Posts Tagged ‘cidades da Bahia’

Rui Costa decreta medidas mais duras para mais de 60 Cidades e prorroga medidas na RMS

sábado, julho 11th, 2020

Após reuniões virtuais com prefeitos e prefeitas entre quarta e sexta-feira 10/7, o governador Rui Costa estabeleceu, em conjunto com as administrações municipais, medidas mais duras para barrar o crescimento da disseminação da Covid-19 em 62 cidades. O decreto que estabelece as decisões tomadas foi publicado no Diário Oficial do Estado (DOE) deste sábado 11/7. De acordo com Rui Costa, estes municípios apresentam as maiores taxas de crescimento da doença na Bahia. Também foi prorrogado o decreto que suspende aulas, eventos e transporte intermunicipal no estado.
Entre as ações que serão adotadas estão a restrição de circulação de pessoas à noite, a restrição de atividades econômicas e a delimitação do horário de funcionamento dos serviços essenciais. O governo da Bahia ainda encaminhou ofício ao Tribunal de Justiça da Bahia e o Ministério Público com solicitação de apoio ao Estado e Municípios.
Divisão em grupos

O decreto 19.829 estabelece medidas voltadas a três grupos distintos de municípios, distribuídos da seguinte maneira:

Fazem parte do anexo 1, 22 cidades: Cachoeira, Camamu, Campo Formoso, Catu, Conceição do Coité, Filadélfia, Gentio do Ouro, Guaratinga, Ibirapitanga, Igrapiúna, Ipiaú, Ituberá, Maragogipe, Nazaré, Nilo Peçanha, Nova Soure, Paulo Afonso, Ruy Barbosa, Santo Estêvão, Taperoá, Uauá e Valença.

Compõem o anexo 2, outros 22 municípios: Alagoinhas, Amélia Rodrigues, América Dourada, Barra do Choça, Barro Preto, Buerarema, Casa Nova, Ibirataia, Iraquara, Irecê, Jaguaquara, Jequié, João Dourado, Macururé, Mucuri, Presidente Tancredo Neves, Queimadas, Santa Bárbara, São Gonçalo dos Campos, Serrinha, Ubaitaba e Wenceslau Guimarães.

Por fim, o anexo 3 lista 18 cidades: Apuarema, Caravelas, Conceição do Almeida, Conceição do Jacuípe, Cruz das Almas, Gandu, Ibotirama, Ilhéus, Itapetinga, Jacobina, Luís Eduardo Magalhães, Nova Ibiá, Porto Seguro, Santo Amaro, Santo Antônio de Jesus, Ubatã, Uma e Vera Cruz.

As medidas

1 – O toque de recolher está determinado das 18h às 05h, a partir da 0h da próxima segunda-feira (13) até as 24h do dia 19 de julho, para os municípios dos anexos 1 e 2, em conformidade com as condições estabelecidas nos respectivos Decretos Municipais. A circulação noturna estará liberada apenas para ida a serviços de saúde ou farmácia, ou ainda em situações em que fique comprovada a urgência.

2 – Nos municípios que integram o anexo 2, também entre 13 e 19 de julho, está autorizado entre 5h e 16h apenas o funcionamento dos serviços essenciais, e em especial as atividades relacionadas ao enfrentamento da pandemia, o transporte e o serviço de entrega de medicamentos e demais insumos necessários para manutenção das atividades de saúde, as obras em hospitais e a construção de unidades de saúde.

3 – O decreto também ratifica as medidas adotadas pelos Municípios que integram o anexo 3, na forma dos respectivos Decretos Municipais.

4 – A Polícia Militar da Bahia (PM-BA) apoiará as medidas necessárias adotadas pelos Municípios, em conjunto com a Guarda Municipal.

5 – Os órgãos especiais vinculados à Secretaria da Segurança Pública observarão a incidência dos arts. 268 e 330 do Código Penal, nos casos de descumprimento do quanto disposto neste Decreto.

Alinhamento com Municípios

O governador explica que após três dias de reuniões foi possível ter um diagnóstico mais preciso das dificuldades enfrentadas pelos gestores municipais, bem como pactuar o conjunto de medidas aprovado de forma unânime. “Estaremos com as medidas de restrição de circulação à noite para evitar, por exemplo, que muitos jovens se reúnam para beber em festas e encontros. Os prefeitos têm relatado muita dificuldade com essa situação que ajuda no aumento da contaminação. Também iremos aumentar a testagem das pessoas nestes municípios. Além disso, iremos adotar maior rigor na fiscalização para que os contaminados não saiam de casa”, assegurou o governador.

