Posts Tagged ‘estiagem’

Sofrimento: Seca aumenta e deixa mais de 100 mil baianos em situação de emergência

sábado, setembro 8th, 2018

Situação grave. A falta de chuva na região Oeste da Bahia já afeta pelo menos 110 mil pessoas. Apuração do Hora do Bico, dá conta de que 11 das 35 Cidades já decretaram situação de emergência. Bom Jesus da Lapa é a Cidade mais afetada.

Conforme a Superintendência de Proteção e Defesa Civil da Bahia (Sudec), também estão em estado crítico  em função da seca os municípios de Serra do Ramalho, com 25 mil moradores; Ibotirama, onde a seca afeta mais de 11 mil pessoas e Mansidão, com 8 mil pessoas atingidas.

Ainda conforme dados oficiais, a estiagem também chegou à Cidade de Barreiras, uma das mais importantes do agronegócio na Bahia. Um incêndio que teve início na noite de segunda-feira, dia 3/9, levou mais de 24h para ser debelado da vegetação seca.

Foto: Reprodução

Rui Costa sobrevoa áreas atingidas pela seca na Cidade de Queimadas

sexta-feira, fevereiro 24th, 2017
Agilidade. O governador Rui Costa seguiu para a Cidade de Queimadas, na Região Sisaleira da Bahia, por volta das 8h desta sexta-feira, dia 24/2, para vistoria de obras de abastecimento de água realizada. “Sigo a correria para sobrevoar áreas atingidas pela seca na região de Queimadas e as obras emergenciais de abastecimento de água que estamos fazendo por lá”, comunicou Rui em sua página oficial no Facebook.
Cerca de 50 mil moradores das Cidade de Queimadas e Santa Luz, na mesma Região Sisaleira, serão beneficiados com as obras emergenciais para reduzir o impacto da estiagem que comprometeu, nos últimos meses, o abastecimento de água das duas Cidades. As obras, cujo investimento é da ordem de R$ 3,4 milhões, seguem em ritmo acelerado.
Foto: Divulgação/Manu Dias/GOVBA

VÍDEO: Deputado Pastor Sargento isidório relaciona Parada Gay com estiagem em SP

quarta-feira, novembro 5th, 2014

Êta.O deputado Pastor Sargento Isidório (PSC), que foi o segundo mais votado da Assembleia Legislativa (AL-BA) neste ano, usou as dependências da Casa para fazer uma pregação religiosa contra homossexuais, ao sugerir que o suposto “pecado” cometido por eles seria responsável pela estiagem que atinge o estado de São Paulo.
Em vídeo publicado na sua página do Facebook, ele aparece dentro de um gabinete da Assembleia, dançando e cantando, com um guarda-chuva na mão, pedindo para que chova na região paulista.
“Quando o céu cessar e não tiver chuva por ter o povo pecado… Aí estou falando da grande Parada Gay que se dá em São Paulo. […] É o início do cálice se derramando por causa do homossexualismo no nosso Brasil”, diz o parlamentar, que se declara ex-gay e pretende chegar à presidência da AL-BA no próximo ano. O presidente do Grupo Gay da Bahia (GGB-BA), Marcelo Cerqueira, disse em entrevista ao Bahia Notícias que prefere não se aprofundar na “pataquada” de Isidório, porque ele ganharia com esse tipo de debate. “Acredito que ele que diz ter conhecimento bíblico falar uma coisa estapafurdia como essa, só nos leva a creditar que ele é um falso profeta, que semeia mentira e interpretações equivocadas da Bíblia. Ele se aproveita para aparecer na mídia e se comunicar com seu eleitorado ‘tapado’ como ele. Eu penso que mais importante que ele falar sobre isso seria falar dos procedimentos inadequados que ele aplica aos internos da entidade que ele dirige. Muitas pessoas reclamam de maus tratos e situações constrangedores”, rebateu Cerqueira.

As declarações de Isidório poderiam se configurar em quebra de decoro, se algum colega de Casa resolver provocar o Conselho de Ética, com alegação de que ele praticou ofensas morais ou atos que infrinjam as regras de boa conduta nas dependências da Assembleia.

Assista ao vídeo: