Posts Tagged ‘ambulantes’

Balde de água fria: ACM Neto nega retorno de ambulantes nas praias de Salvador

quinta-feira, outubro 8th, 2020

Oxente. O prefeito de Salvador ACM Neto (DEM), afirmou nesta quinta-feira, dia 8/10, que não há previsão para autorizar o retorno do comércio nas praias de Salvador. Segundo ele, o momento vivido pela Cidade no enfrentamento ao coronavírus ainda não é o ideal para permitir a volta dos ambulantes à faixa de areia.

Para acalmar os ânimos dos ambulantes e barraqueiros que estão desde março sem trabalhar, Neto falou: “Tenho absoluto respeito por quem depende do comércio nas praias para sobreviver, mas, por enquanto, não é possível permitir a volta dos ambulantes. Neste momento não temos alternativa. O que a Prefeitura continua fazendo é dando o apoio financeiro [de R$ 270, por meio do Salvador por Todos], que já foi pago neste mês. Assim que for possível o retorno, vamos autorizar”, finalizou.

Fotografia: Divulgação/PMS

Polícia apreende mais de 100 armas brancas

quarta-feira, fevereiro 26th, 2020

Equipes da Polícia Militar apreenderam na madrugada de terça-feira  25/2, 102 armas brancas com ambulantes, no circuito Dodô (Barra/Ondina).

De acordo com a Polícia, foram encontradas facas, tesouras, garfos, martelo, marreta, entre outros equipamentos proibidos dentro de isopores e sacolas.

Os policiais percorreram o treco entre o clube Espanhol e o hotel Othon. Os materiais foram recolhidos e os ambulantes orientados sobre a proibição dos materiais nos circuitos do Carnaval.

O comandante de Operações da PM, coronel Humberto Sturaro, alerta que os materiais irregulares podem ser usados em brigas com foliões ou até em desavenças com outros ambulantes por disputa de espaço.

Foto: Divulgação

Filhos de ambulantes vão receber doações de roupas e brinquedos no carnaval

sexta-feira, fevereiro 7th, 2020

A Secretaria de Politica para as Mulheres, Infância e Juventude (SPMJ) está promovendo uma campanha para a arrecadação de brinquedos, roupas e sapatos para as crianças e adolescentes que serão abrigados temporariamente nos Centros de Acolhimento, Aprendizagem e Convivência (CAAC) durante o período do Carnaval.

As doações podem ser efetuadas de segunda a sexta-feira, das 8h às 17h, na sede da SPMJ, localizada no Edifício Cidade do Salvador, na Avenida Estados Unidos, nº 397, Comércio – 5º andar. O público beneficiado com o atendimento no CAAC e consequentemente com as doações serão crianças com idade de 0 a 17 anos.

De acordo com a titular da SPMJ, secretária Rogéria Santos, as peças trarão maior conforto e dignidade ao público. “Muitas crianças e adolescentes chegam ao CAAC só com a roupa do corpo. Então, é muito importante essa doação para que possamos proporcionar um acolhimento cheio de cuidado e atenção para esses pequeninos durante o período da festa. Este é um gesto simples que fará a diferença para o dia a dia deles”, explicou a secretária.

O CAAC é voltado para acolher apenas os filhos de ambulantes e catadores de recicláveis cadastros pela Prefeitura que atuam na festa carnavalesca. Durante todos os dias disponibilizados para o acolhimento das crianças e adolescentes há uma programação pedagógica preparada para o público.

Para que as crianças e adolescentes sejam beneficiados com o acolhimento é necessário que os responsáveis apresentem cédula de identidade, CPF, certidão de nascimento ou identidade do filho, além do Documento de Arrecadação Municipal (DAM). Fonte: Secom/PMS

Foto: Reprodução

“Vagabundo ninguém prende”, gritam populares durante ação contra ambulantes

terça-feira, julho 30th, 2019

Vixe. A ação de policiais militares e seguranças da CCR Metrô, na segunda-feira, dia 29/7, gerou protesto e muita confusão na Estação Pirajá, Capital Baiana. Vídeos registrados por testemunhas mostram agentes da concessionária coibindo a movimentação de ambulantes no terminal de ônibus.

