Posts Tagged ‘deslizamentos’

Chuva intensa deixa 4 mortos e mais de 30 feridos e desaparecidos

sábado, maio 27th, 2017

Tempo virou. Muita chuva e fortes chuvas que caem desde a noite de sexta, dia 26/5, deixaram 4 mortos e 33 feridos, segundo o Corpo de Bombeiras. Quatro pessoas estão desaparecidas. Conforme o Corpo de Bombeiros, deslizamento de barreiras em diversos bairros, imóveis desabaram e ruas e avenidas acabaram interditadas. A prefeitura da Capital decretou estado de calamidade pública.

Ainda segundo autoridades, dois dos corpos foram localizados na Grota de Santo Amaro, que fica no bairro Tabuleiro do Martins, na Cidade de Maceió, onde seis pessoas ficaram feridas pelos deslizamentos e quatro estão desaparecidas. Outra vítima foi retirada morta dos escombros em outro bairro, onde outra pessoa ficou ferida.

A Defesa Civil Municipal de Maceió informou que foram registrados, até a manhã deste sábado, dia 27/5, 23 deslizamentos de barreiras, sete quedas de árvores, uma ameaça de deslizamento e oito ameaças de desabamentos de imóveis.

Chuva em Salvador: Codesal registra mais de 130 ocorrências

domingo, junho 28th, 2015
IMG-20150626-WA0014
Vixe. Desde a noite de sexta-feira,  dia 26, as chuvas não param de castigar Salvador e Região Metropolitana. Ruas ficaram alagadas, terras deslizaram e um muro desabou matando uma mulher no bairro de São Marcos.
Só no sábado, dia 27, 133 ocorrências foram registradas pela Defesa Civil. Neste domingo, dia 28, a chuva voltou a atingir Salvador e Lauro de Freitas.  Veja abaixo as ocorrências:
DIA 27

Solicitação

   Quantidade
Alagamento de Área  04
Alagamento de Imóvel 13
Ameaça de Desabamento 30
Ameaça de Desabamento de Muro  01
Ameaça de Deslizamento 06
Árvore Ameacando Cair 02
Árvore Caida 03
Avaliação de Imóvel Alagado 03
Desabamento de Imóvel 03
Desabamento de Muro 06
Desabamento Parcial 04
Deslizamento de Terra 53
Infiltração 03
Pista Rompida 01

Total

133

DIA 28

 

 

Solicitação

   Quantidade
Alagamento de Imóvel 01
Desabamento de Imóvel 01
Deslizamento de Terra 01

Total

03 *

 

Foto:Marcos Costa Jr/adelsoncarvalho.com.br

Chuva em Salvador causa desabamento de imóvel, deslizamento de terra e alagamentos

sábado, junho 27th, 2015

Chuva-em-Salvador-e1435405927829-570x524

 

Devido as chuvas que caem em Salvador, a Defesa Civil (Codesal) já havia recebido 13 solicitações de emergência até as 8h16 deste sábado (27). Entre as ocorrências foram dois alagamentos de área, um alagamento de imóvel, três ameaças de desabamento de imóvel, uma ameaça de queda de árvore, uma avaliação de imóvel alagado, um desabamento de imóvel, dois desabamentos parciais e dois deslizamentos de terra.

 

Foto:Reprodução

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Chuva em Salvador: 13 corpos foram identificados 

terça-feira, abril 28th, 2015

O temporal que atinge Salvador desde a manhã de segunda-feira, dia 27, já soma um total de 15 mortos. Deste número, 13 já tiveram as identidades reveladas e 13 corpos estão no Instituto Médico Legal (IML). Dois corpos foram resgatados na manhã desta terça, dia 28. Um rapaz, Sivaldo Filho, de 30 anos, que faria aniversário hoje e a mãe dele, Zenaide, cujo corpo foi encontrado por volta de 1 da tarde. 
Dois 13 corpos que estão no IML, quatro são da mesma família. São eles: Jonathas Bispo Reis, de 13 anos, Geraldina da Cunha Bispo, Joice Bispo Reis, de 15 anos e Adriano Pereira, de 11 anos.
 
