Posts Tagged ‘cidade de Várzea Nova’

Homem é morto a facadas; suspeito é preso e confessa crime

segunda-feira, fevereiro 11th, 2019

Haja violência. Um homem foi morto a facadas na Cidade de Várzea Nova, no interior da Bahia, no domingo 9/2. Segundo a Polícia Militar, o suspeito do crime, um jovem de 23 anos, foi preso pouco tempo depois, e confessou o assassinato.

De acordo com a PM,  a vítima, que tinha 31 anos, foi atingida no pescoço, braços e abdômen. O homem morreu no local. O suspeito fugiu com a faca usada no crime.

Ainda segundo a PM, o jovem foi encontrado em uma estrada que liga Várzea Nova ao povoado de Mulungú, na cidade de Miguel Calmon, também no interior da Bahia.

Após confessar o assassinato, ele foi levado para a sede da 16ª Coordenadoria de Polícia Civil do Interior (Coorpin), junto com a faca usada no crime. De acordo com a PM, o jovem contou que cometeu o crime porque tinha uma rixa com a vítima.

Foto: Reprodução

 

Criança de 3 anos é morta e bebê é agredido a pauladas pelo tio

segunda-feira, abril 4th, 2016

Criança de três anos é morta e bebê é agredido a pauladas pelo tio em Várzea Nova

Pai do céu. Um homem foi preso em flagrante suspeito de matar a pauladas o sobrinho de três anos e agredir outros familiares – um deles um bebê de 10 meses – na madrugada de quinta-feira, dia 31, na cidade de Várzea Nova, no interior da Bahia. Segundo informações da delegacia local, o suspeito cometeu os crimes após sofrer um surto psicótico. As vítimas dormiam quando foram atacadas. Ainda segundo a polícia, o suspeito, de prenome Nilton, foi preso após denúncia. Em depoimento, ele confessou as agressões e afirmou que suas ações foram imotivadas. Conforme a delegada Manoela Rodrigues, que investiga o caso, o bebê agredido, também sobrinho do homem, foi transferido para uma unidade de saúde em Feira de Santana. Ainda não há informações sobre seu estado de saúde e nem dos outros familiares agredidos. De acordo com o G1, o suspeito tem histórico de problemas mentais. Ele foi levado para a sede da 16ª Coordenadoria de Polícia Civil do Interior (Coorpin/Jacobina). A polícia já pediu sua prisão preventiva.

Foto: Reprodução/Augusto Urgente