Rui pontuou que pessoas com diagnóstico positivo para o novo coronavírus não têm respeitado os decretos já publicados e tampouco seguem as orientações das equipes de saúde. “Se for o caso, orientaremos que seja realizada denúncia à polícia e ao Ministério Público para providências junto ao juiz local. Todas as medidas nesse sentido serão para que quem estiver contaminado não saia de casa”, acrescenta.

Rui ainda ressaltou que todas as novas medidas foram acordadas com os gestores municipais. “O estado só estabelece tais medidas porque houve concordância plena dos prefeitos. Esse tem sido o padrão desde o início da pandemia. Só aplicamos um novo protocolo com 100% de concordância”.

Toque de recolher na RMS e outras regiões

Está publicado, também no DOE deste sábado (11), decreto que prorroga a suspensão da circulação noturna em municípios da Região Metropolitana de Salvador (RMS), e inclui outras cidades na medida restritiva. Camaçari, Candeias, Dias d’Ávila, Itaparica, Lauro de Freitas, Madre de Deus, São Francisco do Conde, São Sebastião do Passé, Simões Filho, Mata de São João, Pojuca, que fazem parte da RMS, além de Conde e Terra Nova, terão toque de recolher, entre 18h e 5h, até 19 de julho.

O decreto estadual, que está em conformidade com as condições estabelecidas nos respectivos Decretos Municipais, também restringe o funcionamento do comércio. Fica autorizado, das 5h às 17h, somente o funcionamento dos serviços essenciais, e em especial as atividades relacionadas ao enfrentamento da pandemia, o transporte e o serviço de entrega de medicamentos e demais insumos necessários à manutenção das atividades de saúde, as obras em hospitais e a construção de unidades de saúde.

Fotografia/Fonte: Secom GOVBA

Governador Rui Costa decreta toque de recolher em mais 11 Cidades baianas

sábado, julho 4th, 2020

Olha aí. Decretos publicados no Diário Oficial do Estado (DOE) deste sábado 4/7 estabelecem toque de recolher em mais 11 cidades baianas. A medida adotada pelo Governo do Estado visa conter o avanço da contaminação pelo novo coronavírus no interior da Bahia.


Nos municípios de Camaçari, Candeias, Conde, Dias D’Ávila, Itaparica, Lauro de Freitas, Madre de Deus, São Francisco do Conde, São Sebastião do Passé e Simões Filho fica estabelecida a restrição de locomoção noturna, vedados a qualquer indivíduo a permanência e o trânsito em vias, equipamentos, locais e praças públicas, das 18h às 5h. O decreto passa a vigorar a partir do domingo 5/7 e tem validade até o dia 12 de julho. 


Ainda nessas 10 cidades da Região Metropolitana de Salvador (RMS) fica autorizado, das 5h às 17h, somente o funcionamento dos serviços essenciais e, em especial, as atividades relacionadas ao enfrentamento da pandemia, o transporte e o serviço de entrega de medicamentos e demais insumos necessários para manutenção das atividades de saúde, as obras em hospitais e a construção de unidades de saúde.


Correntina
Já no município de Correntina, outro decreto estadual estabelece o toque de recolher a partir deste sábado (4) e tem validade até o dia 10 de julho. Na cidade do oeste baiano, a restrição também será entre 18h e 5h. 
Tanto em Correntina quanto nas cidades da RMS, ficam excetuadas da vedação o deslocamento noturno para ida a serviços de saúde ou farmácia, para compra de medicamentos, ou situações em que fique comprovada a urgência. A restrição não se aplica aos servidores, funcionários e colaboradores, no desempenho de suas funções, que atuam nas unidades públicas ou privadas de saúde. A Polícia Militar da Bahia (PM-BA) apoiará as medidas necessárias adotadas pelos Municípios.


Itabuna, Itapetinga e Itaberaba
Na sexta-feira 3/7, o Estado estabeleceu toque de recolher em Itabuna e Itapetinga até o dia 8 de julho. Em Itabuna, a restrição compreende o período das 18h às 5h e é válida até 8 de julho  Já em Itapetinga, a circulação noturna não será permitida até 19 de julho, das 19h às 5h. Outro decreto publicado no DOE de sexta 3/7 prorrogou a mesma medida em Itaberaba, onde a restrição noturna continua até 9 julho, das 18h às 5h.

