Posts Tagged ‘Manaus’

Bahia vence o Manaus por 4 a 1

quinta-feira, abril 8th, 2021

O Bahia venceu o time do Manaus por 4 a 1 em duelo realizado na noite de quarta-feira 7/4, pela Copa do Brasil. O tricolor goleou com gols de Rodriguinho, Thaciano, Conti e Rossi. Vanílson, do Manaus, descontou. 

Com a vitória, o time tricolor embolsou R$ 1,7 milhão por ter passado de fase. O próximo compromisso do Esquadrão é diante do ABC, no sábado 10/4, na oitava rodada do Nordestão.

Fotografia: Divulgação/E.C.Bahia

Covid-19: Ministério confirma reinfecção com nova variante no Amazonas

sábado, janeiro 16th, 2021

O Ministério da Saúde confirmou na sexta-feira 15/1, um caso de reinfecção com uma nova variante no Amazonas. O episódio foi identificado pela Fundação Oswaldo Cruz no Amazonas e comunicado pelo governo do estado ao Ministério da Saúde.

A paciente é uma mulher de 29 anos, infectada inicialmente em março do ano passado. O segundo diagnóstico ocorreu no fim de dezembro. O resultado do exame revelou uma mutação do vírus, descoberta pelo Ministério da Saúde do Japão, mas que teria origem no Amazonas.

Até o momento, o Brasil já registrou dois casos de reinfecção com variante do novo coronavírus. Além da paciente do Amazonas, uma outra paciente apresentou em seus exames uma mutação do vírus notificada também na África do Sul.

Com as mesmas linhagens já foram confirmados até o momento três casos no Brasil, sendo um em São Paulo, um no Rio Grande do Norte e um no Rio Grande do Sul.

Em função desta variante, o Reino Unido proibiu os voos vindos do Brasil.

Fotografia/Fonte: Agência Brasil

Coronavírus: Dois aviões da FAB chegam a Manaus com materiais de saúde

sábado, maio 2nd, 2020

Dois aviões da Força Aérea Brasileira (FAB) chegaram neste sábado, dia 2/4, a Manaus com grande quantidade de equipamentos de proteção individual e outros materiais de saúde para serem distribuídos para a rede hospitalar do estado. A informação foi divulgada pelo Ministério da Defesa. A capital amazonense é uma das Cidades Brasileiras mais castigadas pela pandemia de coronavírus.

As aeronaves – modelo Embraer KC-390 Millennium – transportam cerca de 452 mil equipamentos de proteção individual (EPI’s), sendo 300 mil unidades de máscaras cirúrgicas, 17 mil unidades de máscaras N95, 130 mil unidades de luvas, 4.080 óculos e 1.300 aventais; além de 1.080 litros de álcool em gel doados pela Fundação Itaú para Educação e Cultura.

A ação é coordenada pelo Centro de Coordenação de Logística e Mobilização (CCLM), do Ministério da Defesa, em parceria com o Ministério Saúde, sendo executada pelo Comando Aeroespacial (COMAE), da Força Aérea Brasileira. Fonte: Agência Brasil

Foto: Divulgação/Força Aérea Brasileira/FAB

Urgente: Com aumento de mortes, cemitério passa a ter enterros à noite e caixões empilhados

terça-feira, abril 28th, 2020

Misericórdia. Em função do aumento no número de enterros, foi criado o método deempilhar caixões em valas comuns em Manaus, Capital do Amazonas. Segundo a imprensa local, a Cidade está à beira de um colapso no sistema funerário durante a pandemia de Covid-19. A média já é de 100 sepultamentos por dia, e a prefeitura passou a adotar um esquema de enterros noturnos no principal cemitério da Cidade. No mesmo cemitério, na segunda-feira, dia 27/4, foram realizados enterros com a ajuda de refletores para iluminar sepulturas e máquinas. Os caixões agora dividem a mesma cova e são separados por uma tábua.

Foto: Reprodução

Valas comuns são feitas em cemitério para enterrar vítimas de coronavírus

terça-feira, abril 21st, 2020

Depois de anunciar a instalação de contêines frigoríricos no cemitério público do bairro Tarumã, a Prefeitura de Manaus, Capital do Amazonas, informou, nesta terça-feira, dia 21/4, que está fazendo valas comuns, chamadas de trincheiras, para enterrar vítimas do novo coronavírus. Segundo boletim desta terça-feira, dia 21/4, Manaus já registrava 163 mortes por Covid-19. No estado do Amazonas o número de casos confirmados chegou a 2.270 com 193 mortes no total.

Foto: Reprodução/Internet

Homem morre no motel durante transa com a própria filha

segunda-feira, janeiro 20th, 2020

Deus é mais. Um homem de 64 anos morreu no quarto de um motel, durante uma relação sexual com a própria filha de 46 anos. 

Segundo familiares, a filha do cara teria um relacionamento com o pai há 20 anos e tinha até um filho dele.

O homem foi atendido por uma equipe do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu), mas, ao constatar o óbito, o corpo foi removido para o Instituto Médico Legal (IML) para investigação sobre a causa da morte.
O caso aconteceu em Manaus, Capital do Amazonas.

Foto: Reprodução/Manaus Alerta

Troca de tiros entre policiais e criminosos deixa quase 20 mortos

quarta-feira, outubro 30th, 2019

O bicho pegou. Depois de uma troca de tiros entre policias e um grupo de traficantes de uma facção criminosa, segundo a PM, dezessete pessoas foram morreram na madrugada desta quarta-feira, dia 30/10, em Manaus, Capital do Amazonas. Segundo a imprensa local, a Polícia informou que o grupo se preparava para cometer homicídios de rivais com o objetivo de tomar o controle das bocas de fumo.

De acordo com o comando, a Polícia recebeu a denúncia de que cerca de 50 pessoas armadas estariam em um caminhão baú, em direção a um beco do bairro de Betânia, em Manaus.

Foto: Divulgação

Avião que transportava corpo de vítima de acidente aéreo cai no interior

quinta-feira, julho 25th, 2019

Vixe. Um avião caiu nesta quinta-feira em , dia 25/7, numa área de mata na Cidade de Autazes, a 120 quilômetros de Manaus. Segundo a imprensa local, além do piloto, havia uma passageira e um cadáver de uma vítima de acidente com helicóptero.

A aeronave seguiu do aeroclube de Manaus com destino ao município de Itaituba, no estado vizinho do Pará, mas nas proximidades da comunidade do Novo Céu, em Autazes, a aeronave sofreu uma pane e houve um pouso forçado.

O piloto e a passageira ficaram feridos e equipes do Departamento Integrado de Operações Aéreas atuaram no resgate.

Foto: Divulgação/PM-AM

Carnificina deixa quase 60 mortos em presídio

segunda-feira, maio 27th, 2019

O governo do Amazonas informou que foram encontrados, nesta segunda-feira (27), 42 detentos mortos. De acordo com a secretaria estadual de Administração Penitenciária (Seap), as mortes ocorreram no Instituto Penal Antônio Trindade (Ipat), no Centro de Detenção Provisória Masculino (CDPM 1), no Complexo Penitenciário Anísio Jobim (Compaj) e na Unidade Prisional do Puraquequara (UPP), todos localizados em Manaus (AM). Os corpos apresentavam indícios de morte por asfixia.

As mortes ocorrem um dia após 15 detentos do Compaj terem sido assassinados. Ao todo, o número de mortos no sistema prisional chega a 57. 