Em meio a fiscalização, populares protestaram contra a ação. “Vagabundo ninguém prende”, gritaram em coro bem alto. As mercadorias dos trabalhadores informais foram recolhidas.

A CCR Metrô Bahia explicou o incidente: “A CCR Metrô Bahia esclarece que está realizando o ordenamento do comércio clandestino dentro do Terminal de Ônibus Pirajá. O projeto de organização visa garantir a livre circulação e bem-estar dos usuários no local e oferecer melhores condições de trabalho aos vendedores ambulantes regularizados, que receberam da concessionária  bancadas funcionais padrão e fardas. Para coibir a ação clandestina, os Agentes de Atendimento e Segurança (AASs) da concessionária, fardados e à paisana, realizam rondas periódicas e regulares para realizar a fiscalização e orientação. Em caso de reincidências e não observação das orientações, a empresa pode realizar a apreensão das mercadorias comercializadas. O ordenamento está em sintonia com o decreto estadual nº 15.197, de junho de 2014, e Lei Federal nº 6.149 que rege o Sistema Metroviário de Salvador e Lauro de Freitas e prevê que é proibido o comércio informal em todas as suas dependências”, disse.

Foto: Reprodução

Geraldo Júnior detona: “A condição de trabalho dos ambulantes é sub-humana”

quarta-feira, março 6th, 2019

Largou a joça. O vereador e presidente da Câmara de Salvador (CMS), Geraldo Júnior (SD), criticou a situação de trabalho dos vendedores ambulantes que atuam no carnaval de Salvador.

“A questão dos ambulantes é emergencial e essencial. A situação deles, que trabalham nas ruas, nos circuito, é uma condição sub-humana. Pais e mães de família que estão nas ruas para gerar renda debaixo de sol, do aperto, da confusão da ida e vinda do folião, da movimentação dos blocos”, bradou.

O parlamentar municipal relatou também que viu vários equipamentos de ambulantes sendo danificados. “Quando passei perto do Morro do Gato (Ondina), de cima de um trio, vi alguns desses profissionais tendo os equipamentos quebrados, crianças apertadas e mulheres com extrema dificuldade”, bradou.

Foto: Divulgação

 

 

 

Foto: Divulgação

Vendedores ambulantes fecham a Avenida Joana Angélica em protesto contra a prefeitura

quarta-feira, dezembro 5th, 2018

A pressão subiu. Um protesto de ambulantes, na manhã desta quarta-feira, dia 5/12, na Avenida fechou os dois sentidos da Avenida Joana Angélica, bairro de Nazaré, Centro de Salvador, segundo a Superintendência de Trânsito do Salvador (Transalvador).

Conforme testemunhas, a manifestação foi realizada por vendedores ambulantes que reagiram à decisão da Secretaria Municipal de Ordem Pública (SEMOP) de retirá-los do local. Os manifestantes tocaram fogo em lixo para impedir que carros trafeguem pela via.

A Polícia Militar e agentes da Guarda Municipal foram para o local para conter a manifestação dos ambulantes.

Carnaval: Vagas para ambulantes terminam em menos de 3 horas

segunda-feira, janeiro 22nd, 2018

A Secretaria Municipal de Ordem Pública (Semop) informou que já foram preenchidas as 2.255 vagas para ambulantes que irão trabalhar no Carnaval, entre kits família e carrinhos. O licenciamento foi feito através do site do Sistema de Cadastramento de Ambulantes, com início às 10h e término às 12h20.