Fotografia: Reprodução

Fonte: Secom GOVBA

Governo entrega ambulâncias para mais de 20 Cidades

domingo, maio 17th, 2020

Vinte e quatro Cidades do interior da Bahia com Unidades de Pronto Atendimento (UPA) dedicadas a pacientes suspeitos de coronavírus (Covid-19) recebem 26 ambulâncias do Governo do Estado. A ação reforça o combate à epidemia e dá mais segurança e agilidade, caso haja necessidade de transferências para unidades de maior complexidade.

O secretário da Saúde do Estado, Fábio Vilas-Boas, afirma que foram investidos cerca de R$ 4 milhões na aquisição dos veículos. “Já entregamos 12 unidades e, nesta semana, faremos as demais entregas, que foram uma determinação do governador Rui Costa”, ressalta o secretário.

Os Cidades contempladas são: Alagoinhas, Barreiras, Brumado, Camacan, Conceição do Coité, Cruz das Almas, Esplanada, Gandu, Ilhéus, Ipiaú, Irecê, Itabuna, Itacaré, Jaguaquara, Jequié, Juazeiro, Lauro de Freitas, Morro de Chapéu, Paulo Afonso, Porto Seguro, Santa Maria da Vitória, Serrinha, Tucano e Itaparica.

Fotografia/fonte: Secom/Sesab

Bahia tem mais 21 Cidades com transporte suspenso; total passa de 100

terça-feira, maio 5th, 2020

Não vai. O transporte intermunicipal será suspenso nas Cidades de Abaíra, Governador Mangabeira, Ibirapitanga, Ituberá, Jussari, Jussiape, Nazaré, Nordestina, Nova Soure, Pau Brasil, Pilão Arcado, Pojuca, Rafael Jambeiro, Remanso, Retirolândia, Santo Antônio de Jesus, São Gonçalo dos Campos, Saubara, Serra do Ramalho, Serrinha e Várzea Nova a partir da quarta-feira, dia 6/5.

A decisão, que tem como objetivo conter o avanço do coronavírus na população baiana, foi publicada em decreto no Diário Oficial do Estado (DOE) desta terça-feira, dia 5/5. A restrição considera a circulação, a saída e a chegada de qualquer transporte coletivo intermunicipal, público e privado, rodoviário e hidroviário, nas modalidades regular, fretamento, complementar, alternativo e de vans.

O decreto também autoriza a retomada do transporte intermunicipal em Capim Grosso, Floresta Azul, Gongogi, Irecê, Itabela, Itapebi e Rio do Pires, cidades com 14 dias ou mais sem novos casos de covid-19.

No total, a Bahia possui 113 Cidades com transporte suspenso. A lista inclui Acajutiba, Água Fria, Alagoinhas, Almadina, Amélia Rodrigues, Aracatu, Arataca, Barro Preto, Buerarema, Caetanos, Caldeirão Grande, Camacã, Camaçari, Camamu, Campo Alegre de Lourdes, Canavieiras, Candeias, Castro Alves, Catu, Coaraci, Coração de Maria, Cravolândia, Cruz das Almas, Curaçá, Dário Meira, Dias D’Ávila, Eunápolis, Feira de Santana, Gandu, Guaratinga, Ibicaraí, Ibirataia, Ibotirama, Ilhéus, Ipiaú, Ipirá, Itaberaba, Itabuna, Itacaré, Itagibá, Itajuípe, Itamari, Itaparica, Itapetinga, Itatim, Jaguaquara, Jaguarari, Jequié e Juazeiro. 
Também estão com transporte suspenso as cidades de Laje, Lajedo do Tabocal, Lauro de Freitas, Licínio de Almeida, Livramento de Nossa Senhora, Maracás, Maragogipe, Maraú, Mata de São João, Mirante, Morpará, Mucugê, Nilo Peçanha, Oliveira dos Brejinhos, Paramirim, Paulo Afonso, Porto Seguro, Ribeira do Pombal, Rio Real, Salvador, Santa Bárbara, Santa Cruz Cabrália, Santa Luzia, Santa Teresinha, Santaluz, Santo Amaro, São Felipe, São Francisco do Conde, São José da Vitória, Sátiro Dias, Seabra, Serra Preta, Simões Filho, Taperoá, Teixeira de Freitas, Ubaitaba, Ubatã, Una, Uruçuca, Valença, Valente, Vera Cruz e Vitória da Conquista.

Fotografia: Divulgação

Bahia passa a ter 100 Cidades com transporte suspenso

quinta-feira, abril 30th, 2020

Parado. O transporte intermunicipal será suspenso em Arataca, Maracás, Maraú e Santo Amaro a partir de sexta-feira, dia 1º/4 A medida, que tem como objetivo conter o avanço do coronavírus na população baiana, foi publicada em decreto no Diário Oficial do Estado (DOE) desta quinta-feira, dia 30/4. No total, a Bahia passa a ter 100 cidades com restrição no transporte. 

