agricultores rurais de sete municípios receberam 13 microtratores para ajudar na produção e na capacitação para o trabalho no campo. Os moradores de Catuaba, distrito de Bonito onde a solenidade de entrega foi realizada, também receberam uma creche com capacidade para 105 crianças. Participaram do evento o vice-governador João Leão e os secretários de Infraestrutura Hídrica, Cássio Peixoto, e de Desenvolvimento Rural, Jerônimo Rodrigues.

O governador destacou que a Bahia recebeu o maior investimento em abastecimento de água da sua história nos últimos 10 anos. “Não existe saúde sem água de qualidade. Estamos investindo no abastecimento e aqui foram aplicados R$ 2,1 milhões de recursos do Governo do Estado. O que faltar aqui, podem levar para a Secretaria de Infraestrutura Hídrica, para a gente fazer ainda mais obras aqui, em parceria com o município, seja em mutirão, seja por licitação”.

Os povoados de Catuaba, Alto do Bonito, Catuabinha e Lagoa do Alívio, que vão receber água, não eram atendidos pela Embasa. O investimento de R$ 2,1 milhões vai beneficiar quase cinco mil moradores. Marlene Barbosa de Souza, 54 anos, é filha de um dos fundadores do distrito de Catuaba e conhece a história da localidade. “Água sempre foi muito difícil, agora os moradores estão muito felizes. É uma conquista que nós sempre esperávamos neste lugar”. A produtora rural e dona de casa Iraíldes de Souza, 65, tem seis filhos e sete netos. “Se a gente acorda de manhã e não tiver água, a gente não se sente bem, precisamos de água para tudo durante o dia”.

Segundo o secretário de Infraestrutura Hídrica, Cássio Peixoto, ainda para este ano, estão previstos para entrega mais cinco sistemas de abastecimento simplificados, além de dois sistemas integrados. “É uma vitória muito grande, o Governador vem lutando muito pra que essas entregas acontecessem. Estivemos na semana passada com o ministro da integração, para que fosse liberado o valor das obras. Recentemente renovamos o convênio com o Instituto Nacional de Renovação e Reforma Agrária (Incra), que vai proporcionar 39 assentamentos ainda neste ano, para mais de 2900 famílias”, afirmou. Agecom

 

Foto: Reprodução/Manu Dias/GOVBA

Bairros de Salvador ficam sem água nesta sexta-feira (7)

quinta-feira, outubro 6th, 2016
semagua
O abastecimento de água será suspenso nos bairros de Fazenda Grande e São Caetano, além das áreas da Boa Vista e da Capelinha nesta sexta-feira (7), a partir das 8h.
Segundo a Empresa de Águas e Saneamento da Bahia (Embasa), a interrupção ocorre para possibilitar o serviço de melhoria operacional no reservatório da Gomeia. Ainda conforme o órgão, a previsão é de que o serviço termine às 14h de sexta-feira, quando o abastecimento começará a ser retomado gradativamente.

Sistema de abastecimento beneficia 600 famílias de Elísio Medrado

domingo, janeiro 24th, 2016

IMG_6545.JPG

A inauguração de um sistema de abastecimento de água pelo governador Rui Costa, na manhã desta sexta-feira (22), em Elísio Medrado, no Vale do Jiquiriçá, beneficia cerca de 600 famílias da zona rural do município. Com investimentos da ordem de R$ 1,3 milhão, a obra leva água de qualidade para pelo menos dez localidades que antes sofriam com o abastecimento irregular.
Para o governador, essa iniciativa leva também saúde para as comunidades beneficiadas. Ele garantiu que o governo continuará realizando obras como essa. “Por meio do Água para Todos, programa de absoluto sucesso, estamos empenhados em levar esses sistemas para o povo humilde do nosso estado, que vive da terra, que depende da água para viver e para o próprio sustento. O programa representa o maior volume de investimentos no setor na Bahia e permitiu que levássemos essas estruturas para a zona rural”.

Na ocasião, também foram entregues obras de reurbanização no centro da cidade, como pavimentação, recuperação de passeio e sinalização, além de 50 barracas padronizadas para a feira livre. Rui ainda autorizou a construção de uma fábrica de processamento de frutas, no valor de R$ 680 mil, e anunciou que nos próximos dias também será autorizada a construção de uma casa de farinha. Os dois equipamentos agregarão valor à produção de agricultores familiares da região, com o beneficiamento dos alimentos produzidos por eles.

Mudança de vida
O sistema de abastecimento de água entregue beneficia famílias como a do agricultor familiar Otaviano Peixoto, morador do distrito de Canabrava há 60 anos, e que agora tem água limpa na pia da casa onde mora com a mulher e seis filhos. “Antes era difícil. Já saímos daqui para buscar água nos povoados vizinhos a pé. Dava muito trabalho e ainda custava caro. Agora tem à vontade, para cozinhar, lavar roupa, beber”.
A esposa do agricultor, Luzia Peixoto, também comemorou a chegada do novo sistema. “Só tenho a agradecer. Hoje tem água limpa em casa todos os dias. Não uso mais o tanque para nada. Não preciso mais guardar água para os dias em que faltar. Quem chegar aqui em Canabrava pode abrir a torneira feliz”.
De acordo com o secretário de Infraestrutura Hídrica do Estado, Cássio Peixoto, a ideia é ultrapassar a cifra de R$ 8 milhões em instalações como essa no estado. “Além dessas obras, lançaremos esse ano o programa Água nas Escolas, para que todas as instituições de ensino, estaduais ou municipais, sejam abastecidas com regularidade e água de qualidade. Será uma parceria com um dos maiores programas do governo, o Educar para Transformar”, antecipou.
 
