Posts Tagged ‘vereador Léo Prates’

Lei proíbe cabos sem utilidade nos postes de Salvador

quarta-feira, junho 7th, 2017

A poluição visual causada pela grande quantidade de cabos expostos nas vias públicas está com os dias contados na capital baiana. Agora, as empresas prestadoras de serviços de telefonia, internet, energia elétrica e tevê por assinatura serão obrigadas a remover a fiação e o cabeamento excedente e sem uso nos postes da cidade.
É o que determina a Lei nº 9.219/2017, sancionada pelo prefeito ACM Neto e publicada no Diário Oficial do Município do último sábado, dia 3/6.

De autoria do presidente da Câmara de Salvador, vereador Leo Prates (DEM), a proposta foi aprovada pela Casa no final de abril deste ano.
De acordo com a nova legislação, a prefeitura notificará as empresas responsáveis pelos fios e cabos que terão de ser retirados. A partir daí, as prestadoras de serviços terão prazo de 30 dias para apresentar ao Poder Executivo um plano de remoção desses equipamentos das vias públicas.
Caso haja descumprimento da norma, a concessionária receberá multa no valor de R$ 5 mil, tendo novo prazo de 30 dias para recolher dos postes o cabeamento em excesso e sem uso. Se a violação persistir, ao término desse período, a punição será de R$ 20 mil por mês.

Foto: Divulgação CMS

“Na Câmara ele chega a ser tímido”, diz Leo Prates sobre Igor Kannário

sexta-feira, maio 26th, 2017

Polêmica. Em uma entrevista exclusiva ao apresentador Adelson Carvalho, na Rádio Sociedade, na manhã desta sexta-feira, dia 26/5, o presidente da Câmara Municipal de Salvador, vereador Leo Prates, respondeu várias perguntas, inclusive sobre a atitude do vereador Igor Kannário que teria desafiado uma Pfem (policial militar feminina), na micareta de Feira de Santana, dizendo: “Você é só uma Pfem! Eu sou mais autoridade do que você. Eu sou vereador. Me respeite! Procure seu lugar!”, frisou.

Cauteloso, Leo Prates disse que ficou surpreso. “Me surpreendeu. Igor é um cara solícito, educadíssimo no contato lá com os vereadores; chega a ser tímido, brincalhão às vezes, comportadíssimo e chega cedo nas sessões”, disse.

Sobre o comportamento de Kannário pagodeiro em cima do trio elétrico nos shows, Leo Prates alfinetou: “Eu brinco com ele, ele pega aquele diabo daquele microfone em cima do trio e se transforma. É inacreditável”, completou.

 

 

Foto: Reprodução/Rádio Sociedade

Oposição na Câmara acusa Democratas de amedrontar população de Salvador

quarta-feira, setembro 2nd, 2015

luizcarlossuica

Largou a joça. O vereador Luis Carlos Suíca (PT), líder da Oposição na Câmara Municipal de Salvador, acusou o Democratas, nesta quarta-feira, dia 2, de “colocar mais medo na população”. A bancada do DEM no Legislativo soteropolitano defendeu a convocação da Força Nacional de Segurança para conter a onda de violência na capital baiana. O líder do Democratas na Casa, vereador Léo Prates, afirmou que “a violência está generalizada” e a cidade vive “crise dramática de uma guerra civil”.

“Não há nenhuma necessidade de convocar a Força Nacional de Segurança. Ela deve atuar em crises institucionais, como a greve da PM, que foi patrocinada pelo PSDB. A Força Nacional tem outras tarefas como proteger as fronteiras junto com a Polícia Federal”, disse o petista, ao acusar os adversários de tentarem criar factóide. “A nossa Polícia Militar é capacitada e tem estrutura para combater a criminalidade. Eles querem é colocar mais medo na população”, acusou.

Para Suíca, o governo municipal e estadual devem unir forças para conter o crescimento dos índices de violência na capital baiana, sinalizados pelo próprio governador Rui Costa, ao afirmar, em seu programa semanal de rádio, que “os últimos acontecimentos em Salvador e em algumas cidades do interior acenderam a luz amarela”. “As ações são outras. O município poderia ofertar escola de tempo integral. Ofertar esporte na educação. Aumentar a participação nos bairros periféricos”, sugeriu o vereador petista.

O DEM justificou a solicitação das tropas federais para “garantir a ordem e a segurança” em Salvador.

 

 

 

Foto: Reprodução