A determinação considera a circulação, saída e chegada de qualquer transporte coletivo intermunicipal, público e privado, rodoviário e hidroviário, nas modalidades regular, fretamento, complementar, alternativo e de vans.

O decreto publicado no DOE desta quinta, dia 30/4, também autoriza a retomada do transporte em Luís Eduardo Magalhães, considerando que o município e os municípios integrantes da sua zona de impacto sanitário completaram 14 dias ou mais sem novos casos de Covid-19. 
A

As outras Cidades com transporte suspenso são Acajutiba, Água Fria, Aiquara, Alagoinhas, Almadina, Amélia Rodrigues, Aracatu, Barro Preto, Buerarema, Caetanos, Caldeirão Grande, Camacã, Camaçari, Camamu, Campo Alegre de Lourdes, Canavieiras, Candeias, Capim Grosso, Castro Alves, Catu, Coaraci, Conceição do Jacuípe, Coração de Maria, Cravolândia, Cruz das Almas, Curaçá, Dário Meira, Dias D’Ávila, Eunápolis, Feira de Santana, Floresta Azul, Gandu, Gongogi, Ibicaraí, Ibirataia, Ibotirama, Ilhéus, Ipiaú, Ipirá, Irecê, Itabela, Itaberaba, Itabuna, Itacaré, Itagibá, Itajuípe, Itamari, Itaparica e Itapebi. 

A lista inclui também Itapetinga, Itatim, Jaguaquara, Jaguarari, Jequié, Juazeiro, Laje, Lajedo do Tabocal, Lauro de Freitas, Licínio de Almeida, Livramento de Nossa Senhora, Maragogipe, Mata de São João, Mirante, Morpará, Mucugê, Nilo Peçanha, Oliveira dos Brejinhos, Paramirim, Paulo Afonso, Porto Seguro, Ribeira do Pombal, Rio do Pires, Rio Real, Salvador, Santa Bárbara, Santa Cruz Cabrália, Santa Luzia, Santa Teresinha, Santaluz, São Felipe, São Francisco do Conde, São José da Vitória, Sátiro Dias, Seabra, Serra Preta, Simões Filho, Taperoá, Teixeira de Freitas, Ubaitaba, Ubatã, Una, Uruçuca, Valença, Valente, Vera Cruz e Vitória da Conquista.

Foto: Reprodução

Fonte: Secom/GOVBA

Outras 12 Cidades baianas têm transporte suspenso

terça-feira, abril 28th, 2020

Caetanos, Caldeirão Grande, Camamu, Gandu, Ibotirama, Laje, Lajedo do Tabocal, Livramento de Nossa Senhora, Nilo Peçanha, Oliveira dos Brejinhos, Santaluz e Ubaitaba terão o transporte intermunicipal suspenso a partir de quarta-feira, dia 29/4. A decisão, que visa conter o avanço da pandemia do novo coronavírus na Bahia, foi publicada em decreto no Diário Oficial do Estado (DOE) desta terça-feira, dia 28/4.

O decreto também autoriza a retomada do transporte em Serra do Ramalho, município que completou 14 dias sem novos casos de Covid-19 confirmados. No total, 92 cidades baianas estão com restrição no transporte intermunicipal. A medida considera a circulação, saída e chegada de qualquer transporte coletivo intermunicipal, público e privado, rodoviário e hidroviário, nas modalidades regular, fretamento, complementar, alternativo e de vans.

Outros municípios com transporte suspenso são: Abaíra, Acajutiba, Água Fria, Aiquara, Alagoinhas, Almadina, Amélia Rodrigues, Barro Preto, Buerarema, Camacã, Camaçari, Campo Alegre de Lourdes, Canavieiras, Candeias, Capim Grosso, Castro Alves, Catu, Coaraci, Conceição do Jacuípe, Coração de Maria, Cravolândia, Cruz das Almas, Curaçá, Dias D’Ávila, Eunápolis, Feira de Santana, Floresta Azul, Gongogi, Ibicaraí, Ibirataia, Ilhéus, Ipiaú, Ipirá, Irecê, Itabela, Itaberaba, Itabuna, Itacaré, Itagibá, Itajuípe, Itamari, Itaparica, Itapé, Itapebi, Itapetinga, Jaguaquara, Jequié e Juazeiro. 