Por meio de nota, o Ministério da Justiça e Segurança Pública disse que enviará uma Força-Tarefa de Intervenção Penitenciária (FTIP) para atuar no complexo penitenciário. Segundo o comunicado da pasta, o Departamento Penitenciário Nacional (Depen) aguarda a formalização do pedido, mas já está tomando as providências para o deslocamento da equipe. O governo do Amazonas informou que já oficializou a solicitação de atuação de uma equipe de intervenção prisional para o estado.

Mortes

Em nota divulgada nesse domingo (26), a Seap informou que as mortes ocorreram durante uma “briga entre presos” dos pavilhões 3 e 5, e que, após o acionamento do Batalhão de Choque da Polícia Militar, a situação no Compaj estava sob controle. Nenhuma fuga foi registrada e nenhum agente penitenciário foi ferido durante o tumulto de ontem. A briga começou durante o horário de visitação.

Segundo governo do estado, a Seap iniciou investigações para identificar os responsáveis pela ocorrência de domingo. As mesmas medidas serão tomadas em relação às mortes registradas nesta segunda-feira. Os resultados destas apurações serão encaminhados à Justiça. A secretaria também vai adotar medidas disciplinares nos presídios, a exemplo do que fez no Compaj. 

O Ministério da Justiça informou que alguns presos serão transferidos para penitenciárias federais.

Foto: Reprodução/Ilustrativa

Massacre: Confronto no presídio deixa 15 mortos

domingo, maio 26th, 2019

Deus é mais. Um confronto que envolveu detentos deixou 15 mortos neste domingo, dia 26/5, no Complexo Penitenciário Anísio Jobim (Compaj), localizado na BR-174, na Cidade de Manaus, no período de visitação de familiares. No mesmo presídio, 56 detentos foram mortos em janeiro 2017, depois de uma rebelião, numa disputa entre facções.

De acordo com o secretário de Administração Penitenciária do Amazonas, as mortes aconteceram por asfixia e por perfurações com escovas de dente raspadas. Todas as vítimas são detentos do regime fechado, e não houve registro de fugas e da presença de armas de fogo no presídio. Segundo o órgão, o confronto começou por volta de 11h e a situação foi controlada pela Polícia Militar em 40 minutos. As visitas aos detentos estão suspensas.

Foto: Marcelo Camargo/Divulgação/Agência Brasil

Professora e aluno são baleados na porta de escola

sábado, agosto 25th, 2018

Vixe. Uma professora de 45 anos e um aluno de 23 foram baleados na saída de uma escola, na noite de sexta-feira 24/8. Segundo testemunhas, o homem que atirou nas duas vítimas vestia a farda da escola.

O caso ocorreu quando os alunos eram liberados. Ainda de acordo com as testemunhas, o jovem de 23 anos era o alvo. Ele foi atingido por três tiros, sendo dois na barriga e um nas costas. A professora foi baleada na coxa direita.

Os dois foram encaminhados para o hospital. Não há informações sobre o estado de saúde do aluno. Já a professora chegou à unidade de saúde consciente.

O suspeito que baleou a professora e o aluno fugiu após o crime. O caso será investigado pela Polícia Civil.

O caso aconteceu no bairro Amazonino Mendes, na Zona Norte de Manaus.

Foto: Reprodução

Invasão a Delegacia deixa 1 morto; delegado e promotor ficam feridos

quinta-feira, agosto 23rd, 2018

Parafernália. Pelo menos onze pessoas ficaram feridas e um homem morreu após uma confusão perto de uma Delegacia. Entre os feridos, estão o delegado e um promotor. Eles passam bem. Reforço policial foi enviado à Cidade após a tentativa de invasão à unidade, na quarta-feira 22/8.

O tumulto teve início após população saber da transferência de um homem e uma mulher presos suspeitos de envolvimento em um homicídio, segundo a Secretaria de Segurança Pública. Anteriormente, a Polícia havia confirmado apenas a prisão da suspeita.

Segundo a SSP, a suspeita é que a dupla tenha executado um rival, desaparecido desde a segunda-feira 20/8.

