Posts Tagged ‘VALE’

Tragédia Brumadinho: Operação prende oito funcionários da Vale

sexta-feira, fevereiro 15th, 2019

Oito funcionários da mineradora Vale foram presos temporariamente nesta sexta-feira, dia 15/2, em uma operação deflagrada pelo Ministério Público de Minas Gerais (MPMG), com o apoio das polícias civis e militares dos estados de Minas Gerais, São Paulo e Rio de Janeiro.

Os alvos dos mandados de prisão cumpridos nesta manhã são suspeitos de responsabilidade criminal pelo rompimento da Barragem 1 da Mina do Córrego do Feijão, em Brumadinho. Entre os presos estão quatro gerentes e quatro técnicos diretamente envolvidos na segurança e estabilidade do empreendimento. Todos ficarão detidos por 30 dias e serão ouvidos pelo MPMG em Belo Horizonte. Além dos crimes de homicídio qualificado, eles poderão responder por crimes ambientais e falsidade ideológica.

Estão sendo cumpridos ainda 14 mandados de busca e apreensão nos três estados, incluindo a sede da empresa Vale no Rio. Foram levados pelos agentes computadores e documentos em diferentes endereços.

Também são alvos dos mandados de busca e apreensão quatro funcionários da empresa alemã Tüv Süd, que prestou serviços de estabilização da barragem rompida para a Vale, entre eles, um diretor.

“Os documentos e provas apreendidos serão encaminhados ao MPMG para análise. De acordo com os promotores de Justiça, as medidas estão amparadas em elementos concretos colhidos até o momento nas investigações conduzidas pela força-tarefa e são imprescindíveis para a completa apuração dos fatos”, diz a nota do MPMG.

Em nota, a Vale informou que continua colaborando com as autoridades responsáveis pelas investigações. “A Vale permanecerá contribuindo com as investigações para a apuração dos fatos, juntamente com o apoio incondicional às famílias atingidas.”

Há duas semanas, o MPMG, o Ministério Público Federal e a Polícia Federal conduziram outra ação em decorrência do rompimento da barragem de Brumadinho, que resultou na prisão temporária de três funcionários da Vale responsáveis pelo empreendimento e dois engenheiros terceirizados que atestaram a segurança da barragem. Eles já foram liberados. Fonte: Agência Brasil

 

 

 

Fotos: Reprodução

Justiça mantém prisão de funcionários da Vale

segunda-feira, fevereiro 4th, 2019

A segunda instância da Justiça de Minas Gerais decidiu manter a prisão de três funcionários da mineradora Vale, presos na semana passada no âmbito das investigações do rompimento da barragem da mina Córrego do Feijão, em Brumadinho (MG). A decisão foi proferida pelo desembargador Marcílio Eustáquio Santos, na sexta-feira (1º).

No despacho, o magistrado entendeu que não há ilegalidades nos fundamentos apresentados pela primeira instância, que decretou a prisão do geólogo Cesar Augusto Grandchamp; do gerente de Meio Ambiente, Ricardo de Oliveira, e do gerente do Complexo de Paraopeba da empresa, Rodrigo Artur Gomes de Melo.

De acordo com o Ministério Público, os três funcionários estão diretamente envolvidos no processo de licenciamento ambiental da barragem. Dois engenheiros terceirizados que atestaram a estabilidade da barragem também estão presos.

Após o cumprimento dos mandados de prisão pela Polícia Federal (PF), a Vale divulgou nota à imprensa na qual informou que está à disposição das autoridades. “A Vale permanecerá contribuindo com as investigações para a apuração dos fatos, juntamente com o apoio incondicional às famílias atingidas.”

Na manhã de domingo 3/1, os bombeiros iniciaram o décimo dia de buscas por vítimas do rompimento da barragem. De acordo com balanço mais recente divulgado pela Defesa Civil de Minas Gerais, 395 pessoas foram localizadas pelas equipes de buscas, 226 continuam desaparecidas e 121 morreram.

 

 

 

 

Foto/Fonte: Agência Brasil

Vale promete doar 100 mil para quem teve parente morto na tragédia

terça-feira, janeiro 29th, 2019

A Vale vai doar R$ 100 mil para cada família que teve um parente morto na tragédia gerada com o rompimento da barragem da mineradora em Brumadinho, nos arredores de Belo Horizonte. As doações serão repassadas a partir desta terça-feira 29/1. Segundo a empresa, trata-se de doação, e não de indenização. De acordo com o Corpo de Bombeiros de Minas Gerais, foram confirmadas 60 mortes  em decorrência do rompimento da barragem na Mina Feijão. Outras 292 pessoas estão desaparecidas.

A doação foi informada em coletiva de imprensa concedida no Rio de Janeiro por Luciano Siani, diretor-executivo de finanças e relações com investidores da Vale. “Isso nada tem a ver com indenização, que serão valores muito maiores”, destacou ele. Luciano afirmou que os pagamentos serão realizados já a partir desta terça-feira 29/1.

 

 

 

Foto/Fonte:Agência Brasil

Adolescente de 16 anos é fuzilado no Vale das Pedrinhas

segunda-feira, agosto 22nd, 2016

morte3

Fuzilado. Um adolescente de 16 anos, perdeu a vida ao receber diversos balaços no Vale das Pedrinhas, na noite de domingo, dia 21/8. O crime foi registrado por volta das 9 da noite, na Rua Kátia. Conforme informações da Central de Polícia, vários homens chegaram ao local e meteram balaços na vítima.

Atingido em várias partes do corpo, o rapaz morreu no local. Ainda não há informações sobre o que teria motivado o crime. O crime será investigado pelo Departamento de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP).

Foto: Reprodução

Ex-presidente da Vale, Roger Agnelli morre em queda de avião

domingo, março 20th, 2016

001 (52)

Tragédia. Roger Agnelli, empresário e ex-presidente da mineradora Vale, morreu no desastre aéreo quando o avião dele caiu sobre uma casa localizada Zona Norte de São Paulo, na tarde de sábado, dia 19. A mulher do empresário, Andrea e dois filhos, Ana Carolina e João, também morreram no acidente. Parris Bittencourt, que era genro, a namorada do filho de Agnelli e o piloto são as outras vítimas. Uma mulher que estava fechando o portão da residência atingida ficou ferida e foi levada ao hospital.

O empresário de 56 anos foi presidente da Vale de julho de 2001 até maio de 2011, quando terminou sendo substituído pelo atual presidente da mineradora, Murilo Ferreira. Sob o comando de Roger Agnelli, a Vale se expandiu internacionalmente e se consolidou como a maior produtora global de minério de ferro e a segunda maior mineradora do mundo.

 

Foto: Reprodução/Diário de Goiás