A suspensão ainda inclui Lauro de Freitas, Licínio de Almeida, Luís Eduardo Magalhães, Maragogipe, Mirante, Morpará, Mucugê, Paramirim, Paulo Afonso, Porto Seguro, Ribeira do Pombal, Rio do Pires, Rio Real, Salvador, Santa Cruz Cabrália, Santa Luzia, Santa Teresinha, São Francisco do Conde, São José da Vitória, Sátiro Dias, Serra Preta, Serrinha, Simões Filho, Taperoá, Teixeira de Freitas, Ubatã, Una, Uruçuca, Valença, Valente, Vera Cruz e Vitória da Conquista. 

Fotografia:

Fonte: Secom/GOVBA

Bahia tem mais 7 Cidades com transporte intermunicipal suspenso

quinta-feira, abril 23rd, 2020

Transporte zero. As Cidades de Acajutiba, Candeias, Cravolândia, Ibicaraí, Paulo Afonso, Rio Real e Serra Preta têm o transporte intermunicipal suspenso a partir de sexta-feira, dia 24/4. A medida, que visa conter o avanço da pandemia do novo coronavírus na Bahia, foi publicada em decreto no Diário Oficial do Estado (DOE) desta quinta-feira, dia 23/4, e é válida até 3 de maio. 

Com a decisão, a Bahia passa a ter de 83 Cidades com a restrição no transporte intermunicipal. A determinação considera a circulação, saída e chegada de qualquer transporte coletivo intermunicipal, público e privado, rodoviário e hidroviário, nas modalidades regular, fretamento, complementar, alternativo e de vans.

O decreto também autoriza a retomada do transporte em Barra, Barra do Choça, Campo Formoso, Ibotirama e Santa Maria da Vitória, cidades com 14 dias ou mais sem novos casos de Covid-19 confirmados.

Os outros municípios com transporte suspenso são: Abaíra, Aiquara, Alagoinhas, Amélia Rodrigues, Araci, Aurelino Leal, Barro Preto, Belmonte, Brumado, Buerarema, Camacã, Camaçari, Canavieiras, Cansanção, Capim Grosso, Castro Alves, Catu, Coaraci, Conceição do Coité, Conceição do Jacuípe, Coração de Maria, Cravolândia, Dias D’Ávila, Euclides da Cunha, Eunápolis, Feira de Santana, Floresta Azul, Gongogi, Ibirataia, Ilhéus, Ipiaú, Ipirá, Irecê, Itabela, Itaberaba, Itabuna, Itacaré, Itagi, Itagibá, Itajuípe, Itamari, Itaparica, Itapé, Itapebi, Itapetinga, Itatim, Ituberá, Jaguaquara, Jequié, Juazeiro, Lauro de Freitas, Luís Eduardo Magalhães, Mirante, Morpará, Mucugê, Paramirim, Porto Seguro, Ribeira do Pombal, Rio do Pires, Salvador, Santa Cruz Cabrália, Santa Luzia, Santa Teresinha, São Francisco do Conde, Serra do Ramalho, Serrinha, Simões Filho, Taperoá, Teixeira de Freitas, Ubatã, Una, Uruçuca, Valença, Valente, Vera Cruz e Vitória da Conquista.

Foto: Divulgação

Fonte: Secom/GOVBA

Bahia tem mais de 70 Cidades com transporte intermunicipal suspenso

quinta-feira, abril 16th, 2020

Novas restrições. Irecê, Jequié, Paramirim, Taperoá e Valente terão o transporte intermunicipal suspenso a partir de sexta-feira, dia 17/4. Com esta inclusão, registrada no Diário Oficial desta quinta-feira, dia 16/4, o Estado passa a ter um total de 74 Cidades com a medida restritiva até o dia 3 de maio. A determinação considera circulação, saída e chegada de qualquer transporte coletivo intermunicipal, público e privado, rodoviário e hidroviário, nas modalidades regular, fretamento, complementar, alternativo e de vans.