A Polícia Civil afirma que tanto os suspeitos quanto a vítima que está sumida já foram detidos diversas vezes por tráfico de drogas, porte de arma de fogo e homicídio.

O delegado titular, informou à SSP que a unidade prisional onde a dupla estava detida foi depredada, assim como duas viaturas, sendo uma da Polícia Militar e outra da Civil.

Segundo o delegado, a ação foi comandada por comparsas e familiares dos envolvidos no caso.

O caso aconteceu na Cidade de Caapiranga, a 140 Km de Manaus.

Foto: Divulgação

Mulher se joga de prédio para fugir das agressões do companheiro

quinta-feira, janeiro 11th, 2018

Haja violência. Uma mulher de 23 anos corre o risco de ficar paraplégica depois de ter se jogado do 2º andar do prédio onde mora para fugir das agressões do marido. Segundo informações da polícia, o homem, de 27 anos, foi preso, mas foi liberado após pagar fiança. O crime ocorreu em Manaus, no apartamento onde o casal morava. No relato para a polícia, a vítima informou que o marido brigava com ela por causa de ciúme. Antes de se jogar da janela do apartamento, a jovem disse que estava sendo agredida e o que o companheiro dela estava embriagado.

Foto: reprodução

Estudante é preso com pistola depois de disparo em escola

quinta-feira, maio 4th, 2017

Olha pra isso. Depois de um disparo de arma de fogo dentro de una escola, a Polícia encontrou uma pistola na mochila e prendeu um estudante de 20 anos, na noite de quarta-feira, dia 3/5. A Escola Estadual Antônio Lucena Bittencourt, fica no Sul de Manaus, no Amazonas. Há suspeita que o aluno tenha atirado acidentalmente ao manusear a arma.

A Polícia Militar (PM) foi chamada depois que um tiro foi disparado no intervalo das aulas e deteve dois suspeitos. Um dos estudantes confessou na Delegacia, ser proprietário do armamento e outro aluno, de 18 anos, foi liberado.

Funcionários da escola apontaram para os policiais militares a sala onde estavam jovens suspeitos de efetuarem o disparo.

Na revista, foi encontrada uma pistola calibre 380 com duas munições, sendo uma intacta e outra deflagrada, em uma das mochilas.

Foto: Divulgação/PM

Seis presos são assassinados dentro de cadeia; alguns foram degolados

sexta-feira, abril 7th, 2017

O bicho pegou. A briga pelo poder da facção FDN, por um suposto desmembramento da ‘”Família do Norte” e, pode ter sido o motivo das seis mortes que ocorreram ao longo desta sexta-feira, dia 7/4, na Unidade Prisional do Puraquequara (UPP). A informação é de uma autoridade policial que preferiu não se identificar.

No início da tarde, a Secretaria de Administração Penintenciária (Seap) informou que houve apenas duas mortes na unidade prisional. Mas, por volta das 6 da noite, o Instituto Médico Legal (IML) confirmou seis mortos e que há a possibilidade de o número ser maior.

Cerca de 30 viaturas e uma equipe do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) chegaram ao local. Pelo menos 100 homens da Ronda Ostensiva Cândido Mariano (Rocam) e da Tropa de Choque entraram na UPP e fazem a segurança do lugar.

 

 

Fotos: Reprodução/Em Tempo

Em covas rasas, mortos do presídio ocupam quadra nos fundos do cemitério

terça-feira, janeiro 17th, 2017

1061781-am_img_9045

Quinze dias após a chacina que matou 56 presos do Complexo Penitenciário Anísio Jobim (Compaj), parte dos corpos dos detentos mortos durante a rebelião está enterrada em uma quadra nos fundos do Cemitério de Tarumã, em Manaus, em covas rasa e túmulos simples.