De acordo com a Semop, o sistema operou com lentidão devido ao grande fluxo de acessos. Somente nesta segunda-feira, dia 22/1, o site teve 11787 visitas, enquanto que a média de acessos ao site é de 2.500 por dia. A Semop alerta que a emissão do Documento de Arrecadação Municipal (DAM) poderá ser feita pelo ambulante até as 17h desta terça, 23. Após esta data, o sistema ficará indisponível.

Entrega de kits – Após o cadastro pelo site, munidos de documentos pessoais e o DAM pago, os ambulantes deverão fazer a retirada do kit. Os licenciados para o Circuito Osmar (Campo Grande) receberão os equipamentos no Instituto Cultural Brasil Alemanha (ICBA), na Rua Reitor Miguel Calmon, Av. Contorno, de 4 a 7 de fevereiro, das 9 às 17h. Já os cadastrados no Circuito Dodô (Barra-Ondina) deverão retirar os kits na Rua Baependi, Ondina, no mesmo local do ano passado, de 3 a 6 de fevereiro, das 9 às 17h.

Foto: Reprodução

Cadastramento de ambulantes para o Carnaval será feito na segunda-feira (22)

sexta-feira, janeiro 19th, 2018

Se ligue. Na próxima segunda-feira, dia 22/1, a Secretaria Municipal de Ordem Pública (Semop) realiza o licenciamento de ambulantes e permissionários de food trucks que desejam trabalhar no Carnaval. O procedimento será feito somente através do site do Sistema de Cadastramento de Ambulantes, com início às 10h e término às 23h59min, ou enquanto houver disponibilidade das 2 mil vagas no sistema.

A Semop alerta que a emissão do Documento de Arrecadação Municipal (DAM) deverá ser feita pelo ambulante no ato da inscrição. Após o prazo (dia 22, das 10h às 23h59min), o sistema ficará indisponível. O licenciamento de barraqueiros, baianas de acarajé, permissionários de bancas de chapa e carros de gelo e de compra de recicláveis (latinha), para todos os circuitos, serão licenciados presencialmente na sede da Semop, localizada na antiga Revita (Rua da Indonésia, Pirajá), com acesso pela Av. Cardeal Brandão Vilela, na antiga Vega, das 9h às 13h, exclusivamente no dia 29 deste mês.

Entrega de kits – Após o cadastro pelo site, munidos de documentos pessoais e o DAM pago, os ambulantes deverão fazer a retirada do kit. Os licenciados para o Circuito Osmar (Campo Grande) receberão os equipamentos no Instituto Cultural Brasil Alemanha (ICBA), na Rua Reitor Miguel Calmon, Av. Contorno, de 4 a 7 de fevereiro, das 9h às 17h. Já os cadastrados no Circuito Dodô (Barra-Ondina) deverão retirar os kits na Rua Baependi, Ondina, de 3 a 6 de fevereiro, das 9h às 17h.

Foto: Reprodução

Operação da Semop termina em confronto entre feirantes e guardas municipais

sexta-feira, novembro 3rd, 2017

Vixe. Em Cajazeiras, periferia de Salvador, uma operação da secretaria Municipal de Ordem Pública, acabou em parafernália e confusão na manhã desta sexta-feira, dia 3/11. Agentes da secretaria realizavam diligências na Rótula da Feirinha, em Cajazeira 10, quando naquele momento, a pressão subiu e houve o confronto dos feirantes com guardas municipais que davam apoio a operação. A assessoria da Guarda Municipal apenas confirmou que há uma operação da Semop na localidade, que geralmente tem apoio dos guardas.

 

 

 

Foto: Reprodução/Redes Sociais

Para presidente do Sindicato dos feirantes e ambulantes, “Semop está a serviço de cervejaria”

terça-feira, fevereiro 9th, 2016

IMG_6915.JPG

Detonou. Nilton Ávila Filho, conhecido como “Gago da Feira”, presidente do Sindicato dos Feirantes e Ambulantes de Salvador, rebateu as declarações da secretária municipal da Ordem Pública (Semop), Rosemma Maluf.

