Posts Tagged ‘temporal’

Temporal, três mortos e estágio de crise

terça-feira, abril 9th, 2019

Pelo menos três pessoas morreram durante a chuva que atinge, desde a noite de segunda-feira, dia 8/4, a Cidade do Rio de Janeiro. Duas delas foram vítimas de um deslizamento no Morro da Babilônia, no bairro do Leme.

A terceira morte, por afogamento, foi registrada na  Avenida Marquês de São Vicente, na Gávea. Segundo relatos, um homem que estava na garupa de uma moto acabou derrubado pela correnteza e arrastado pela água. Quando o alagamento na via diminuiu, o corpo foi encontrado preso embaixo de um carro.

O município do Rio de Janeiro está em estado de crise desde a noite de segunda-feira, dia 8/4. As áreas mais afetadas foram as zonas sul e oeste. O temporal alagou ruas, derrubou árvores, destruiu carros e inundou túneis por toda a Cidade.

De acordo com dados do Alerta Rio, o sistema de monitoramento meteorológico da prefeitura do Rio, o volume de chuva acumulado em apenas quatro hora na noite dessa segunda foi até 70% maior do que o esperado para todo o mês de abril em alguns pontos dessas regiões.

Na zona oeste, a estação medidora da Barrinha registrou 212 milímetros de chuva entre as 18h e as 22h. No mesmo período, na zona sul, choveu 168 milímetros em Copacabana, 164 na Rocinha e 149 no Jardim Botânico.

As sirenes de alerta para risco de deslizamento de terra foram acionadas em 21 das 103 comunidades monitoradas pela Defesa Civil Municipal. Mas, segundo moradores, o alarme não chegou a ser acionado no Morro da Babilônia porque estava faltando energia na comunidade no momento do temporal.

A chuva também provocou o desabamento de mais um trecho da Ciclovia Tim Maia, na Avenida Niemeyer. Desta vez, a parte que caiu fica próxima do bairro de São Conrado. O desabamento ocorreu por volta das 22h, quando a via já estava fechada. Foi  o quarto incidente desse tipo desde a inauguração da ciclovia, em janeiro de 2016. Um deles foi causado por ondas, durante uma ressaca, e três por temporais. Fonte: Agência Brasil

 

Foto: Reprodução/TV Record

Temporal deixa mortos no Rio de Janeiro

quinta-feira, fevereiro 7th, 2019

Misericórdia. O temporal que atingiu todo o Estado do Rio de Janeiro na noite de quarta-feira, dia 6/2, com ventos de até 110 quilômetros por hora (km/h) já causou a morte de pelo menos cinco pessoas.

Segundo informou em entrevista coletiva, o prefeito do Rio, Marcelo Crivella, duas pessoas morreram em Pedra de Guaratiba, na zona oeste, em consequência do desabamento de uma casa. Duas pessoas ficaram feridas e foram levadas para o Hospital Lourenço Jorge.

Na favela da Rocinha, em São Conrado, na zona sul, uma pessoa morreu em decorrência de uma queda de barreira. Na favela do Vidigal, na Avenida Niemeyer, a queda de um muro matou outra pessoa. Ainda no Vidigal, a queda de uma árvore nas rochas matou uma jovem, que ficou presa entre as ferragens de um ônibus praticamente destruído.

O número de mortos, no entanto, pode chegar a seis: há suspeita de que uma segunda pessoa ainda se encontre entre as ferragens do mesmo ônibus. Os bombeiros ainda estão no local tentando encontrar o corpo, já que a parte da frente do coletivo ficou totalmente destruída. Fonte: Agência Brasil

Temporal provoca estragos e derruba posto de combustíveis

sexta-feira, novembro 17th, 2017

Misericórdia. Um temporal com ventos fortes provocou estragos e o teto de um posto de combustíveis cedeu no final da tarde desta quinta-feira, dia 16/11.

De acordo com a Defesa Civil, o Árvores caíram e também casas foram destelhadas. O caso ocorreu no Rio do Sul, no Vale do Itajaí, no estado de Santa Catarina. A maior velocidade do vento foi às 18h, quando a rajada chegou a 54,7 km/h. Até as 19h, choveu 23,4 milímetros na cidade.