É na quadra 34, fila 27, que está Gezildo Nunes da Silva. A sepultura número 1334 guarda o corpo do rapaz que, dias antes da chacina, denunciou um esquema de corrupção dentro da unidade, em que o diretor recebia propina de detentos para liberar a entrada de diversos objetos no Compaj, incluindo armas e celulares. Preso por furto, Gezildo foi assassinado aos 35 anos. Ele denunciou o esquema junto com outro detento, Alciney Gomes da Silveira, que também morreu na chacina.

A denúncia motivou a saída do diretor interino do Compaj, dias após a rebelião. Na denúncia de Gezildo e Alciney, ambos se diziam ameaçados de morte. A carta foi anexada ao processo de Gezildo no dia 14 de dezembro, para conhecimento do juiz Luis Carlos Valois, titular da Vara de Execuções Penais. Conforme Agência Brasil

 

 

Foto: Reprodução/Marcelo Camargo/Agência Brasil

Rebelião em cadeia pública deixa quatro mortos; presos foram decapitados

domingo, janeiro 8th, 2017

22625307

De novo. Só bastou passar uma semana que aconteceu a rebelião no Complexo Penitenciário Anísio Jobim (COMPAJ), em Manaus, no Amazonas com 56 presos mortos, que uma nova rebelião aconteceu neste domingo, dia 8/1. Agora, na Cadeia Pública, no Centro da Cidade. Conforme informações da secretaria de Administração Penitenciária do estado, à Rede Amazônica, pelo menos quatro presos já foram mortos.

O local recebeu presos que participaram da rebelião na semana passada no COMPAJ com intuito de isolar os membros da facção criminosa Primeiro Comando da Capital (PCC) dos outros presos da facção Família do Norte (FDN), que comandou o massacre. O número de presos transferidos para a cadeia pública chegou a 284.
images194gvrzk
A movimentação dos internos neste domingo, dia 8/1, foi iniciada por volta das 3h da madrugada horário local (5h de Brasília) e três internos foram decapitados. Ainda não há confirmação se a rebelião tem ligações com as facções criminosas que atuam na Cidade. Equipes do Instituto Médico Legal (IML), da Polícia Militar e do Corpo de Bombeiros estão no local. Apesar das mortes confirmadas, o secretário garante que no momento a situação está controlada.
Fotos: Reprodução

Exército é multado em R$ 40 mil por morte de onça

sexta-feira, julho 8th, 2016

1027450-27694012462_6d7d7f17b9_o

O Exército Brasileiro foi autuado e multado em R$ 40 mil pela morte da onça Juma, que foi exposta durante evento de passagem da tocha olímpica no Centro de Instrução de Guerra na Selva (CIGS), em Manaus. A sanção foi aplicada pelo Instituto de Proteção Ambiental do Amazonas (Ipaam), que ficou responsável por apurar o ocorrido. No dia 20 de junho, o felino, um macho de 18 anos, escapou da coleira ao ser transportado para a jaula. Mesmo sob efeito de tranquilizantes, a onça avançou em um soldado que atirou no animal.

A multa foi aplicada a três órgãos do Exército. O Comando Militar da Amazônia deverá pagar R$ 5 mil por contribuir para a utilização de espécime da fauna silvestre nativa sem a autorização do órgão ambiental competente.

O CIGS também foi autuado em R$ 5 mil por utilizar o animal sem a devida autorização. O 1º Batalhão de Infantaria de Selva, que era responsável pela onça, deverá pagar R$ 30 mil por transportar e manter em cativeiro o felino sem autorização e por construir e fazer funcionar mantenedouro da fauna sem a licença do órgão ambiental. Agência Brasil

 

Foto: Reprodução/Ivo Lima/Ministério do Esporte

Mulher é agredida com chute após bloco de carnaval; Assista ao vídeo

quinta-feira, fevereiro 11th, 2016

brigacarnavalAM

Violência sem limites. A Polícia Civil investiga um caso de agressão registrado na noite de domingo, dia 7, após um bloco de carnaval. Um grupo de mulheres registrou Boletim de Ocorrência após uma delas ser atingida por um chute desferido por um homem durante uma briga. O fato foi registrado em vídeo por uma das testemunhas do ocorrido.