A titular da Semop classificou a manifestação de ambulantes feita na segunda-feira, dia 8, na Barra, como “pequeno  grupo baderneiro”, e ainda acrescentou que “não representam os ambulantes de Salvador”.
De acordo com “Gago da Feira”, não procede a informação dada pela secretária, e ainda afirmou que a Semop está à serviço da cervejaria patrocinadora do Carnaval de Salvador. “Eu acho que ela não os conhece, porque eles moram na periferia da Cidade”, ironizou.
O presidente do Sindicato de Ambulantes denunciou ainda a truculência dos agentes da Guarda Municipal. “O instrumento de diálogo deles é o cassetete”, finalizou.
Foto: Reprodução

Pirados com a prefeitura, ambulantes voltam a protestar na Barra

terça-feira, fevereiro 9th, 2016

IMG_6913.JPG

Não aceitam. Pirados com a Prefeitura de Salvador, vendedores ambulantes voltaram a protestar nesta terça-feira de carnaval, dia 9, no início do circuito Dodô (Barra/Ondina), em Salvador. Em meio a manifestação, o grupo queimou caixas de papelão e entoou gritos como “o povo unido jamais será vencido” e “uh, terror, carnaval acabou”. Policiais militares foram para o local e controlam o protesto.

Os ambulantes reclamam da proibição da venda de diversas marcas de cerveja, já que é permitido apenas comercializar a marca Schin nos dois circuitos principais do carnaval de Salvador, na Barra e Campo Grande.
Foto: Reprodução/Record-BA

Salvador: Ambulantes de Cajazeiras prometem protesto contra a Prefeitura

segunda-feira, janeiro 18th, 2016

8001,apos-cerca-de-11-horas-caminhoneiros-encerram-protesto-na-br-407-2

Alta pressão. Ambulantes de Cajazeiras, na periferia de Salvador, prometem travar as ruas do maior bairro da capital, nas próximas horas, caso a Prefeitura não tome uma providência com relação ao que ele classificam como sofrimento. De acordo com alguns vendedores que entraram em contato com Adelson Carvalho, na Rádio Sociedade, na manhã desta segunda-feira, dia 18, a situação é crítica porque não tem movimento no mercado recém inaugurado do bairro. Além disso, segundo os queixosos, permissionários de outros bairros estariam conseguindo box com mais facilidade no referido mercado administrado pela Prefeitura.

 

Foto: Ilustrativa

Semop realiza apreensões e notifica ambulantes na Avenida Sete

quarta-feira, julho 29th, 2015

Funcionários da Secretária Municipal de Ordem Pública (Semop) notificaram vendedores de rua irregulares e apreenderam equipamentos não permitidos, na região da Avenida Sete de Setembro, no centro de Salvador,na tarde de terça-feira, dia 28.

Dois vendedores foram notificados, um deles por vender produtos perecíveis expostos ao sol forte em um carrinho de mão, outro por vender os produtos numa grade quando deveria estar em movimento. A grade, o carrinho de mão e as frutas foram apreendidos pela Semop, e os vendedores ambulantes foram notificados.

Segundo o supervisor da Semop, Roberto Guerreiro, é proibido vender produtos no carrinho de mão e as frutas estavam sendo vendidas sob “exposição indevida”, que comprometeria a qualidade da mercadoria. Além disso, também é proibido que vendedores informais com grades fiquem parados em ruas principais.

O supervisor disse ainda que, aos ambulantes regularizados, é oferecido um ponto fixo nas ruas adjacentes da área, para que as atividades continuem mas sem prejudicar o fluxo na via principal. Os vendedores não regularizados são notificados a se regularizarem no Setor de Autorização para Exercício das Atividades em Logradouros Públicos (SEALP), para obter o DAM (Documento de Arrecadação Municipal), que garante a eles os mesmo direitos oferecidos aos ambulantes regularizados. A ação teve apoio de agentes da Polícia Militar e da Guarda Municipal.

