Posts Tagged ‘FEDERAL’

Nova Fase da Lava Jato investiga fraudes financeiras na Petrobras

sexta-feira, maio 26th, 2017

A Polícia Federal deflagrou na manhã desta sexta-feira, dia 26/5, a 41ª fase da Operação Lava Jato, chamada de Poço Seco, que tem como alvo operações financeiras feitas a partir da aquisição pela Petrobras de direitos de exploração de petróleo no Benin, no oeste África.

De acordo com as investigações, as operações financeiras tinham como objetivo de disponibilizar recursos para o pagamento de vantagens indevidas ao ex-gerente da área de negócios internacionais da empresa.

A PF informou ainda que está cumprido oito mandados de busca e apreensão, um de prisão preventiva, um mandado de prisão temporária e três de condução coercitiva nos estados do Rio de Janeiro, São Paulo e no Distrito Federal. Os investigados responderão pela prática dos crimes de corrupção, fraude em licitações, evasão de divisas, lavagem de dinheiro dentre outros.

O nome da operação, Poço Seco, é uma referência aos resultados negativos do investimento realizado pela Petrobras na aquisição de direitos de exploração de poços de petróleo no Benin.

Foto: reprodução

PF prende brasileiros suspeitos de terrorismo

quinta-feira, julho 21st, 2016

policia_federal__marcelo_camargo_abr_0

A Polícia Federal deflagrou nesta quinta-feira (21/7) a Operação Hashtag para desarticular grupo envolvido na promoção do Estado Islâmico e na execução de atos preparatórios para a realização de atentados terroristas e outras ações criminosas. É a primeira operação policial após a publicação da Lei 13.260/2016.

Cerca de 130 policiais cumprem mandados judiciais expedidos pela 14ª Vara Federal de Curitiba, sendo 10 prisões temporárias, 2 conduções coercitivas e 19 buscas e apreensões, nos estados do Amazonas, Ceará, Paraíba, Goiás, Minas Gerais, Rio de Janeiro, São Paulo, Paraná, Mato Grosso e Rio Grande do Sul.
As investigações tiveram início em abril com o acompanhamento de redes sociais pela Divisão Antiterrorismo da Polícia Federal – DAT. Os envolvidos participavam de um grupo virtual denominado Defensores da Sharia e planejavam adquirir armamentos para cometer crimes no Brasil e até mesmo no exterior. Uma ONG com atuação na área humanitária e educacional também é investigada por participação no caso.
Os investigados responderão individualmente, na medida de suas participações, pelos crimes de promoção de organização terrorista e realização de atos preparatórios de terrorismo, ambos previstos na Lei 13.260/2016. A pena para o primeiro crime é de cinco a oito anos de prisão, além do pagamento de multa. Para quem executa atos preparatórios, a pena varia de três a 15 anos de prisão. Ascom/PF

 

Foto: Reprodução

 

Bacelar não fala sobre Detran, mas enaltece votação do irmão em Camaçari

segunda-feira, fevereiro 1st, 2016

bacelar

Falou tudo. O deputado federal Bacelar (PTN), presidente da sigla na Bahia, prefere não criar “burburinho” como ele chamou, diante da saída do diretor-geral do Detran, seu irmão, Maurício Bacelar. De acordo com o parlamentar, o assunto está sendo discutido e ainda não foi levado oficialmente ao governador Rui Costa. Ainda conforme Bacelar, a boa votação obtida por Maurício Bacelar nas últimas eleições de 2012, quando concorreu à Prefeitura de Camaçari, o credita para um novo certame.

“Estamos conversando com o governo, ainda não levamos esse assunto ao governador, mas estamos conversando com a área política do governo, porque também o partido vê para Maurício outras missões. Não podemos esquecer que Maurício perdeu a eleição em Camaçari com 2% dos votos. Maurício teve 50 mil votos em Camaçari para prefeito, estamos discutindo esses assuntos”, disse Bacelar em entrevista ao apresentador Adelson Carvalho, nesta segunda-feira, dia 1º/2 na Rádio Sociedade da Bahia.