Visita a colégio
Durante a passagem pelo município de Elísio Medrado, o governador Rui Costa ainda conheceu as instalações do Colégio Estadual Democrático Rômulo Galvão. Ele foi recebido por um grupo de karatecas da instituição.
Foto/fonte: Secom/GOVBA

Abastecimento de água será interrompido em bairros de Salvador

sexta-feira, outubro 31st, 2014

faltaagua

Atenção. O abastecimento de água será interrompido em vários bairros de Salvador na segunda-feira, dia 3, para dar continuidade as obras do metrô de Salvador. A Empresa Baiana de Águas e Saneamento (Embasa) realizará a mudança de trecho de adutora, na altura da localidade de Bom Juá. No local, será implantado um pilar de sustentação da nova linha do metrô.

Com isso, o fornecimento será interrompido, a partir das 5 horas da manhã, nos seguintes bairros: Ribeira, parte do Bonfim, Caminho de Areia, Massaranduba, Boa Viagem, parte do Lobato, Roma, Jardim Cruzeiro, Calçada, Mares, Baixa do Fiscal, Mata Escura, Calabetão, Capelinha, Boa Vista de São Caetano, São Caetano, Fazenda Grande, Bairro Guarany, Curuzu, IAPI, Pero Vaz, parte da Liberdade, Largo do Tanque, Alto do Pará, parte de Santa Mônica, Largo do Retiro, San Martin, Baixa do Santo Antônio, parte da Barros Reis, Jardim Brasília, Engomadeira, Arraial do Retiro, Cabula, Pernambués, Narandiba, Saboeiro, Tancredo Neves, Novo Horizonte, Sussuarana Nova e Sussuarana Velha.

O serviço deve ser concluído até as 20 horas do mesmo dia, quando o abastecimento começará a ser retomado de forma gradativa. A interrupção não afetará os imóveis que contam com reservação adequada para satisfazer as necessidades diárias de consumo de seus moradores.

 

Foto: Reprodução/Ilustrativa

Fornecimento de água é interrompido em Itaparica e Vera Cruz

sábado, junho 14th, 2014

semagua

A Empresa Baiana de Águas e Saneamento (Embasa) vai interromper temporariamente o fornecimento de água nos municípios de Itaparica e de Vera Cruz, a partir da 6h deste sábado, dia 14. De acordo com a empresa, a interrupção é necessária para realizar a correção de vazamento em adutora de água bruta do sistema de abastecimento de água de Itaparica.

A conclusão do serviço está prevista para as 21h do mesmo dia, com a retomada gradativa do abastecimento. A completa regularização do fornecimento de água ocorrerá 48 horas após a conclusão do trabalho.

 

 

Foto: Reprodução

Abastecimento de água será interrompido em seis municípios

segunda-feira, junho 9th, 2014

semagua

O fornecimento de água será interrompido nas cidades de Feira de Santana, Conceição da Feira, São Gonçalo dos Campos, Santa Bárbara, Tanquinho e Santanópolis a partir das 16h desta segunda-feira, dia 9, segundo comunicado da Empresa Baiana de Saneamento e Águas (Embasa).

A suspensão será causada por serviços de manutenção preventiva. O abastecimento começará a ser retomado de forma gradativa após a finalização dos serviços, prevista para as 20h. Segundo a empresa, os moradores de imóveis com reserva suficiente para suas necessidades de consumo não sentirão os efeitos da interrupção.

Foto: Reprodução

Conta de água fica mais cara a partir desta sexta-feira (6)

quinta-feira, junho 5th, 2014

contaagua

 

Reajuste. A Agência Reguladora de Saneamento Básico do Estado da Bahia (Agersa) começa a praticar a partir desta sexta-feira, dia 06, o reajuste anual de 7,8% no valor da conta de água. O percentual será aplicado de forma linear sobre a atual estrutura tarifária  e está previsto desde o dia 16 de abril, quando foi publicado no Diário Oficial do Estado.

Apesar de, na proposta inicial, ter pleiteado o reajuste de 12,12% (4,67% corresponde ao IRT – Índice de Reajuste Tarifário Anual + 7,45% da universalização dos serviços de água e esgoto), a Agersa decidiu pela redução do percentual para 7,8%, após análise dos 10 indicadores de desempenho pactuados com a concessionária levando em consideração a estiagem prolongada, a pior dos últimos 60 anos , que assolou o estado da Bahia e que mantém  um número considerável de municípios cumprindo planos de racionamento de água.

Foto: Ilustrativa

Fornecimento de água será interrompido em três localidades da capital baiana

segunda-feira, maio 12th, 2014

faltaagua

O fornecimento de água será interrompido nesta segunda-feira, dia 12, nas localidades de  Águas Claras, Estrada Velha e avenida São Rafael, em Salvador, para colocar em operação mais um reservatório no centro de reservação da Embasa (Empresa Baiana de Águas e Saneamento) em Águas Claras.

Das 8 às 14h, o abastecimento vai ser interrompido nas localidades de Jardim Esperança, Loteamento Marotinho, Sete de Abril, São Marcos, Estrada Velha do Aeroporto, Alphaville 2, Nova Brasília, Canabrava, avenida São Rafael (conjuntos Vale dos Lagos, Colinas de Pituaçu, Recanto das Ilhas, Paralela Park, Vivenda dos Pássaros, Mata Atlântica, Nova Cidade, Jardim das Limeiras e Bosque Imperial), Dom Avelar, Pau da Lima, Castelo Branco, Jardim Cajazeira, Vila Canária, Porto Seco Pirajá, Cajazeiras, Fazenda Grande II, III e IV, parte de Boca da Mata, Jaguaripe I e II e parte de Águas Claras.

O fornecimento será normalizado em até 24 horas após a conclusão do serviço, ainda de acordo com a Embasa.

Foto: Agência Brasil