Foto Reprodução

Credenciamento de ambulantes para trabalhar no Réveillon começa nesta sexta

sexta-feira, dezembro 19th, 2014

001 (2)

O credenciamento dos ambulantes que desejam trabalhar nos oito dias de festa do Réveillon de Salvador, começa nesta sexta-feira, dia 19. O licenciamento, que é realizado através da Secretaria Municipal de Ordem Pública (Semop), ocorrerá entre os dias 19 e 23. O atendimento é presencial e ocorrerá na sede da Semop, localizada na rua 28 de Setembro, s/n, Baixa dos Sapateiros. Para se credenciar é necessário comparecer com RG, CPF e comprovante de residência. Para quem deseja comercializar alimentos, será preciso apresentar um atestado de saúde. O expediente acontece das 9h às 12h e das 14h às 17h.

Serão credenciados os ambulantes que atuem com carrinhos de pipoca, sorvete, água de coco, baianas com tabuleiros de acarajé e mingau, trabalhadores com isopor móvel (38 litros) e fixo (até 170 litros), além de veículos e trailers que comercializem alimentos. Serão autorizados também vendedores de barracas de chapa, como bancas de revistas, por exemplo. Neste caso, será concedido uma licença especial para comercialização de outros produtos. Para cada atividade desenvolvida será cobrado uma taxa de licenciamento.

Os ambulantes que optarem por trabalhar com o isopor fixo terão direito a utilizar mais dois de menor porte. Para estes, não será necessário levar o equipamento, que será distribuído gratuitamente através da cervejaria Schin, patrocinadora do Réveillon de Salvador. Serão 100 ambulantes autorizados a trabalhar com o isopor fixo.

Taxa de licenciamento por atividade:

Carrinhos de água de coco, sorvete e pipoca – R$ 29,50
Baianas com tabuleiro de acarajé e mingau – R$ 20,84
Autorização especial para barracas de chapa – R$ 42,07
Isopor móvel (38 litros) – R$ 29,50
Isopor fixo (até 170 litros) – 59,50
Veículos e trailers com alimentos – R$ 74,27

 

 
Foto: Reprodução

Ambulantes têm até dezembro para regularizar débitos com a Prefeitura

terça-feira, novembro 18th, 2014

ambulantesssa

As pessoas com débitos gerados até dezembro de 2012, junto à Secretária Municipal de Ordem Pública (Semop), têm até o dia 19 de dezembro para negociação e regularização de dívidas com a Prefeitura de Salvador.
Feirantes, ambulantes e donos de boxes tiveram prazo prorrogado para acordar o pagamento dos débitos, podendo dividi-los em até 120 meses (dez anos), a depender do valor das parcelas, que deverão ter valor mínimo de R$ 50 para pessoas físicas e R$ 500 para jurídicas.
O programa de Parcelamento Incentivado (PPI) prevê parcelamento das dívidas com Taxas de Licença para Exploração de Atividades em Logradouros Públicos (TLP) e Preços Públicos da Semop. Para participar do Programa, o ambulante deve se dirigir à sede da Sefaz (rua das Vassouras, 1, Centro).

Foto: Reprodução

 

Micareta de Feira de Santana: Ambulantes fazem manifestação contra a prefeitura

sexta-feira, abril 25th, 2014

20140425-061831.jpg

Parafernália. Vendedores ambulantes, que não foram autorizados a comercializar seus produtos no Circuito Maneca Ferreira, durante a micareta de Feira de Santana, mertam fogo em objetos na Avenida Presidente Dutra, na noite desta quinta-feira, dia 24, em plena festa. Durante quase uma hora, trios elétricos ficaram impedidos de seguir o trajeto da folia, mas o Corpo de Bombeiros chegou e controlou o fogo sem que qualquer dano fosse provocado. Os ambulantes se dizem “abandonados” pela Prefeitura de Feira de Santana que não se pronunciou sobre a denúncia.

Foto: Reprodução