Segundo a vítima da agressão, que pediu para não ser identificada, ela e as amigas foram abordadas na saída da festa, quando seguiam a pé na rua. Os homens teriam falado palavras de baixo calão contra as mulheres. “Estávamos a caminho do carro quando eles chegaram xingando. Nos chamaram de ‘putas’. Minha amiga revidou e jogou um sapato em um deles”, relata.

 

 

Assista ao vídeo

O caso aconteceu na rua Rio Madeira, conjunto Vieiralves, bairro Nossa Senhora das Graças, Zona Centro-Sul de Manaus.

ABSURDO: Bebê morre após hospital usar máscara feita com garrafa pet

segunda-feira, fevereiro 1st, 2016

Misericórdia. O nascimento de gêmeos terminou de forma trágica em um hospital na quinta-feira, dia 28. De acordo com o G1, uma recém-nascida morreu 10 horas após o parto. Sem máscara de oxigênio (venturi), a unidade hospitalar improvisou utilizando garrafas pet para internação da criança e do irmão gêmeo, que nasceram com problemas respiratórios. Ainda de acordo com a publicação do G1 , a direção do hospital onde o caso aconteceu, no município de Jutaí, a 751 Km de Manaus, afirmou que a falta do equipamento não teria contribuído para o óbito do bebê.

Gabriel, irmão da menina que morreu, teve alta no domingo, dia 31, mesmo tendo nascido com 7 meses de gestação. A Secretaria de Saúde do Amazonas (Susam) investiga o caso.

Ao G1, a tia das crianças disse que os bebês nasceram em parto normal por volta de 1h do dia 28 e que a menina morreu às 11h. Segundo Rayssa Neres, a família foi comunicada que o hospital não possui incubadora e que estava sem máscaras de oxigênio.

“O médico cortou a garrafa e colocou nos bebês, porque não tinha aparelho nem nada. Ele não tem culpa. Tentou ajudar”, diz a tia.

Rayssa diz que as ‘máscaras de PET’ chegaram a melhorar a respiração dos bebês, mas a improvisação rendeu machucados aos gêmeos. “Machucou os pescoços deles. Ficou roxo e o médico precisou afrouxar. Outro problema foi que havia apenas um [cilindro] de oxigênio para as duas crianças. Isso nos preocupou”, comenta.

Após a morte da recém-nascida, o irmão dela continuou internado com a garrafa como máscara. Neste domingo, ele recebeu alta. No entanto, o fato de Gabriel  ter sido liberado após nascer de forma prematura tem deixado a família em alerta.

“O médico disse que ele está bem e deu alta, porque o hospital não tem incubadora. Mas estamos preocupados, porque ele nasceu meses antes do previsto. Queremos que ele vá para Manaus, para poder receber acompanhamento”, afirma a tia.

Resposta

Em nota, a Susam informa que não foi acionada pelo hospital de Jutaí sobre a gravidade da situação. A pasta afirma que também não recebeu solicitação “de serviço de remoção aérea, que está funcionando normalmente para os casos de maior gravidade que não podem ser resolvidos nos municípios”.

Nesta segunda (1º), será enviada ao município uma equipe da Secretaria-Adjunta de Atenção Especializada do Interior para investigar o caso e adotará as medidas cabíveis.

Acionada neste final de semana pela Susam, a direção do hospital informou que os gêmeos nasceram prematuros e que a menina tinha um quadro pulmonar mais debilitado.

Mesmo tendo sido submetida aos mesmos procedimentos que o irmão (que já recebeu alta do hospital), não resistiu devido ao quadro de infecção respiratória aguda de etiologia alveolar, ocasionada por síndrome de membrana hialina, principal complicação de prematuridade.

 

 

 

Fonte G1