Além deles, foram resgatados os corpos de Samuel Santos de Oliveira, 12 anos, José Cosme de Oliveira, 56 anos, Magnólia Paim dos Santos, 44 anos, Maria José dos Santos, 65 anos, Maria Teresa de Jesus, 57 anos, Elaine Oliveira dos Santos, 30 anos e Jocenildo dos Santos Luz, 33 anos. 
 
O único corpo liberado do IML foi do menino Samuel Santos de Oliveira, de 12 anos
 
Com isso, a Defesa Civil oficializa 13 mortes. Todos estes resgatados segunda, dia 27. Hoje, mais dois foram resgatados, subindo o número para 15. 
 
Estima-se ainda que mais uma menina de 14 anos, de prenome Acácia, esteja sobre os escombros. O corpo dela ainda não foi encontrado. Além de Acácia, moradores falam em outros desaparecidos. Número este não contabilizado pela Codesal
 
Dos 13 corpos que estão no IML, seis são mulheres e sete homens.

Chuva em Salvador: Defesa Civil registra mais de 60 ocorrências nesta quinta-feira

quinta-feira, maio 22nd, 2014

0011

Muita água. A Defesa Civil de Salvador (Codesal) apresenta boletim da “Operação Chuva 2014” nesta quinta-feira, dia 22. Até as 16h41 o órgão recebeu 65 solicitações de emergência. Foram três alagamentos de área, três alagamentos de imóvel, 12 ameaças de desabamento de imóvel, duas ameaças de deslizamento de terra, duas árvores caídas, seis avaliações de imóveis alagados, um desabamento de muro, dois desabamentos parciais, 22 deslizamentos de terra, um galho de árvore caído, sete infiltrações e quatro orientações técnicas. A Codesal permanece com o plantão 24 horas atendendo às solicitações pelo telefone gratuito 199. De acordo com o Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet), o tempo deve permanecer nublado com pancadas de chuva. A temperatura deverá variar entre 22ºC a 27ºC.

A Prefeitura do Salvador prossegue em estado de alerta com o período chuvoso na cidade, desenvolvendo ações que contam com diversos órgãos que compõem o Sistema Municipal de Defesa Civil (SMDC) e dentro da Operação Chuva, em esquema de plantão. Nesta quinta-feira (22), por exemplo, mesmo com o grande volume pluviométrico em um curto espaço de tempo, a cidade não sofreu grandes alagamentos, como tradicionalmente acontecia nesse período.

De acordo com o titular da Secretaria Municipal de Infraestrutura e Defesa Civil (Sindec), Paulo Fontana, ações como recapeamento e recuperação de todo o sistema de microdrenagem colaboraram para que a capital baiana não sofresse tanto com as consequências das chuvas. “No Subúrbio Ferroviário, por exemplo, houve escoamento rápido em locais como as avenidas Almirante Tamandaré e Afrânio Peixoto, pontos comuns de acúmulo de água em outros anos”, ressaltou.

Em regiões mais críticas como o Loteamento Monte Sião, em Periperi, onde a falta do sistema de drenagem costuma provocar alagamentos constantes, o secretário afirmou que já há um projeto para solucionar o problema. De janeiro de 2013 até o momento, já foram investidos somente no Subúrbio Ferroviário cerca de R$15 milhões com pavimentação, recuperação da microdrenagem e da Orla, nos trechos de São Tomé de Paripe e Tubarão.

Fontana alertou ainda a população para o descarte inadequado de lixo e entulho na cidade. “Nesse período de chuva, o material acaba sendo levado pela água para as bocas-de-lobo e para a rede pluvial, causando entupimento e, consequentemente, acúmulo maior de água. É preciso que as pessoas ajudem, evitando jogar lixo na rua”, finalizou.

Fonte: Agecom

Foto: Ilustrativa