Além das 5 Cidades incluídas nesta quinta-feira, dia 16/4, integram a lista de municípios com transporte suspenso: Abaíra, Adustina, Alagoinhas, Araci, Aurelino Leal, Barra, Barra do Choça, Barra do Rocha, Belmonte, Brumado, Cachoeira, Camacã, Camaçari, Campo Formoso, Canavieiras, Cansanção, Capim Grosso, Catu, Coaraci, Conceição do Coité, Euclides da Cunha, Eunápolis, Feira de Santana, Floresta Azul, Gandu, Gongogi, Ibirataia, Ibotirama, Ilhéus, Ipiaú, Itabuna, Itacaré, Itagi, Itagibá, Itajuípe, Itaparica, Itapé, Itapebi, Itapetinga, Itarantim, Itatim, Itororó, Ituberá, Jaguaquara, Juazeiro, Lauro de Freitas, Luís Eduardo Magalhães, Palmeiras, Piripá, Porto Seguro, Prado, Rio do Pires, Salvador, Santa Cruz Cabrália, Santa Luzia, Santa Maria da Vitória, Santa Teresinha, São Félix, São Francisco do Conde, Serra do Ramalho, Serrinha, Simões Filho, Teixeira de Freitas, Ubatã, Una, Uruçuca, Utinga, Vera Cruz e Vitória da Conquista. 

Por outro lado, 15 cidades que já tiveram a restrição durante a pandemia continuam com transporte intermunicipal autorizado por não registrar novos casos do novo coronavírus há 14 dias ou mais: Barreiras, Bom Jesus da Lapa, Canarana, Candeias, Conceição do Jacuípe, Conde, Correntina, Dias d’Ávila, Entre Rios, Guanambi, Itamaraju, Medeiros Neto, Nova Soure, Pojuca e São Domingos. A Cidade de Jequié, que fazia parte desta lista, voltou a ter o transporte suspenso, de acordo com a publicação no Diário Oficial desta quinta-feira, dia 16/4.

Foto: Reprodução

Fonte: Secom/GOVBA

O Conselho de Desenvolvimento da Região Metropolitana de Feira de Santana

terça-feira, março 17th, 2020

Ganhando força. Com o objetivo de consolidar a Região Metropolitana de Feira de Santana (RMFS), a minuta do projeto para a criação do Conselho de Desenvolvimento da RMFS foi apresentado para prefeitos e representantes de dez municípios na segunda-feira, dia 16/3, em Feira de Santana. Representantes das secretarias estaduais do Planejamento (Seplan) e de Desenvolvimento Urbano (Sedur) realizaram a apresentação. 

A atividade foi um desdobramento do encontro entre o governador Rui Costa, os prefeitos da região e os secretários estaduais do Planejamento, Walter Pinheiro, e de Desenvolvimento Urbano, Nelson Pelegrino, respectivamente, no último dia 9.

De acordo com o superintendente de Planejamento Estratégico da Seplan, Ranieri Muricy, os prefeitos agora vão se reunir para debaterem a proposta. “Trouxemos a minuta. Agora os representantes municipais vão discuti-la para que possamos construir algo que contemple a região, pois existem questões comuns a todas essas cidades”, explicou Muricy, que esteve acompanhado do diretor de Planejamento Territorial da Seplan, José Barreto.

O superintendente de Planejamento e Gestão Territorial da Sedur, Armindo Gonzalez, destacou que “essa é uma discussão de extrema importância para os municípios da região, pois todas as questões metropolitanas, como tratamento de resíduos sólidos, transporte público e até uma ampliação de uma adutora, serão discutidas nesse novo ente inter federativo”. Ele lembrou ainda que, após a criação do Conselho, o próximo passo para a consolidação da RMFS será a realização do Plano de Desenvolvimento Urbano Integrado. 

Para o secretário de Desenvolvimento Urbano de Feira de Santana, Antônio Carlos Borges, o momento agora é de aprofundar as discussões e trazer as propostas à minuta do projeto apresentado pelo Governo do Estado. “É uma questão que vai definir nosso futuro para os próximos 30 anos”, resumiu Borges. 

Também participaram do encontro prefeitos e representantes dos municípios de Serra Preta, Tanquinho, Amélia Rodrigues, Antônio Cardoso, Conceição do Jacuípe, Santa Bárbara, Anguera, Riachão do Jacuípe e São Gonçalo dos Campos.

Foto/fonte: Secom/GOVBA

Rastreamento do Câncer de Mama visita mais três Cidades

terça-feira, agosto 27th, 2019

A Estratégia do Saúde sem Fronteiras Rastreamento do Câncer de Mama esteve na segunda-feira, dia 26/8, na Cidade de Itamaraju, atendendo mulheres de 50 a 69 anos que necessitam realizar mamografia, exame que detecta precocemente casos de câncer de mama. De acordo com a Diretoria de Projetos Estratégicos (Dipro), da Secretaria da Saúde do Estado (Sesab), foram pactuados atendimento para 2.100 mulheres dentro da faixa etária citada. O atendimento prossegue na Cidade até o dia 13 de setembro.

Ainda no mês de agosto, o Saúde sem Fronteiras atenderá às mulheres de da Cidade de Itanhém, Extremo Sul da Bahia (28 de agosto a 10 de setembro), e Eunápolis (29 de agosto a 14 de setembro). Nesses dois municípios, 3.631 mulheres de 50 a 69 anos poderão realizar seus exames de mamografia.

Em Itanhém, a unidade móvel ficará estacionada na Praça Castro Alves, nas proximidades da Casa da Cultura. Já em Eunápolis, a unidade estacionará em dois locais: na Praça do Pequi, de 29/08 a 10/09, e na Praça do Juca Rosa, de 11 a 14/09. Para ser atendida, as pacientes devem levar carteira de identidade, Cartão do SUS e um comprovante de endereço no município.

Para as mulheres com diagnóstico positivo, o tratamento cirúrgico, quimioterápico ou radioterápico será realizado em unidades de alta complexidade em oncologia. Este programa é uma ferramenta de acesso da mulher às ações de atendimento, diagnóstico e tratamento do câncer de mama.

O Saúde sem Fronteiras é um programa da Secretaria da Saúde do Estado, que tem como diferencial o acompanhamento das mulheres com mamografias inconclusivas, com a oferta de exames complementares para o diagnóstico e o encaminhamento ao tratamento, visando a integralidade do atendimento.

O secretário estadual da Saúde, Fábio Vilas-Boas, considera o Saúde sem Fronteiras um dos mais importantes programas de cuidados médicos para o público feminino em ação pela Sesab, “pois apresenta o diferencial do acompanhamento das mulheres com mamografias inconclusivas, permitindo ofertar exames complementares para o diagnóstico e o encaminhamento ao tratamento. A integralidade do atendimento desse programa cumpre a principal diretriz do governo Rui Costa, que visa à regionalização da saúde pública e gratuita em todo o interior do estado”. Fonte: Secom

Foto: Divulgação

Operação da Polícia Civil recupera 15 motos roubadas

sábado, junho 8th, 2019

Operação nota 1000. Uma operação da Policia Civil com agentes das Cidades de Nova Fátima, Serrinha, Valente, Riachão do Jacuípe, Santaluz e Capela do Alto Alegre sob o comando da 15ª Coordenadoria de Polícia do Interior (15ª Coorpin de Serrinha), além de policiais das Delegacias de Várzea da Roça e Mairi (16ª Coorpin de Jacobina), foi realizada com sucesso e batizada de “Operação Moto de Ladrão”.

De acordo coma Polícia Civil, a operação aconteceu nas cidades de Capim Grosso e Várzea da Roça na quinta-feira, dia 6/6. No começo de abril, a Delegacia de Nova Fátima iniciou investigação contra uma associação criminosa, formada por dois homens e uma mulher voltada para a prática de crimes de receptação qualificada e falsificação de documentos, com atuação principalmente na Cidade de Capim Grosso.

Ainda segundo a Polícia Civil, a investigação aponta o funcionamento do esquema: Motos eram furtadas ou roubadas em Feira de Santana e Cidades vizinhas e, no mesmo dia eram levadas para a Cidade de Capim Grosso, para que as vítimas não conseguissem registrar ocorrência e assim, gerar a restrição na placa.

Fotos: Divulgação/Polícia Civil

Fonte: Calila Notícias

Polícia prende ladrão de gado conhecido como “Gordo Cigano”

quinta-feira, maio 23rd, 2019

Caiu na grade. Equipes da Companhia Independente de Policiamento Especializado (Cipe) Nordeste localizaram um homem conhecido como “Gordo Cigano”, apontado como criminoso autor de roubos e furtos de gado nas Cidades de Tucano, Ribeira do Pombal, Cipó, Nova Soure e Olindina, no interior da Bahia. Animais, arma de fogo e equipamentos foram apreendidos.

A ocorrência aconteceu, quando os PMs receberam uma denúncia anônima de furto, na zona rural da Cidade de Olindina. Após varreduras, Gordo Cigano foi preso em flagrante com cinco animais, um revólver calibre 32, munições, um carro, uma moto e um reboque para transporte de gado.

Em depoimento inicial ele informou sobre um comparsa de vulgo “Oreia”, que estaria em um trecho no KM 82, também em Olindina. Os PMs fizeram buscas, não encontraram o criminoso, porém apreenderam mais um reboque para transporte de animais e um veículo. O caso foi registrado na Delegacia Territorial de Olindina.