O teto do posto de combustível foi o único relato em estabelecimento comercial ouvido pela Defesa Civil, que não foi chamada para atendimentos, mas afirmou que chegaram relatos de pequenos danos em casas, como janelas e portas de vidro, e chuva dentro de residências.

Foto: reprodução

São Desidério: Chuva e ventania causam estragos

quarta-feira, fevereiro 3rd, 2016

IMG_6805.JPG

Misericórdia. Na Cidade de São Desiderio, no Oeste da Bahia, a tarde desta terça-feira, dia 2, foi de forte chuva com rajadas de vento que deixaram um rastro de estragos no centro da Cidade. Árvores e postes de energia foram arrancados no decorrer da tempestade. Até a cobertura de um posto de combustível foi danificada. De acordo com um leitor do site Hora do Bico, o desespero tomou conta de muitas famílias principalmente na Zona Rural da Cidade.

 

 

Fotos: Reprodução/Internet

 

Conde: Chuva deixa 200 famílias desabrigadas

quinta-feira, janeiro 28th, 2016

IMG_6657.JPG

Situação muito séria. A Cidade do Conde, Litoral Norte da Bahia, sofre com o temporal que atinge a Bahia há uma semana. Na manhã desta quinta-feira, dia 28, o nível do Rio Itapicuru subiu de forma rápida e tomou conta das estradas e casas da Cidade. Conforme informações da secretaria de Ação Social do Conde, 70% das ruas do centro da cidade estão alagadas e cerca de 200 famílias desabrigadas. A campanha “Conde conta com você” quer arrecadar alimentos e água para os desabrigados.

A campanha é organizada pelo deputado estadual Alex Lima (PTN). “As águas do rio Itapicuru começaram a invadir os imóveis, trazendo transtornos para moradores e comerciantes. Não podemos ver os nossos irmãos em uma situação difícil e ficarmos de braços cruzados. Peço sensibilidade aos baianos para enfrentarmos esse período”, disse o parlamentar.

Um poste de energia tombou na entrada da cidade e a força da água destruiu a tubulação de distribuição de água na cidade. Alguns moradores tiveram que abandonar as residências e as canoas dos pescadores estão sendo usadas como meios de transporte. Até o momento, três escolas públicas estão sendo usadas como abrigos para as famílias desalojadas.

 

Foto: Reprodução

Depois da chuva, moradores de Santa Rita de Cássia e Mansidão ficam ilhados

quinta-feira, janeiro 28th, 2016

IMG_6637.JPG

É muito sofrimento. As viagens de ônibus na BA-451 que liga as Cidades de Santa Rita de Cássia e Mansidão, no Extremo-Oeste da Bahia, estão sendo feitas em duas etapas com muito sofrimento.

Um ônibus sai de Mansidão e chega até o riacho que destruiu a BA-451, e do outro lado, fica outro ônibus esperando para seguir os 6 quilômetros restantes para chegar em Santa Rita de Cássia. É impossível qualquer veículo passar de um lado para o outro, os passageiros descem e têm que atravessar o rio andando com bolsas, sacolas, pertences e até crianças de colo. A população diz que a chuva trouxe muita alegria, mas também muita destruição.

 

Fotos: Reprodução

Prefeitura de Lauro de Freitas decreta estado de “alerta permanente” após forte chuva

sexta-feira, abril 10th, 2015

Foto: Reprodução/nternet

Em função das intensas chuvas dos últimos dois dias e alagamentos em diversos bairros da Cidade, o prefeito de Lauro de Freitas, Márcio Paiva (PP) determinou na tarde desta quinta-feira, dia 9, “estado de alerta permanente” para todas as secretarias e demais órgãos da administração municipal.

“Além do trabalho que já vem sendo conduzido pela Coordenação da Defesa Civil no sentido de amparar os desabrigados e moradores em região de risco, também determino que todo secretariado permaneça no município (cancelado toda e qualquer agenda/compromisso fora de Lauro de Freitas) pelo período que se fizer necessário”, disse Paiva em publicação no Facebook.

 

Foto: Reprodução/Internet