“Estamos atentos a esta modalidade criminosa e vamos seguir procurando Oreia. Quem tiver informações envie através do telefone 181 (Disque Denúncia)”, informou o comandante da Cipe Nordeste, major Wellington Morais dos Santos.

Foto: Divulgação

Cidades baianas têm maior PIB agropecuário do país

sexta-feira, dezembro 15th, 2017

Riqueza. As Cidades de São Desidério e Formosa do Rio Preto, no Oeste da Bahia, tiveram o maior Produto Interno Bruto agropecuário do país. As informações são referentes ao ano de 2015 e fazem parte de uma pesquisa do Instituto de Geografia e Estatística (IBGE), divulgada na quinta-feira, dia 14/12.

De acordo com a pesquisa, São Desidério teve um PIB agropecuário de pelo menos R$ 1,8 bilhão e Formosa do Rio Preto, de R$ 1 bilhão. O PIB das Cidades foi elaborado em parceria com a Superintendência de Estudos Econômicos e Sociais da Bahia (SEI), as secretarias estaduais de governo e a Superintendência da Zona Franca de Manaus (SUFRAMA).

 

 

Foto: Reprodução

Mais de R$ 1 milhão em viaturas reforça segurança no extremo sul

sábado, fevereiro 11th, 2017

Sete Cidades do Extremo Sul da Bahia receberam, na manhã desta sexta-feira, dia 10/2, reforço na segurança pública com 14 novas viaturas para as Polícias Civil e Militar, com investimento na ordem de R$ 1,27 milhão. Foram oito veículos para a PM de Alcobaça, Teixeira de Freitas, Itamaraju, Medeiros Neto e Mucuri, além de seis carros para a 8ª Coordenadoria de Polícia do Interior (Coorpin-Polícia Civil), na região de Alcobaça, Teixeira de Freitas, Mucuri, Itanhém e Prado.

Depois de ser recebido com música pela Orquestra do projeto Dona Flora e pela Filarmônica Lira São Bernardo, de Alcobaça, o governador Rui Costa realizou as entregas no centro de Alcobaça. Os policiais receberam as chaves das mãos do governador, que comemorou aquele que considera um dos investimentos prioritários de sua gestão, a segurança pública. “Nosso objetivo é melhorar a eficiência, mas também economizar na manutenção desses veículos. Porque valorizamos o trabalho desses homens e mulheres que, todos os dias, colocam suas vidas à disposição da sociedade por uma Bahia mais segura”.

Para o extremo sul, foram quatro motos, sete Rangers, um Spin e dois Palio Adventure. Essas viaturas estão entre as mais de 1.600 viaturas entregues para as polícias Civil e Militar, entre 2015 e 2017, com investimentos na ordem de R$ 200 milhões. Para o major Edmar Leão, da 44ª Companhia Independente de Polícia Militar (CIPM), de Medeiros Netos, a nova viatura é um reforço importante para que a população tenha uma resposta ainda mais efetiva da PM. “Essa viatura se soma àquelas que já temos para aumentar ainda mais o nosso raio de atuação dentro da área de jurisdição da Companhia, são vários distritos e uma zona rural bastante extenso. Vamos ampliar as nossas ações e trabalhar para que a população se sinta ainda mais segura”, contou o major. Ascom

 

 

Fotos: Manu Dias/Divulgação/GOVBA

Governistas pegam estrada em busca de votos e Dilma paga a conta

terça-feira, outubro 14th, 2014

20141014-063632.jpg

Na pressão. A coligação governista baiana vai botar o pé na estrada para colher mais votos à reeleição de Dilma Rousseff (PT). O governador eleito, Rui Costa, reuniu 13 partidos, 38 deputados estaduais e 24 federais, na tarde desta segunda-feira, dia 13, para traçar as estratégias para o segundo turno. Rui quer alcançar a meta de 4 milhões de votos dos baianos e diz que não está longe, mas é preciso cumprir agenda em cada base e município.
“A chapa majoritária vai se separar para cumprir uma agenda com o maior número de municípios. Otto vai para um lugar, Leão para outro, eu para outro. Cada deputado vai assumir uma área”, revela o petista.
Como estratégia para diminuir as abstenções – 23% do eleitorado baiano -, a coligação vai se organizar para garantir transporte aos eleitores. “Muita gente está fora do estado. Vamos tentar manter mobilização de registro dos carros junto à Justiça Eleitoral, fazer legalmente, porque tem que se oferecer transporte para essas pessoas que tem que viajar 50 a 80 km”, aponta. A conta dessas atividades será paga pelo partido e a campanha da presidente.

Foto: adelsoncarvalho.com.br